Diferenças entre edições de "Parasita"

12 bytes removidos ,  16h38min de 10 de junho de 2020
m
Desfeita(s) uma ou mais edições de 177.9.233.242, com Reversão e avisos
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel Remoção considerável de conteúdo
m (Desfeita(s) uma ou mais edições de 177.9.233.242, com Reversão e avisos)
Os parasitas obrigatórios são considerados mais adaptados para o parasitismo que os facultativos, uma vez que possuem adaptações para isso. Muitas vezes, um hospedeiro obrigatório desenvolve defesas contra um parasita e, se o parasita consegue desenvolver um mecanismo para ultrapassar essas defesas, pode levar a um processo chamado [[co-evolução]].
 
Os parasitas mais comuns são: os [[vírus]], as bactérias[[bactéria]]s, os vermes[[verme]]s, os artrópodes[[artrópode]]s e os protozoarios.espero ter ajudado[[protozoário]]s
 
==Adaptações do parasita==
Um outro caso de adaptação relaciona-se com a sua forma de disseminação: nos casos do [[plasmódio]] da [[malária]] ou da [[bilhárzia]], a [[reprodução sexuada]] não se dá dentro do hospedeiro, mas sim dentro doutra espécie, que pode servir apenas de [[vector (parasita)|vector]] para a [[infecção]] de outro hospedeiro.
 
{{referências}}
 
Como pulgas,carrapatos etc...
 
== Ver também ==
101 085

edições