Diferenças entre edições de "Engenheiro"

1 780 bytes adicionados ,  09h59min de 12 de novembro de 2020
sem resumo de edição
== Engenheiro Civil ==
O Engenheiro Civil desenvolve a sua profissão ou atividade utilizando o conhecimento de ciências matemáticas, físicas e dos materiais, adquirido através do estudo, da experiência e da prática, com o fim de desenvolver o projeto, a construção e a manutenção de infraestruturas, de forma económica e em respeito pelo meio ambiente, materializadas em edifícios, pontes, barragens, vias de comunicação, sistemas de abastecimento e tratamento de águas, aeroportos, portos e sistemas de produção de energia, numa lógica funcional, estética e de segurança de pessoas e bens.<ref>{{citar livro|título=Engenharia Civil: Uma perspetiva sobre a formação e a profissão|ultimo=Ramos|primeiro=Carlos Matias|ultimo2=Figueiredo|primeiro2=Eloi|editora=Edições Universitárias Lusófonas|ano=2020|local=Lisboa|página=|páginas=}}</ref>
 
=== Exercício da profissão de Engenheiro Civil: legislação ===
 
A natureza da profissão de Engenheiro Civil e o seu comprometimento com a sociedade para a qual desenvolve essa atividade, numa função de garantir o bem-estar da população e a proteção de pessoas e bens, impõem a intervenção do Estado no estabelecimento de Regulamentos e Normas que têm de ser cumpridas pelo engenheiro no exercício da sua profissão e nas diversas áreas de atividade.
 
Efetivamente, o Engenheiro Civil exerce uma profissão de confiança pública, pelo que o seu exercício está regulado com base nesses Regulamentos e Normas que constituem o enquadramento legal. Constitui, portanto, uma exigência para o exercício profissional, o conhecimento detalhado de toda a legislação existente e o seu cumprimento.
 
Compete ao Estado, através dos diferentes órgãos da Administração Central e Local, garantir a observância dessa legislação.
 
Refere-se igualmente que o exercício da profissão de engenheiro está contemplado no Regime Jurídico que estabelece a qualificação profissional, com destaque para a qualificação exigível aos engenheiros responsáveis pela elaboração e subscrição de projetos, pela fiscalização e pela direção de obras. Atualmente, em Portugal a regulação do exercício da profissão de Engenheiro Civil está delegada pelo Estado nas Ordens Profissionais.
Note-se que os termos Regulamento e Norma podem ser empregados como sinónimos, no sentido em que ambos designam uma instrução do que deve ser feito. Contudo, se entendermos o regulamento como o ato de regular e de estabelecer regras, então este pode englobar um conjunto de disposições e assumir um carácter mais geral, cujas partes serão as normas propriamente ditas.
 
== Ver também ==
20

edições