Diferenças entre edições de "Rede Tupi"

sem resumo de edição
| imagem = Rede Tupi.svg
| imagem_tamanho =
| tipo = [[Rede de televisão]] comercial[[Televisão aberta|aberta]] [[Radiodifusão comercial|comercial]]
| país = [[Brasil]]
| fundação = {{dtlink|18|9|1950}}
| fundador = [[Assis Chateaubriand]]
| ex-presidente = Assis Chateaubriand (1950-1968)
| cidade de origem = [[São Paulo]], [[São Paulo (estado)|SP]]
| sede = [[São Paulo]], [[São Paulo (estado)|SP]]
| estúdios = [[São Paulo]], [[SãoSP Paulo (estado)|SP]]<br /> [[Rio de Janeiro]], [[Rio de Janeiro (estado)|RJ]]
| slogan = ''Tupi, mais calor humano''
| formato de vídeo = [[480i]] ([[Televisão de definição padrão|SDTV]])
| canal aberto 1 = {{Collapsible list |title=Ver mais|02 [[VHF]] ([[Belém (Pará)|Belém]] e [[Fortaleza]])|03 VHF ([[Blumenau]])|04 VHF ([[São Paulo]], [[Curitiba]], [[Goiânia]] e [[Manaus]])|05 VHF ([[Porto Alegre]], [[Salvador]] e [[Uberaba]])|06 VHF ([[Altamira]], [[Brasília]], [[Curitiba]], [[Florianópolis]], [[Recife]] e [[Rio de Janeiro]])|07 VHF ([[Óbidos (Pará)|Óbidos]] e [[Ponta Grossa]])|08 VHF ([[Aracaju]], [[Macapá]] e [[Cuiabá]])|09 VHF ([[Campina Grande]] e [[Vitória (Espírito Santo)|Vitória]])|10 VHF ([[Imperatriz (Maranhão)|Imperatriz]])|11 VHF ([[Apucarana]])|13 VHF ([[Marabá]])}}
}}
'''Rede Tupi''' foi uma [[rede de televisão]] [[Televisão aberta|aberta]] [[brasil]]eira. sediadaSua namatriz cidadee degeradora, a [[TV Tupi São Paulo|TV Tupi]], capital dode [[São Paulo]], (estado)|estadoinaugurada homônimoem 18 de setembro de 1950 pelo jornalista [[Assis Chateaubriand]]., Foifoi a primeira emissora de televisãoTV a operar no país. Pertencia aos [[Diários Associados]], sendoque inauguradana emépoca, 18detendo devários setembrojornais e rádios, era um dos maiores conglomerados de [[1950]]mídia pelodo jornalistaBrasil. eOutros empresáriocanais [[Assisviriam Chateaubriand]],a queser tambéminaugurados controlavapelo váriosgrupo outrosem veículosalgumas delocalidades comunicaçãodo país, formando umfuturamente grandeuma conglomerado,das osprimeiras [[Diáriosredes Associados]]nacionais.<ref>[http://www.almanaquedacomunicacao.com.br/artigos/132.html Almanaque da Comunicação]{{Ligação inativa|1={{subst:DATA}} }}</ref> Em 2018 de janeirojulho de 19511980, nasceudevido a [[TVproblemas Tupiadministrativos Rioe de Janeiro|TV Tupi Rio]]financeiros, depois em 1955 a [[TVTupi Itacolomi]]sai emdo Minasar Gerais,com e em 1960 a [[TV Brasília]], entre outras, que acabaram por formar a rede. Em 18parte de julhosuas de [[1980]], devido aos vários problemas administrativos e financeiros, a concessão foiconcessões cassadacassadas pelo [[Governo federalFederal do Brasil|governoGoverno brasileiroFederal]]. Outras 6 emissoras que foram afiliadas dela também saíram do ar.
 
== História ==
=== Primeiros passos ===
[[Ficheiro:O-direito-de-nascer-1978.jpg|miniaturadaimagem|O Direito de Nascer ; segundo versão do sucesso já apresentado na década de 60 pela Tupi, adaptado do texto original cubano de [[Félix Caignet]]]]
[[Ficheiro:Calúnia (TV Tupi).png|miniaturadaimagem|Atrizes [[Vida Alves]] e [[Geórgia Gomide]] reproduzindo um beijo em uma cena deda "telenovela ''[[Calúnia " (teleteatrotelenovela)|Calúnia]]'', apresentado pela Rede Tupi emde 1963) ;, sendo este o primeiro beijo homossexualhomoafetivo exibido pelana TV brasileira.]]
Depois de poucos meses de treinamento, alguns radialistas escolhidos por Assis Chateaubriand, o Chatô, lançaram-se à aventura de fazer TV. Os estúdios eram pequenos, o equipamento precário, mas o nascimento da [[TV Tupi São Paulo|TV Tupi]] foi solene. Chateaubriand presidiu a cerimonia que contou com a participação de um cantor [[México|mexicano]], Frei [[José Mojica]], que entoou "A canção da TV", hino composto pelo poeta [[Guilherme de Almeida]], que contou também com a atriz [[Lolita Rodrigues]], especialmente para a ocasião. Um [[balé]] de Lia Marques e declamação da poetisa Rosalina Coelho, nomeada madrinha do "moderno equipamento" fizeram parte do show. A jovem atriz [[Yara Lins]] foi convocada especialmente para dizer o prefixo da emissora — [[PRF-3]] — e o de uma série de rádios que transmitiam em cadeia o acontecimento. A seguir entrou a programação na tela dos cinco aparelhos instalados no saguão do prédio dos Diários Associados.
 
3 746

edições