Diferenças entre edições de "Maratona de Londres"

246 bytes adicionados ,  14h13min de 4 de outubro de 2020
atualizando
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
(atualizando)
 
|outros nomes=
|organizador= The London Marathon Limited
|número de edições= 3840
|número de participantes= ~ 35.000
|frequência=anual
|primeiro campeão=Dick Beardsley <small>'''H'''</small><br> Inge Simonsen <small>'''H'''</small><br>[[Joyce Smith]] <small>'''M'''</small>
|último campeão=
|atual campeão=[[EliudShura Kipchoge]]Kitata<small> '''H'''</small><br>[[Brigid KosgeyKosgei]]<small> '''M'''</small>
|maior campeão=<small>'''HOMENS'''</small><br>[[Eliud Kipchoge]]<br><small>'''MULHERES'''</small><br>[[Ingrid Kristiansen]]
|site oficial=[http://www.virginlondonmarathon.com londonmarathon.com]
Por muitos anos, a Maratona de Londres e a [[Polytechnic Marathon]], também corrida na área de Londres e existente desde 1909, competiram pela preferência popular, até que em 1996 a segunda deixou de existir, devido à popularidade da primeira. Em seus mais de trinta anos de história, ela registrou a morte de doze corredores, a mais recente delas ocorrida em 2012, quando Claire Squires, uma cabeleireira de 30 anos, teve um colapso e morreu na metade do percurso. Ela havia acabado de abrir uma página no site ''JustGiving'', conhecido no país por fazer coleta de doações de todos os tipos para pessoas necessitadas e deficientes, em nome da instituição de caridade ''Samaritans''. Em poucas horas depois que a notícia de sua morte começou a circular, o valor das doações na página de Claire subiu de 500 libras para 600 mil libras.<ref>{{citar web|url=http://www.telegraph.co.uk/sport/othersports/athletics/london-marathon/9224715/Tragic-marathon-runner-Claire-Squires-inspired-by-memory-of-dead-brother.html|titulo=Tragic marathon runner Claire Squires 'inspired by memory of dead brother'|publicado=The Telegraph|acessodata=27/03/2013}}</ref> Por outro lado, o [[boxe]]ador Michael Watson tornou-se um herói nacional e alvo das manchetes de toda a imprensa britânica quando, em 2003, após ser diagnosticado como incapaz de voltar a andar depois de um nocaute sofrido nos ringues, disputou e completou a maratona em seis dias.<ref>{{citar web|url=http://news.bbc.co.uk/sport2/hi/athletics/london_marathon_2003/2958573.stm|titulo=Poignant end to Watson's epic journey |publicado=BBC Sports|acessodata=05/05/2011}}</ref>
 
Em 2018, a rainha [[Elizabeth II]] deu inicio à maratona, remotamente através de um botão, desde o [[castelo de Windsor]].<ref>{{citar web|URL=https://www.jn.pt/desporto/especial/interior/rainha-vai-dar-a-partida-da-maratona-9209597.html|título=Rainha vai dar a partida da maratona|autor=|data=|publicado=|acessodata=}}</ref> Em 2020, devido à [[pandemia de Covid-19]] ela foi realizada em outubro, ao invés do tradicional mês de abril, e disputada apenas por um pequeno grupo de atletas de elite num percurso de 19 voltas em torno do [[St. James Park]], fechado ao público.<ref>{{citar web|URL=https://www.worldathletics.org/news/report/london-marathon-2020-kitata-kosgei-kipchoge|título=Kitata conquers Kipchoge while Kosgei retains title at London Marathon|autor=|data= 4 outubro 2020|publicado=[[World Athletics]]|acessodata=4 outubro 2020}}</ref>
 
