Diferenças entre edições de "Proteus mirabilis"

m
(Resgatando 1 fontes e marcando 0 como inativas. #IABot (v2.0beta14))
 
== Tratamento ==
{{aviso-médico}}
'' P. mirabilis '' é geralmente mais suscetíveissuscetível a [[antibiótico]]s exceto por [[tetraciclina]]s, mas 10 a 20% das estirpes de '' P. mirabilis'' são resistentes à primeira geração de [[cefalosporina]]s e a [[ampicilina]].
 
Pacientes sem complicações podem ser tratados em ambulatório com uma [[quinolona]] oral por 3 dias ou [[trimetoprim]]/[[sulfametoxazol]] (TMP/SMZ) por 3 dias. Para os pacientes hospitalizados, a terapia é [[parenteral]] e consiste em [[ceftriaxona]], [[quinolona]], [[gentamicina]] (mais [[ampicilina]]) ou [[aztreonam]] até passar a febre. Em seguida, uma quinolona oral, [[cefalosporina]] ou TMP / SMZ durante 14 dias para completar o tratamento e evitar resistências.<ref name=emed>http://emedicine.medscape.com/article/226434-treatment</ref>