Diferenças entre edições de "Osmose"

4 bytes adicionados ,  12h40min de 28 de maio de 2020
m
sem resumo de edição
m (Desfeita(s) uma ou mais edições de 2001:8a0:f037:4e00:5183:a9f0:d7b6:5e98, com Reversão e avisos)
m
{{mais notas|ciência=sim|data=fevereiro de 2013}}
{{revisão|ciência=sim|data= Junho de 2009}}
A '''osmose''' é o movimento de água através de uma membrana semipermeável ocasionado por diferenças na [[pressão osmótica]]; é um fator importante na vida das células. As membranas plasmáticas são mais permeáveis à água que a maioria das outras moléculas pequenas, íons e macromoléculas, por que os canais proteicos (aquaporinas) na membrana seletivamente permitem a passagem de água.<ref>https://books.google.com.br/books?id=QFaxoQEACAAJ&dq=Principios+da+Bioquimica+de+Lehninger&hl=pt-BR&sa=X&ved=0ahUKEwj98aHKyqbSAhVgOMAKHZKmCsIQ6AEIPTAF</ref>
 
Soluções com osmolaridade igual à do [[citosol]] de uma célula são ditas isotônicas em relação àquela célula. Circundada por uma solução isotônica,uma célula nunca ganha ou perde água. Em soluções hipertônicas (com maior osmolaridade que o citosol),a célula encolhe assim que a água se transfere para fora. Em soluções hipotônicas (com menos osmolaridade que o citosol),a célula incha assim que a água entra. Nos seus ambientes naturais,as células geralmente contêm maior concentração de biomoléculas e íons que nas suas vizinhanças,logo a pressão osmótica tende a enviar a água para dentro das células. Se não estiver de alguma forma contrabalançada,essa invasão de água,para dentro das células pode distender a membrana plasmática e causar o rompimento da célula (osmólise).<ref>https://books.google.com.br/books?id=QFaxoQEACAAJ&dq=Principios+da+Bioquimica+de+Lehninger&hl=pt-BR&sa=X&ved=0ahUKEwj98aHKyqbSAhVgOMAKHZKmCsIQ6AEIPTAF</ref>
1 151

edições