Diferenças entre edições de "Drácula"

Sem alteração do tamanho ,  27 agosto
sem resumo de edição
m (Foram revertidas as edições de 201.131.179.67 para a última revisão de Johnny Paes, de 20h22min de 29 de julho de 2020 (UTC))
Etiqueta: Reversão
 
O romance tornou-se mais significativa para os leitores modernos do que foi para os leitores contemporâneos vitorianos, que só atingiu o seu grande status lendário clássico no século 20, quando as versões cinematográficas apareceram. No entanto, alguns fãs da época vitoriana o descreveram como "a sensação da temporada" e "o romance de gelar o sangue do século". Sir [[Arthur Conan Doyle]] criador de [[Sherlock Holmes]] escreveu a Stoker em uma carta: "Eu escrevo para lhe dizer o quanto eu gostei de ler Drácula".
== Ver também ==
* [[Vlad, o Empalador]]
 
{{Referências}}
 
 
== Bibliografia ==
* Miller, Elizabeth. ''Dracula: Sense & Nonsense''. 2nd ed. Desert Island Books, 2006. ISBN 1-905328-15-X
* [[Leonard Wolf|Wolf, Leonard]]. ''The Essential Dracula''. ibooks, inc., 2004. ISBN 0-7434-9803-8
 
== Ver também ==
* [[Vlad, o Empalador]]
 
{{Referências}}
 
== Ligações externas ==
115 553

edições