Diferenças entre edições de "Bruce Aylward"

10 bytes removidos ,  12h12min de 29 de março de 2020
m
formatação de ref.
Etiquetas: Inserção de predefinição obsoleta Editor Visual: Trocado
m (formatação de ref.)
 
==Controvérsias==
No dia 28 de março de 2020, durante a [[pandemia de COVID-19]], Bruce Aylward foi entrevistado por videochamada no The Pulse, um programa ligado à rede de televisão Radio Television Hong Kong (RTHK). A entrevistadora questionou se a OMS aceitaria [[Taiwan]] como membro da organização, mas Aylward ignorou a pergunta e ficou em silêncio, o que a motivou verificar se ainda havia comunicação entre eles. Aylward então disse que não havia escutado a pergunta, mas quando a entrevistadora disse que iria repetí-la ele pediu para que ela pulasse para a próxima. Após ser indagado novamente sobre Taiwan, Aylward desligou a chamada. O programa retornou a ligação para Aylward e voltou a perguntar o que ele achava de como Taiwan estava lidando com a pandemia, porém ele se limitou a dizer que já havia falado sobre a [[China]] e procedeu ao encerramento da entrevista. A entrevista foi descrita como um emblemático exemplo da influência chinesa na OMS por críticos como [[Gordon G. Chang]].<ref>{{Cite web|url=https://www.foxnews.com/media/who-china-taiwan-interview|title=WHO accused of 'carrying China's water' after official refuses to acknowledge Taiwan during bizarre interview|first=Joseph|last=Wulfsohn|date=March 28, de março de 2020|website=Fox News}}</ref> A biografia de Bruce Aylward for removida do site da OMS após a entrevista.<ref>{{Cite web|url=https://pjmedia.com/trending/who-expert-mysteriously-disappears-from-website-after-carrying-water-for-china/|title=WHO Expert Mysteriously Disappears From Website After Carrying Water for China|last=Treacher|first=Jim|date=2020-03-28|website=PJ Media|language=en|url-status=live|archive-url=|archive-date=|access-date=2020-03-29}}</ref>
 
== Ver também ==