Diferenças entre edições de "Zona econômica exclusiva do Brasil"

Desfeita a edição 58975649 de 191.136.150.133
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
(Desfeita a edição 58975649 de 191.136.150.133)
Etiqueta: Desfazer
{{ver desambig|a estatal brasileira|Amazônia VerdeAzul Tecnologias de Defesa}}
[[Imagem:Brazil Exclusive Economic Zones.png|thumb|350px|Atual Zona Econômica Exclusiva do Brasil.]]
[[Imagem:Brésil - ZEE et plateau continental.jpeg|thumb|350px|Amplação defendida à ZEE brasileira.]]
A '''Amazônia VerdeAzul''' ou '''território marítimo brasileiro''' é a [[zona econômica exclusiva]] (ZEE) do [[Brasil]], cuja área corresponde a aproximadamente 3,6 milhões de quilômetros quadrados - equivalente à superfície da [[floresta Amazônica]]. A área poderá ser ampliada para 4,4 milhões de quilômetros quadrados em face da reivindicação brasileira perante a Comissão de Limites das [[Nações Unidas]]. É proposto prolongar a [[plataforma continental]] do Brasil em 900 mil quilômetros quadrados de solo e subsolo marinhos, que o país poderá explorar.<ref>[http://www.senado.gov.br/conleg/artigos/direito/DireitosBrasileirosdeZona.pdf Gonçalves, J. B. - Direitos Brasileiros de Zona Econômica Exclusiva...]</ref> Com o prolongamento, a zona passará a ser mais contígua, incluindo as áreas dos [[Ilhas oceânicas do Brasil|arquipélagos brasileiros]] no [[Atlântico Sul]]. A região com a maior Amazônia Azul é o Nordeste, devido a existência de várias ilhas que se encontram bem espaçadas uma das outras em zona marinha contígua (a ilha da Trindade está excessivamente distante da costa para o mesmo ocorrer).
 
Esta região possui muitas riquezas e potencial de uso econômico de diversos tipos:
Utilizador anónimo