Diferenças entre edições de "Aeroporto Internacional de João Pessoa"

m
Desfeita(s) uma ou mais edições de Thdlalves (A referência diz o contrário.), com Reversão e avisos
(a localização do aeroporto com base na lei municipal de definição de limites territoriais.STF decide que Aeroporto Castro Pinto e o bairro Eitel Santiago pertencem a Bayeux O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, nesta quinta-feira (12), que o Aeroporto Presidente Castro Pinto pertence ao município de Bayeux. A decisão foi proferida pela ministra Carmem Lúcia ao manter a Constitucionalidade da Lei Municipal 1.409/2015. A ministra entendeu que não cabe julgar Ação Direta de Inconstitucionali)
Etiquetas: Editor Visual Referências removidas Revertida
m (Desfeita(s) uma ou mais edições de Thdlalves (A referência diz o contrário.), com Reversão e avisos)
Etiqueta: Reversão manual
 
|administração = {{ESPb}}[[:es:Aena Internacional|Aena Internacional]]<ref name="aena">{{citar web|url=http://www.aena.es/es/corporativa/aena-adquiere-grupo-aeroportuario-nordeste-brasil.html|título=Aena adquiere el grupo aeroportuario del Nordeste de Brasil|publicado=www.aena.es|data=15 de março de 2019|acessodata=14 de agosto de 2019|língua=es}}</ref>
|cidade_servida = [[Região Metropolitana de João Pessoa]]
|localização = [[BayeuxSanta Rita (Paraíba)|BayeuxSanta Rita]], [[Paraíba|PB]], Brasil
|inauguração = {{Dtlink|20|8|1957|idade}}
|desativação =
}}
 
O '''Aeroporto Internacional de João Pessoa - Presidente Castro Pinto''' {{Códigos aeroporto|JPA|SBJP}}<ref>{{citar web|url=http://www.gcmap.com/airport/JPA|título=Airport JPA|publicado=Great Circle Mapper|acessodata=14 de agosto de 2019|língua=en}}</ref> é um aeroporto internacional localizado no município de [[BayeuxSanta Rita (Paraíba)|BayeuxSanta Rita]], na [[Paraíba]].<ref name="G1">{{citar web|url=https://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/2019/09/11/aeroporto-castro-pinto-volta-a-pertencer-ao-municipio-de-santa-rita-na-pb-decide-stf.ghtml|título=Aeroporto Castro Pinto volta a pertencer ao município de Santa Rita, na PB, decide STF|publicado=G1|data=11 de setembro de 2019|acessodata=12 de setembro de 2019}}</ref> Situado a 7,5 quilômetros da capital [[João Pessoa]]<ref>{{citar web|url=http://www.distanciasentrecidades.com/pesquisa?from=Aeroporto+Bayeux&to=Centro%2C+Jo%C3%A3o+Pessoa+|título=Distância de Bayeux a João Pessoa|publicado=Distância Entre Cidades|acessodata=14 de agosto de 2019}}</ref> e a 22 km da [[Praia de Tambaú]], seu acesso se dá através da [[BR-230]] (região das [[praia]]s) ou da Via Oeste (centro da cidade). Sua localização é privilegiada com relação a obstáculos por abranger terrenos situados em um altiplano de cotas hidrográficas em torno de 65 metros e estar suficientemente afastado das áreas urbanas ou de grande expansão imobiliária.
 
A ocupação do [[solo]] nas imediações apresenta baixa [[densidade demográfica]] e grandes espaços vazios; os empreendimentos existentes são industriais de porte médio e as residências são do tipo casa de campo. Não há acidentes geográficos de grande porte e as edificações baixas não constituem obstáculos às operações aéreas.
Nessa reforma foram realizados os seguintes serviços de modernização:reforma nas salas VIP’s; reforma nos sanitários do Terminal de Passageiros;ampliação na Seção de Contra-Incêndio; pintura da estrutura espacial; reforma dos guarda-corpos dos postes de iluminação dos pátios de estacionamento de aeronaves; emborrachamento de todas as rampas do terminal de passageiros; ampliação da área administrativa; construção de prédio para a manutenção; construção de abrigo de viaturas, entre outros serviços menores.{{carece de fontes}}
 
Em 2013, teve fim, uma briga de mais de 50 anos entre os municípios de Bayeux e Santa Rita, localização do aeroporto, segundo decisão judicial, publicada em Diário Oficial em 26 de novembro do mesmo ano. Com a nova decisão, o aeroporto passa a pertencer 56% ao município de Bayeux e 44% ao município de Santa Rita, ambos localizados na Grande João Pessoa. Diante desta decisão, os passageiros pousam na cidade de Santa Rita e desembarcam, na cidade de Bayeux. A decisão foi tomada visando facilitar a aplicação de recursos e cobrança dos impostos em cada município{{carece de fontes}}.O SupremoEm Tribunalnova Federaldecisão (STF)em decidiu2019, ,Supremo queTribunal oFederal Aeroportojulga Presidenteinconstitucional Castroa Pintolei pertenceresultante aodesse municípioacordo dee Bayeux.devolve Ao decisãoaeroporto foipara proferidao pelamunicípio ministrade CarmemSanta LúciaRita.<ref ao manter a Constitucionalidade da Lei Municipal 1.409name="G1"/2015.>
 
=== Concessão à iniciativa privada ===