Diferenças entre edições de "Orfeu Negro"

195 bytes adicionados ,  12h46min de 20 de agosto de 2020
m
→‎Ver também: +correções semiautomáticas (v0.57/3.1.56/0.1) +ligações removidas pois já estão no controle de autoridade +1 item de bibliografia
m (→‎top: Ajuste de parametros duplicados)
m (→‎Ver também: +correções semiautomáticas (v0.57/3.1.56/0.1) +ligações removidas pois já estão no controle de autoridade +1 item de bibliografia)
{{mais fontes|data=julho de 2012}}
{{Info/Filme
|título = Orfeu Negro
|título-pt = Orfeu Negro
|título-br = Orfeu do Carnaval
|imagem = [[Imagem:Orfeu Negro, 1959.jpg|Orfeu Negro, 1959|230px]]
|ano = 1959
|duração = 100
|idioma = [[Língua portuguesa|Português]]
|país = {{BRA}} • {{FRA}} • {{ITA}}
|direção = [[Marcel Camus]]
|roteiro = Marcel Camus<br />Jacques Viot
|criação original = {{Baseado em|[[Orfeu da Conceição]]|[[Vinicius de Moraes]]}}
|produção = Sasha Gordine
|co-produtor =
|produção executivo =
|música = [[Tom Jobim]]<br />[[Luiz Bonfá]]
|edição = Andrée Feix
|diretor de arte =
|diretor de fotografia = [[Jean Bourgoin]]
|figurino =
|precedido_por =
|seguido_por =
|estúdio = Dispat Films<br />Gemma Cinematografica<br />Tupan Filmes
|elenco = [[Breno Mello]]<br />[[Marpessa Dawn]]<br />[[Lourdes de Oliveira]]<br />[[Léa Garcia]]
|código-IMDB = 0053146
|tipo = LF
|cor-pb = cor
}}
'''''Orfeu Negro'''''<ref>{{citar web |url=http://noticias.uol.com.br/ultnot/2005/05/17/ult32u11251.jhtm |publicado=Noticias.uol.com.br |título= |autor= |obra=[[Universo Online]] |data= |acessodata= }}</ref> ou '''''Orfeu do Carnaval'''''<ref>{{citar web|url=http://noticias.r7.com/rio-de-janeiro/noticias/a-espera-de-obama-chapeu-mangueira-e-babilonia-preparam-documentario-e-cartas-ao-presidente-20110316.html|publicado=Noticias.r7.com|autor=|título=|data=|acessodata=|arquivourl=https://web.archive.org/web/20130522152505/http://noticias.r7.com/rio-de-janeiro/noticias/a-espera-de-obama-chapeu-mangueira-e-babilonia-preparam-documentario-e-cartas-ao-presidente-20110316.html|arquivodata=2013-05-22|urlmorta=yes}}</ref> (na [[França]], '''''Orphée Noir'''''; na [[Itália]], '''''Orfeo Negro''''') é um [[filme]] [[Itália|ítalo]]-[[França|franco]]-[[brasil]]eiro de [[1959 no cinema|1959]], dirigido por [[Marcel Camus]] e com [[roteiro]] adaptado por Camus e [[Jacques Viot]] a partir da [[peça teatral]] ''[[Orfeu da Conceição]]'', de [[Vinícius de Moraes]].
 
'''''Orfeu Negro'''''<ref>{{citar web |url=http://noticias.uol.com.br/ultnot/2005/05/17/ult32u11251.jhtm |publicado=Noticias.uol.com.br |título=
|autor= |obra=[[Universo Online]] |data= |acessodata= }}</ref> ou '''''Orfeu do Carnaval'''''<ref>{{citar web|url=http://noticias.r7.com/rio-de-janeiro/noticias/a-espera-de-obama-chapeu-mangueira-e-babilonia-preparam-documentario-e-cartas-ao-presidente-20110316.html|publicado=Noticias.r7.com|autor=|título=|data=|acessodata=|arquivourl=https://web.archive.org/web/20130522152505/http://noticias.r7.com/rio-de-janeiro/noticias/a-espera-de-obama-chapeu-mangueira-e-babilonia-preparam-documentario-e-cartas-ao-presidente-20110316.html|arquivodata=2013-05-22|urlmorta=yes}}</ref> (na [[França]], '''''Orphée Noir'''''; na [[Itália]], '''''Orfeo Negro''''') é um [[filme]] [[Itália|ítalo]]-[[França|franco]]-[[brasil]]eiro de [[1959 no cinema|1959]], dirigido por [[Marcel Camus]] e com [[roteiro]] adaptado por Camus e [[Jacques Viot]] a partir da [[peça teatral]] ''[[Orfeu da Conceição]]'', de [[Vinícius de Moraes]].
 
A trilha sonora é de [[Tom Jobim]] e [[Luís Bonfá]]. Vinícius e [[Antônio Maria de Araújo Morais|Antônio Maria]] também tiveram músicas incluídas, mas, assim como [[Agostinho dos Santos]], que interpretou a música-tema de Orfeu, "[[Manhã de Carnaval]]", não receberam os créditos. O filme teve outra versão em 1999, sob o nome ''[[Orfeu (filme)|Orfeu]]'', dirigida por [[Cacá Diegues]].
 
