Diferenças entre edições de "Gâmeta"

24 bytes adicionados ,  17h34min de 21 de junho de 2020
Alterei letra normal para letra itálico.
(Alterei letra normal para letra itálico.)
'''''Gâmetas''', '''gametas''' ou '''células sexuais''' são as [[célula]]s dos seres [[vida|vivos]] que, na [[reprodução sexuada]], fundem-se no momento da [[fecundação]] ou [[fertilização]] (também chamada [[concepção]], principalmente nos seres [[humano]]s)<ref name="priberam">{{Citar web |url=http://www.priberam.pt/dlpo/gameta |título=Gâmeta |autor=Dicionário Priberam da Língua Portuguesa |acessodata=10 de julho de 2015}}</ref> para formar um [[ovo]] ou [[zigoto]], que dará origem ao [[embrião]], cujo desenvolvimento produzirá um novo ser da mesma [[espécie]].
Gâmetas são células [[haploide]]s, ou seja, têm apenas um conjunto de [[cromossoma]]s, uma vez que são produzidos por [[meiose]], enquanto que o ovo é [[diploide]]. Os [[Órgão (anatomia)|órgãos]] onde são produzidos os gâmetas chamam-se [[gónada]]s. O processo de produção de gâmetas chama-se [[gametogénese]].''
 
''Os gâmetas têm tipos morfologicamente distintos e o órgão ou o indivíduo que produz o gâmeta de maiores dimensões - o [[ovócito secundário]] - tem a denominação de [[fêmea]] ou [[feminino]], enquanto que o que produz o gâmeta menor, normalmente móvel, é chamado [[macho]] ou [[masculino]].''
 
''Nos [[animalia|animais]], o gâmeta masculino é chamado de [[espermatozoide]]. Nas [[plantae|plantas]] denomina-se [[anterozoide]].''
 
''Nas [[espermatófita]]s, o gâmeta masculino reside no grão de [[pólen]].''
 
''Nas [[pteridófita]]s e [[briófita]]s, os gâmetas femininos são denominados [[oosfera]]s e são produzidas em [[gametângio]]s ou [[arquegónio]]s, enquanto os masculinos são produzidos em [[anterídio]]s.''
 
''O espermatozoide é a célula reprodutora masculina. É uma célula leve e a única móvel que pode movimentar-se a uma velocidade que chega aos 4mm/min. O seu corpo diferencia-se em cabeça, peça intermediária e [[flagelo]]. Na cabeça encontra-se o núcleo que contém metade dos cromossomas. É ainda na cabeça que se encontram vesículas com enzimas, acrossoma, que facilitam a penetração do espermatozoide no óvulo. Na membrana plasmática dos espermatozoides estão presentes proteínas que, ao entrar em contacto com as proteínas presentes na membrana do gâmeta feminino, fundem-se alterando a permeabilidade da membrana do óvulo. É a peça intermediária a responsável pelo movimento do flagelo, que impulsiona o espermatozoide pelo aparelho reprodutor feminino, uma vez que contém mitocôndrias, produtoras de adenosina trifosfato. Os espermatozoides movimentam-se num fluido produzido nas glândulas seminais e na próstata que é libertado no momento da ejaculação.''
 
== Tamanho do gâmeta ==