==Percurso==
 
==Recordes==
Londres faz parte da ''[[World Marathon Majors]]'', grupo que congrega as maiores maratonas anuais do mundo, não apenas pelo seu tamanho e popularidade mas pela qualidade técnica. Quatro recordes mundiais já foram estabelecidos na prova. Os dois primeiros nos anos 80, na maratona feminina, com as norueguesas [[Grete Waitz]] (1983 —- 2:25:29) e [[Ingrid Kristiansen]] (1985 —- 2:21:06), este último levando treze anos para ser superado.<ref>{{citar web|url=http://www.iaaf.org/athletes/norway/ingrid-kristiansen#personal-bests|titulo=Ingrid Kristiansen personal bests|publicado=IAAF|acessodata=27/03/2013}}</ref> Em 2002, o marroquino [[Khalid Khannouchi]], então naturalizado norte-americano, abaixou a própria marca anterior, conquistada em [[Chicago]] em 1999, para 2:05:38.<ref>{{citar web|url=http://news.bbc.co.uk/sport2/hi/other_sports/specials/london_marathon_2002/1929071.stm|titulo=Khannouchi breaks world record|publicado=BBC Sports|acessodata=27/03/2013}}</ref> O último dos recordes mundiais ali estabelecido foi o da britânica [[Paula Radcliffe]] (2003 2:15:25), marca tão expressiva entre as mulheres que se mantémmanteve imbatível por dezesseis anos – e nãocontinua ameaçadosendo atéo hojerecorde de Londres – quando foi quebrado pela queniana [[Brigid Kosgei]], bicampeã das edições de 2019 e 2020, na [[Maratona de Chicago]].<ref>{{citar web|URL=https://runnersworld.com.br/brigid-kosgei-vence-maratona-de-chicago-com-recorde-mundial/|título=Brigid Kosgei vence em Chicago com recorde mundial|autor=|data=|publicado=Runner's World|acessodata=4 outubro 2020}}</ref>
 
OsO maioresmaior vencedoresvencedor da maratonaprova sãoé o mexicanoqueniano [[DionicioEliud CerónKipchoge]] (1994-95-96), ocom quenianoquatro [[Martin Lel]]vitórias (20052015-200716-200818-19), eque também detém o portuguêsrecorde [[Antóniode Pinto2:03:05 (fundista)|Antóniona Pinto]]edição (1992-1997-2000).de Pinto2016, o único homem [[lusófono]]então a tersegunda ganhomelhor amarca provado mundo no feminino [[Rosa Mota]]para a venceu em 1991 – o fez por três vezesdistância.<ref>{{citar web|url=http://www.associatedcontentiaaf.comorg/articlenews/2927122report/london_marathon_multiple_male_winners.htmllondon-marathon-kipchoge|titulotítulo=LondonKIPCHOGE Marathon: Multiple Male Winners|acessodata=05/05/2011}}{{Ligação inativa|1={{subst:DATA}} }}</ref> Sua marca de 2000 —RUNS 2:0603:3605 TO aindaWIN hojeTHE é o recorde europeu naLONDON maratonaMARATHON, apenasSECOND igualada,FASTEST masTIME não superada, em 2005, pelo francês Benoît Zwierzchiewski, na [[Maratona de Paris]].<ref>{{citar webEVER|url=http://www.iaaf.org/statistics/records/inout=o/discType=5/disc=MAR/detail.html|titulopublicado=IAAF records|acessodata=05/05/201124 de abril de 2016}}</ref> Entre as mulheres, a maior vencedora é a norueguesa [[Ingrid Kristiansen]], também quatro vezes campeã (1984-85--87-88).
 
O atual recorde da prova masculina é do queniano Eliud Kipchoge que conquistou o tempo de 2:03:05 na edição de 2016, então a segunda melhor marca do mundo para a distância.<ref>{{citar web|url=http://www.iaaf.org/news/report/london-marathon-kipchoge|título=KIPCHOGE RUNS 2:03:05 TO WIN THE LONDON MARATHON, SECOND FASTEST TIME EVER|publicado=IAAF|acessodata=24 de abril de 2016}}</ref>
 
==Vencedores==
!País
!Tempo
|-
|[[2020]]
|Shura Kitata
|{{flagicon|ETH}}
|align="center"| '''2:05:41'''
|-
|[[2019]]
!País
!Tempo
|-
|[[2020]]
|[[Brigid Kosgei]]
|{{flagicon|KEN}}
|align="center"| '''2:18:58'''
|-
|[[2019]]
|[[Brigid KosgeyKosgei]]
|{{flagicon|KEN}}
|align="center"| '''2:18:20'''
* {{KEN}} - 15
* {{GBR}} - 6
* {{ETH}} - 34
* {{POR}} - 3
* {{MEX}} - 3
* {{ETH}} - 3
* {{USA}} - 2
* {{JAP}} - 2
{{col-2}}
=== Mulheres ===
* {{KEN}} - 1213
* {{GBR}} - 7
* {{NOR}} - 6
<center>
<gallery>
File:2017 London Marathon - Elite Women & Men winners.jpg|<small>[[Mary Keitany]] e Daniel Wanjiru, os vencedores em 2017.</small>
File:London Marathon 2018 (27765192508).jpg|<small>A queniana [[Brigid Kosgei]] a caminho da vitória em 2018.</small>
File:London Marathon 2005 cropped.jpg|<small>Milhares de corredores nas ruas de Londres durante a maratona de 2005.</small>
</center>
 
{{referências|col=2}}
 
{{commonscat|London Marathon}}