Lução: diferenças entre revisões

4 bytes removidos ,  23h04min de 28 de agosto de 2020
m
v2.03b - Corrigido usando WP:PCW (en dash ou em dash)
m (v2.03b - Corrigido usando WP:PCW (en dash ou em dash))
}}
 
'''Luzón''', em [[Língua portuguesa|português]] '''Lução''',<ref>{{citar web|url=https://ec.europa.eu/translation/portuguese/magazine/documents/folha61_pt.pdf|titulo=Um década de nova toponímia|ultimo=Correia|primeiro=Paulo|data=Outono de 2019|obra=a folha - Boletim da língua portuguesa nas instituições europeias|acessodata=17 de janeiro de 2020|series=N.º 61|paginas=7&ndash;137–13}}</ref> é a maior [[ilha]] das [[Filipinas]], com {{formatnum:104688}} km² (a [[Lista de ilhas por tamanho|17.ª maior do mundo]]) e é também o nome de um grupo de ilhas daquele país. Na ilha se localiza [[Manila]], a capital do país. O seu ponto mais alto é o [[monte Pulag]] com 2966 m de altitude. Tem cerca de 49 milhões de habitantes, o que a torna na 4.ª ilha mais habitada do mundo.<ref>[http://www.census.gov.ph/sites/default/files/attachments/hsd/pressrelease/Population%20and%20Annual%20Growth%20Rates%20for%20The%20Philippines%20and%20Its%20Regions%2C%20Provinces%2C%20and%20Highly%20Urbanized%20Cities%20Based%20on%201990%2C%202000%2C%20and%202010%20Censuses.pdf Dados sobre população]</ref>
 
O nome é de origem português, ''Luções'', que os exploradores portugueses no Sudeste Asiático usaram para se referir a um dos grupos étnicos que ocuparam a ilha de Luzón, no início do século XVI<ref>Pires, Tomé (1944). Armando Cortesão (translator). Ed. ''A suma oriental de [[Tomé Pires]] e o livro de Francisco Rodriguez: Leitura e notas de Armando Cortesão [1512 - 1515]''. Cambridge: Hakluyt Society</ref>.