Diferenças entre edições de "Tolui Cã"

Sem alteração do tamanho ,  04h03min de 21 de agosto de 2020
sem resumo de edição
Esteve presente na última campanha de Gêngis contra o [[Império Tangute]] (Xia) e após a morte dele em 1227, supervisionou o [[Império Mongol]] até a eleição de seu irmão [[Oguedai]] {{nwrap|r.|1229|1241}} em 1229. Como filho mais novo, herdou como seu [[apanágio]] a porção não distribuída do patrimônio de seu pai no centro do [[planalto da Mongólia]]. Esteve nas campanhas de Oguedai e Mangu contra o Império Jim, servindo como estrategista e comandante de campo. Em 1232, com as defesas dos Jins rompidas, a campanha retornou ao norte e Tolui faleceu pouco depois.{{sfn|Mote|2003|p=447}} [[Ata Malique Juveini]] diz que a causa da morte foi [[alcoolismo]], enquanto a ''[[História Secreta dos Mongóis]]'' aponta que se sacrificou para curar Oguedai, que adoeceu durante a campanha na China.<ref name=At />
 
Os [[xamã]]s determinaram que a origem da doença eram os espíritos terrestres e aquáticos da China, que estavam furiosos pela expulsão de seus súditos e devastação de suas terras. Apesar da oferta de terras, animais e até outras pessoas a doença de Oguedai Cã só piorava, porém quando este ouviu que havia sido decidido oferecer o [[Sacrifício humano|sacrifício]] de um próprio membro da família, imediatamente melhorou; Tolui se ofereceu e morreu logo em seguida, após ingerir uma bebida enfeitiçada.{{sfn|Kahn|1984|p=xxvi}} Seja como for, postumamente, em 1252, Mangu lhe concedeu o título de [[grão -cã]].{{sfn|Weatherford|2004|p=169}}
 
{{Referências|col=2}}