Diferenças entre edições de "Mecatrônica"

740 bytes removidos ,  15h47min de 15 de março de 2020
Remoção de conteúdo sem referência confiável
(Notas)
Etiquetas: Editor Visual Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
(Remoção de conteúdo sem referência confiável)
Etiquetas: Editor Visual Remoção considerável de conteúdo
== Formação ==
A formação nesta área, no Brasil, pode ocorrer em nível técnico e superior. Dentro dos cursos técnicos, tem-se o Técnico em mecatrônica e o Técnico em automação industrial. Os cursos de nível superior levam diversas denominações, como: tecnólogo em mecatrônica e [[engenharia de controle e automação]]. O [[Ministério da Educação (Brasil)|Ministério da Educação]], diferente de outros países, define o curso de graduação em Engenharia de Controle e Automação como o que representa oficialmente esta formação; no entanto, pode-se encontrá-la também como Engenharia Mecatrônica. Apesar de ser uma profissão bem remunerada, ela surgiu em meio a protestos, por retirar empregos de operários de fábricas, e aumentar o que os economistas chamam de desemprego estrutural.
 
Os cursos de engenharia mecatrônica surgem no início dos anos 2000. O prof. Dr. [[Cristiano Torres do Amaral]] é um pioneiro do ensino de mecatrônica na [[Amazônia|Amazônia.]]<ref>{{Citar periódico|ultimo=Amaral|primeiro=Cristiano Torres Do|ultimo2=Salvador|primeiro2=Artur|ultimo3=Siborde|primeiro3=Laya Fernanda Belici|ultimo4=Guedes|primeiro4=Lorena Paula Mendonça|data=2018-03-23|titulo=Desenvolvimento de um medidor por indução de baixo custo para controle de consumo de energia elétrica em unidades residenciais de baixa renda na Amazônia|url=https://periodicos.unifor.br/tec/article/view/6776|jornal=Revista Tecnologia|lingua=pt|volume=38|numero=2|doi=10.5020/23180730.2017.V38.2.6776|issn=2318-0730}}</ref>
 
<br />
 
== Referências ==