O filme ganhou o [[Oscar de melhor filme estrangeiro]] em 1960, representando a [[França]].<ref>{{citar web|título=A França no Oscar: veja a lista dos filmes franceses premiados|url=http://blogs.oglobo.globo.com/paris/post/a-franca-no-oscar-veja-lista-dos-filmes-franceses-premiados-561194.html|acessodata=2 de Junho de 2016}}</ref> Trata-se da primeira produção de [[língua portuguesa]] a conquistar a estatueta do [[Oscar]] e a única na categoria de melhor filme estrangeiro.<ref>{{citar web|título=Quando os portugueses chegaram aos Óscares|url=http://mag.sapo.pt/cinema/atualidade-cinema/artigos/quando-os-portugueses-chegaram-aos-oscares?artigo-completo=sim|acessodata=2 de Junho de 2016}}</ref> É também, juntamente com ''[[Mustang (filme)|Mustang]]'', um dos dois únicos filmes não francófonos a representar a França no [[Oscar]].
 
== Enredo ==
Um dia, ela revela tudo a Orfeu. Ele a protege e diz que vai ficar ao seu lado. O namoro deles é puro e inocente, sem malícia. Passa o tempo. Um dia, se divertindo no último dia de carnaval, Eurídice teme que o homem apareça, e acha melhor voltar para a favela, que fica perto. Ela entra num beco escuro, para subir a favela, mas ela não conhece bem o local e fica assustada. O homem a encontra e a persegue. Ela sai correndo desesperada e entra num galpão velho e escuro. Ela tenta se esconder do homem, mas este a acha. Desesperada, ela pula de um tablado e se segura em um fio de alta tensão. Orfeu chega e liga a tensão, Eurídice cai e morre eletrocutada. Orfeu briga com homem e fica inconsciente, quando acorda se dá conta dos fatos. Ele fica desolado.
 
A ambulância chega e leva o corpo ao [[Instituto Médico Legal]]. Ele não pode ir junto. [[Quarta-feira de cinzas]] e Orfeu só sabe chorar. Ele vai atrás do corpo, faz uma sessão [[Espiritismo|espírita]] na qual Eurídice baixa no corpo de uma senhora, mas, enfim, Orfeu acha seu corpo. Ele sequestra-o e leva à favela. Mira vê, e enfurecida, joga uma pedra na cabeça de Orfeu, com a pancada ele cai de uma ribanceira com o corpo morto de [[Eurídice]] nos braços e morre também. O amor verdadeiro que uniu esse casal por um curto período de tempo resistiu à morte!
 
== Elenco principal ==
* [[Léa Garcia]] .... Serafina
* [[Adhemar Ferreira da Silva]] .... Morte
* [[Alexandro Constantino]] .... Hermes
* [[Waldemar de Souza|Waldir de Souza]] (Waldir 59) .... Chico Bôto
* [[Jorge dos Santos]] .... Benedito
* [[Aurino Cassiano]] .... Zeca
* [[Tião Macalé]] .... Homem vendendo o Gramofone.
* [[Cartola_(compositor)|Cartola]] (participação especial)
 
== Principais prêmios e indicações ==
{{portal-cinema}}
[[Festival de Cannes]] 1959 (França)
* Recebeu a [[Palma de Ouro]].
== Influência ==
Orfeu Negro foi citado por Jean-Michel Basquiat como uma de suas primeiras influências musicais, enquanto [[Barack Obama]] observa em seu livro de memórias Dreams from My Father (1995) que era o filme favorito de sua mãe.
 
Obama, no entanto, não compartilhar preferências de sua mãe após a primeira a ver o filme durante seus primeiros anos na Universidade de Columbia: "de repente eu percebi que a representação dos negros infantis que eu estava vendo agora na tela, a imagem inversa de selvagens escuros de Conrad , era o que minha mãe tinha levado com ela para o Havaí todos aqueles anos antes, um reflexo das fantasias simples que haviam sido proibidas de uma menina branca, de classe média do Kansas, a promessa de uma outra vida: quente, sensual, exótica, diferente .
 
== Remakes e adaptações ==
Em 1999, um novo filme, Orfeu, foi feita por Carlos Diegues, com uma trilha sonora que caracteriza o cantor e compositor brasileiro [[Caetano Veloso]]. O diretor disse que não era um remake de Orfeu Negro, mas um filme baseado na peça original de Vinicius de Moraes, de 1956.
 
Em julho de 2014, uma adaptação musical de Broadway Orfeu Negro foi anunciada, a ser escrita por Lynn Nottage e dirigido por George C. Wolfe..<ref>[http://www.playbill.com/news/article/193206-Lynn-Nottage-Will-Pen-Stage-Adaptation-of-Black-Orpheus-George-C-Wolfe-to-Direct]</ref>.
 
== Na cultura popular ==
{{Referências}}
 
== Ligações externasBibliografia ==
* {{Citar periódico|ultimo=Campos-Muñoz|primeiro=Germán|data=2012|titulo=Contrapuntos órficos: Mitografía brasileña y el mito de Orfeo|url=https://muse.jhu.edu/article/502895|jornal=Latin American Research Review|lingua=es|volume=47|numero=4|paginas=31–48|doi=10.1353/lar.2012.0048|issn=1542-4278}}
* {{imdb título|0053146}}
* {{Amg título|5910|Black Orpheus}}
 
{{Oscar de melhor filme estrangeiro}}