Prémio Carlos Paredes: diferenças entre revisões

191 bytes adicionados ,  09h07min de 1 de setembro de 2020
sem resumo de edição
* 2016 - "Pedro Mestre – Campaniça do Despique" de [[Pedro Mestre]] <ref>http://www.cm-vfxira.pt/frontoffice/pages/50?news_id=3060]</ref>
* 2017 - "Hoje É Assim, Amanhã Não Sei" de [[Ricardo Ribeiro]] // "Projeto Michel Giacometti de [[ARTEMSAX]] & [[Lino Guerreiro]] <ref>https://www.dn.pt/lusa/interior/fadista-ricardo-ribeiro-e-quarteto-artemsax--lino-guerreiro-vencem-premio-carlos-paredes-8815874.html</ref>
* 2018 - "Cavaquinho Cantado" de Daniel Pereira Cristo{{Carece de fontes|data=outubro de 2018}}
* 2019 - "Branco" de [[Cristina Branco]] // "Serpente Infinita" de José Valente<ref>https://www.jn.pt/artes/cristina-branco-e-jose-valente-vencem-premio-carlos-paredes-11338188.html</ref>
 
== Vencedores do Prémio Carreira ==
Utilizador anónimo