Diferenças entre edições de "Ácido bongcréquico"

450 bytes adicionados ,  19h11min de 19 de março de 2020
m
sem resumo de edição
(traduzindo nome/parâmetro nas citações, outros ajustes usando script)
m
| StdInChIKey = SHCXABJSXUACKU-UHFFFAOYSA-N}}|Section2={{Chembox Properties
| C=28 | H=38 | O=7
}}|Name=Ácido bongcréquico}}
}}}}
 
O '''ácido bongkrekicobongcréquico'''<ref name=":0">{{Citar web|titulo=DeCS Server - List Exact Term|url=http://decs.bvs.br/cgi-bin/wxis1660.exe/decsserver/?IsisScript=../cgi-bin/decsserver/decsserver.xis&task=exact_term&previous_page=homepage&interface_language=p&search_language=p&search_exp=%25C1cido%2520Bongcr%25E9quico}}</ref> (também conhecido como '''ácido bongkrékico''', '''ácido bongkréquico''' ou ainda '''flavotoxina A''')<ref name=":0" /><ref>{{Citar web|titulo=Material 381335|url=http://compras.dados.gov.br/materiais/doc/material/381335|data=|acessodata=19 de março de 2020|publicado=|ultimo=|primeiro=}}</ref> é uma [[toxina]] [[Respiração celular|respiratória]] produzida em um [[coqueiro]] [[Fermentação|fermentado]] contaminado pela [[Bactérias|bactéria]] [[Burkholderia cocovenenans|''Burkholderia gladioli'' ''pathovar cocovenenans'']].<ref>{{Citar periódico|primeiro6=P. J. F.|ano=1970|titulo=Bongkrekic Acid: An Inhibitor of Adenine Nucleotide Translocase of Mitochondria|url=http://www.jbc.org/content/245/6/1319.full.pdf|jornal=[[Journal of Biological Chemistry]]|volume=245|páginas=1319–1326|pmid=4245638|último =Henderson}}</ref><ref>{{Citar periódico|primeiro6=P. J. F.|ano=1970|titulo=Bongkrekic Acid: An Inhibitor of Adenine Nucleotide Translocase of Mitochondria|url=http://www.jbc.org/content/245/6/1319.full.pdf|jornal=[[Journal of Biological Chemistry]]|volume=245|páginas=1319–1326|pmid=4245638|último =Henderson}}</ref><ref>{{Citar periódico|último=De Bruijn|primeiro=|primeiro6=J.|ultimo7=Berends|data=|ano=1973|titulo=Structure of Bongkrekic Acid|url=|jornal=[[Tetrahedron (jornal)|Tetrahedron]]|volume=29|páginas=1541–1547|doi=10.1016/S0040-4020(01)83395-0|acessodata=}}</ref> foi implicado em mortes resultantes da ingestão de produtos à base de coco, conhecidos como [[Tempeh|tempe bongkrèk]], que é proibido na [[Indonésia]].<ref>{{Citar livro|título=Chapter 9. Fermented Cereal and Legume Products|data=2012|editor-sobrenome=Bhavbhuti M. Mehta, Afaf Kamal-Eldin and Robert Z. Iwanski|doi=10.1201/b11876-10|isbn=978-1-4398-5334-4|publicação=CRC Press}}</ref> Também foi responsável por 75 mortes e mais de 200 hospitalizações devido a [[Envenenamento por cerveja em Moçambique|cerveja contaminada em um funeral em Moçambique]].<ref name="allafrica.com">{{Citar jornal|url=http://allafrica.com/stories/201511050128.html|titulo=Mozambique: Mass Poisoning Caused By Bacterial Contamination|obra=[[allafrica.com]]}}</ref>
 
É altamente tóxico porque o composto inibe a [[ADP/ATP translocase]], também chamada transportadora mitocondrial ADP/ATP, impedindo que o ATP saia das mitocôndrias para fornecer energia metabólica ao restante da célula.<ref>{{Citar livro|título=Toxicants Occurring Naturally in Foods|data=1973|publicação=National Academy of Sciences}}</ref> A estrutura do ácido bongkrekicobongcréquico ligado à ADP/ATP translocase foi resolvida em 2019, demonstrando que se liga ao local de ligação do substrato, impedindo a ligação do ATP na matriz mitocondrial.<ref>{{Citar periódico|último=Ruprecht|primeiro=|primeiro6=Jonathan J.|ultimo7=Steyaert|data=|titulo=The Molecular Mechanism of Transport by the Mitochondrial ADP/ATP Carrier|url=|jornal=Cell|volume=176|páginas=435–447.e15|doi=10.1016/j.cell.2018.11.025|issn=0092-8674|acessodata=}}</ref>
 
{{Referências}}{{Esboço-bioquímica}}{{Portal3|Bioquímica|Biologia|Química}}{{Controle de autoridade}}