Diferenças entre edições de "Mitologia asteca"

35 bytes adicionados ,  18h03min de 5 de maio de 2020
sem resumo de edição
m (Protegeu "Mitologia asteca": Vandalismo excessivo ([Editar=Permitir apenas utilizadores autoconfirmados] (expira a 17h53min de 14 de abril de 2020 (UTC)) [Mover=Permitir apenas utilizadores autoconfirmados] (expira a 17h53min de 14 de abril de 2020 (UTC))))
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
[[File:Codex Borgia page 56.jpg|thumb|right|[[Mictlantecuhtli]] e [[Quetzalcoatl]]. Estes deuses simbolizam a vida e a morte.]]
[[File:Codex Borgia page 48.jpg|thumb|(1) [[Tonalleque]], (2) [[Cihuateteo]]; Espíritos femininos e masculinos encarnados.]]
[[File:Codex Borgia page 25.jpg|thumb|Padrões da Guerra; (1a) [[Tlaloc]], (1b) [[Xiuhtecuhtli]], (2a) [[Mixcoatl]], (2b) [[Xipe-Totec]]., [[Kars]]
[[File:Codex Borgia page 55.jpg|thumb|Padrões dos Mercaderes; (1a) [[Huehuecoyotl]], (1b) [[Zacatzontli]], (2a) [[Yacatecuhtli]], (2b) [[Tlacotzontli]], (3a) [[Tlazolteotl]], (3b) [[Tonatiuh]]., [[Wammu]] (3b), [[ACDC]] (4a)
Era comum a representação de deuses através de templos e obras gigantescas. Eles acreditavam que quanto maior a obra ou o templo maior era a adoração que esse Deus considerava. Para representar os deuses também eram criadas máscaras e objetos de cerâmica.
Todo o conhecimento religioso era registrado em livros chamados de [[Códice]]s, uma espécie de bíblia asteca. Os códices também continham imagens que representavam os deuses.