Diferenças entre edições de "Representações de Maomé"

1 332 bytes adicionados ,  01h19min de 30 de outubro de 2020
m
m (→‎Ligações externas: não é mais um esboço)
 
A 15 de Outubro de 2020, em pleno dia, em Paris, o professor Samuel Paty foi decapitado por um jovem russo de origem [[Chechênia|chechena]] após mostrar na sala de aula as caricaturas de Maomé.<ref>{{Citar periódico |titulo=Macron speaks of 'existential' fight against terrorism after teacher killed in France |url=https://www.theguardian.com/world/2020/oct/16/french-police-shoot-man-dead-after-knife-attack-near-paris-school |data=2020-10-17 |lingua=en-GB |primeiro=Kim |ultimo=Willsher |publicado=The Guardian}}</ref><ref>{{Citar web |ultimo= |primeiro= |url=https://www.dn.pt/mundo/homem-decapitado-em-paris-policia-atira-sobre-agressor-12930457.html |titulo=França. Professor decapitado após mostrar caricaturas de Maomé. Um ″ataque terrorista islâmico″, diz Macron - DN |data=16 de Outubro de 2020 |publicado=Diário de Notícias |lingua=pt}}</ref><ref>{{Citar periódico |titulo=L’effroi des habitants de Conflans-Sainte-Honorine après le meurtre d’un enseignant, décapité « par un monstre » |url=https://www.lemonde.fr/societe/article/2020/10/17/a-conflans-sainte-honorine-l-effroi-des-habitants-apres-la-mort-d-un-enseignant-decapite-par-un-monstre_6056385_3224.html |data=2020-10-17 |lingua=fr |publicado=Le Monde |ultimo=Couvelaire |primeiro=Louise}}</ref><ref>{{Citar web |ultimo= |primeiro= |url=https://www.dn.pt/mundo/o-simpatico-professor-paty-e-o-seu-carrasco-de-18-anos-o-ultimo-choque-terrorista-em-franca-12932990.html |titulo=O ″simpático″ professor Paty e o seu carrasco de 18 anos. O último choque terrorista em França - DN |data=17 de Outubro de 2020 |publicado=Diário de Notícias}}</ref>
 
Na manhã do dia 29 de Outubro de 2020, na basílica de Notre Dame, ao sul da cidade de [[Nice]], um terrorista islâmico, para reparar o insulto ao [[Maomé|profeta]], esfaqueou e matou duas pessoas no interior da basílica, um homem e uma idosa que foi praticamente decapitada, a terceira vítima, a brasileira Simone Barreto Silva, foi ferida fatalmente e morreu num restaurante quase em frente à catedral, onde tentou se abrigar. De acordo com a polícia, o suspeito é um jovem de origem tunisiana. Os agentes atiraram nele, mas ele continuou vivo e levado sob custódia. <ref>{{Citar periódico |titulo=Ataque com faca em Nice mata três: o que se sabe até agora |url=https://www.bbc.com/portuguese/internacional-54732152 |jornal=BBC News Brasil |acessodata=2020-10-30 |lingua=pt-BR}}</ref> <ref>{{Citar web |url=https://www.cnnbrasil.com.br/internacional/2020/10/29/brasileira-e-uma-das-vitimas-de-ataque-em-nice-na-franca |titulo=Brasileira é um dos mortos do ataque em Nice, na França |acessodata=2020-10-30 |website=CNN Brasil}}</ref> <ref>{{Citar web |url=https://g1.globo.com/mundo/noticia/2020/10/29/brasileira-e-uma-das-vitimas-do-atentado-a-basilica-de-nice-na-franca.ghtml |titulo=Brasileira é uma das vítimas de ataque na basílica de Nice, na França |acessodata=2020-10-30 |website=G1 |lingua=pt-br}}</ref>
 
=== Artigo da Wikipédia em língua inglesa ===
[[Imagem:Maome.jpg|miniatura|250px|direita| Maomé, conforme ilustração contida na obra "Os Sinais dos Séculos Passados que Permanecem" (ou "Cronologia das Antigas Nações") do sábio polímata [[Abū Rayhān al-Bīrūnī|Abu Rayhan al-Biruni]] , (973-1048) um dos intelectuais mais destacados do mundo islâmico.]] Em 2008, vários muçulmanos protestaram contra a inclusão de representações de Maomé no artigo da Wikipedia em inglês <ref>{{Citar web|titulo=Muslims Protest Wikipedia Images of Muhammad|url=https://web.archive.org/web/20121019022444/http://www.foxnews.com/story/0,2933,328966,00.html|data=19 de Outubro de 2012|publicado=Fox News (Arq. em WayBack Machine)}}</ref>
 
A petição ''on line'', com cerca de 100 mil assinaturas, opôs-se principalmente à reprodução de uma cópia otomana do século XVII de uma imagem manuscrita do [[Ilcanato]] do século XIV representando Maomé.<ref>{{Citar web|titulo=L'art du livre arabe|url=http://expositions.bnf.fr/livrarab/pedago/grands/0_01.htm|obra=expositions.bnf.fr|acessodata=31 de Maio de 2020|data=|publicado=Biblioteca Nacional de França}}</ref> Jeremy Henzell-Thomas, escritor e conferencista, do ''The American Muslim (TAM)'', deplorou a petição como uma destas "reacções mecânicas irreflectidas [que] são presentes para aqueles que procuram todas as oportunidades para desacreditar o Islão e ridicularizar os muçulmanos, e só podem exacerbar uma situação em que os muçulmanos e os meios de comunicação social ocidentais parecem estar fechados, numa espiral sempre decrescente de ignorância e aversão mútua".<ref>{{Citar web|titulo=The American Muslim (TAM)|url=http://www.theamericanmuslim.org/tam.php/features/articles/wikipedia_and_depictions_of_the_prophet_muhammad_the_latest_inane_distracti/0015659|obra=www.theamericanmuslim.org|acessodata=2020-05-31}}</ref>
 
A comunidade da Wikipédia não deu seguimento à petição e afirmou que a Wikipédia não se auto censura em benefício de qualquer grupo <ref>{{Citar periódico|ultimo=Davies|primeiro=Caroline|data=2008-02-17|titulo=Wikipedia defies 180,000 demands to remove images of the Prophet|url=https://www.theguardian.com/technology/2008/feb/17/wikipedia.islam|jornal=The Observer|lingua=en-GB|issn=0029-7712}}</ref> .
438

edições