Diferenças entre edições de "Lolita"

m
sem resumo de edição
m
m
No capítulo três do romance ''[[The Gift (livro de Nabokov)|The Gift]]'' (escrito em russo em 1935–37), a similar essência do primeiro capítulo de ''Lolita'' é delineada para o protagonista, Fyodor Cherdyntsev, por seu senhorio Shchyogolev como uma ideia de um romance que ele iria escrever "se eu apenas tivesse o tempo": um homem casa com uma viúva apenas para ganhar acesso para sua jovem filha, que resiste a todos os seus passes. Shchyogolev diz que isso aconteceu "na realidade" para um amigo dele; isso é feito claro para o leitor que isso diz respeito a si mesmo e sua enteada Zina (com 15 anos na época do casamento de Shchyogolev para sua mãe), que se torna o amor da vida de Fyodor.
 
Em abril de 1947, Nabokov escreveu para [[Edmund Wilson]]: "Eu estou escrevendo ... um curto romance sobre um homem que gostava de pequenas meninas—e está indo para ser chamado ''The Kingdom by the Sea''".<ref>{{Citation |último = Nabokov |capítulo = Letter dated 7 April 1947 |título = Dear Bunny, Dear Volodya: The Nabokov Wilson Letters, 1940–1971 |editor-nome = Simon |editor-sobrenome1 = Karlinsky |local= Berkeley |publicado= [[University of California Press]] |ano = 2001 | isbn = 978-0-520-22080-5 |página = 215}}.</ref> A obra expandiu em ''Lolita'' durante os próximos oito anos. Nabokov usou o título ''A Kingdom by the Sea'' em seu romance pseudo-autobiográfico de 1974, ''[[Look at the Harlequins!]]'', por um livro como ''Lolita'' escrito pelo narrador que, em adição, viaja com sua filha adolescente Bel de motel para motel após a morte de sua mãe; mais tarde, sua quarta esposa é parecida com Bel e compartilha seu aniversário.
 
No romance de Nabokov de 1962, ''Fogo Pálido'', o titular poema pelo ficcional John Shade menciona o Furacão Lolita vindo pela costa leste americana em 1958, e o narrador Charles Kinbote (no comentário mais tarde no livro) nota isso, questionando por que alguém teria escolhido um obscuro apelido espanhol para um furacão. Não houve furacões nomeados "Lolita" naquele ano, mas aquele é o ano que ''Lolita'' o romance foi publicado na América do Norte.
4 097

edições