Diferenças entre edições de "Neo Química Arena"

666 bytes adicionados ,  09h40min de 25 de novembro de 2020
m
Foram revertidas as edições de Hairon de Almeida para a última revisão de Elder N, de 21h22min de 17 de novembro de 2020 (UTC)
(Remoção de informação desatualizada e/ou incorreta, acrescentando-se a informação atual relacionada ao nome do estádio e melhoria na concordância de duas frases.)
Etiquetas: Editor Visual Remoção considerável de conteúdo Revertida
m (Foram revertidas as edições de Hairon de Almeida para a última revisão de Elder N, de 21h22min de 17 de novembro de 2020 (UTC))
Etiqueta: Reversão
| classi.UEFA = {{avaliação 5}}
}}
A '''Neo Química Arena'''<ref name=":0">{{Citar web |url=https://globoesporte.globo.com/futebol/times/corinthians/noticia/corinthians-vende-naming-rights-arena-hypera-pharma-neo-quimica-oficial-anuncio.ghtml |titulo=Corinthians anuncia venda dos naming rights da Arena |acessodata=2020-09-01 |website=ge |lingua=pt-br}}</ref>, anteriormente denominada como '''Arena Corinthians''',<ref>{{Citar web|url=http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ombudsma/om2310201101.htm |título=Ombudsman: Fúria corintiana |publicado=Folha de S.Paulo |data=23 de outubro de 2011 |autor=Suzana Singer |acessodata=21 de maio de 2014}}</ref><ref>{{Citar web|url=http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ombudsman/166517-a-revolta-do-batismo.shtml |título=Ombudsman: A revolta do batismo |publicado=Folha de S.Paulo |data=18 de maio de 2014 |autor=Vera Guimarães Martins |acessodata=21 de maio de 2014}}</ref> mas popularmente conhecida como '''Itaquerão''',<ref name="Itaquerão">{{citar web |url=http://exame.abril.com.br/brasil/noticias/para-maioria-estadio-e-itaquerao-e-nao-arena-corinthians |título=Para maioria, estádio é Itaquerão e não Arena Corinthians |autor=Beatriz Souza |editor=[[Revista Exame]] |data=23 de maio de 2014}}</ref><ref>{{citar web|url = http://copadomundo.uol.com.br/noticias/redacao/2013/10/25/favela-vizinha-a-estadio-sela-nome-itaquerao-e-se-ve-incluida-na-copa.htm|título = Favela vizinha a estádio sela nome 'Itaquerão' e se vê incluída na Copa|data = 25 de outubro de 2013|acessodata = 12 de setembro de 2020|publicado=UOL Copa}}</ref> é um [[estádio de futebol]] localizado no distrito de [[Itaquera]], na [[Zona Leste de São Paulo|Zona Leste]] do município de [[São Paulo (cidade)|São Paulo]], [[Brasil]]. De propriedade do [[Sport Club Corinthians Paulista]], sua capacidade é de 49.205 lugares, sendo o [[Lista dos maiores estádios de futebol do Brasil|14º maior estádio do Brasil]]. O Ministério do Esporte lançou o Sistema Brasileiro de Classificação de Estádios (Sisbrace), que propõe a melhoria em conforto, segurança, acessibilidade e condições sanitárias e de higiene dos estádios do país, tendo a Neo Química Arena Corinthians recebido avaliação máxima com cinco bolas<ref>{{citar web |url=http://sportv.globo.com/site/programas/redacao-sportv/noticia/2016/01/entre-155-estadios-apenas-13-deles-ganham-avaliacao-maxima-em-sistema.html|título=Entre 155 estádios, apenas 13 deles ganham avaliação máxima em sistema|acessodata=24 de março de 2016 |data=28 de janeiro de 2016 |autor=SporTV.com |publicado=SporTV}}</ref>, além de ganhar também o prêmio de melhor projeto de arquitetura do país no ano de 2011.<ref>{{citar web|url=http://globoesporte.globo.com/futebol/copa-do-mundo/noticia/2011/07/arena-do-timao-ganha-premio-de-melhor-projeto-de-arquitetura-do-pais.html|data=6 de julho de 2011|acessodata=24 de março de 2016|publicado=GloboEsporte|ultimo=|primeiro=|autor=Alexandre Massi|título=Arena do Timão ganha prêmio de melhor projeto de arquitetura do país}}</ref>
 
A arena foi inaugurada oficialmente em 18 de maio de 2014 em uma partida entre a equipe do [[Corinthians]] e o {{Futebol Figueirense}}, com derrota do time paulista pelo placar de 1 a 0, na [[Campeonato Brasileiro de Futebol de 2014 - Série A|Série A do Brasileiro]] daquela temporada. Poucas semanas depois de sua inauguração oficial, sediou a cerimônia de abertura da [[Copa do Mundo FIFA de 2014]], que incluiu a partida entre [[Seleção Brasileira de Futebol|Brasil]] e [[Seleção Croata de Futebol|Croácia]], no qual Brasil venceu por 3x1 , e outros cinco duelos do torneio, entre os quais uma semifinal. Devido à exigência da [[FIFA]] de pelo menos 60 mil lugares para o jogo inaugural da Copa do Mundo, foram incluídos mais {{fmtn|19800}} assentos temporários ao estádio exclusivamente para atender a exigência.<ref>{{citar web |url=http://www1.folha.uol.com.br/fsp/esporte/fk0511201005.htm |título=Reunião decide hoje o Itaquerão |acessodata=8 de janeiro de 2015 |data=5 de novembro de 2010 |autor=Eduardo Ohata |coautores=Martín Fernandez |publicado=Folha de S.Paulo}}</ref><ref>{{citar web |url=http://www.valor.com.br/empresas/2919140/ambev-e-odebrecht-ampliarao-o-itaquerao-para-abertura-da-copa |título=Ambev e Odebrecht ampliarão o Itaquerão para abertura da Copa |acessodata=8 de janeiro de 2015 |data=27 de novembro de 2012 |autor=Andrea Licht |publicado=Valor Econômico}}</ref><ref name="temporaryseats2">{{citar web |url = http://www.copa2014.gov.br/pt-br/noticia/sistema-de-iluminacao-da-arena-corinthians-e-testado |titulo = Foram acionados os refletores dos setores leste e oeste, num total de 212 unidades, cada uma com 2 000 watts de potência |data = 24 de fevereiro de 2014 |acessodata = 24 de fevereiro de 2014 |arquivourl = https://web.archive.org/web/20140301165421/http://www.copa2014.gov.br/pt-br/noticia/sistema-de-iluminacao-da-arena-corinthians-e-testado |arquivodata = 2014-03-01 |urlmorta = yes }}</ref> Com o fim do Mundial de 2014, o Corinthians determinou a retirada das estruturas temporárias.<ref name=IG-10-07-2014>{{citar web |url=http://copadomundo.ig.com.br/2014-07-10/arquibancadas-provisorias-da-arena-corinthians-comecam-a-ser-retiradas.html |título=Arquibancadas provisórias da Arena Corinthians começam a ser retiradas |acessodata=8 de janeiro de 2015 |data=10 de julho de 2014 |publicado=iG}}</ref><ref name=GE-30-10-2014>{{citar web |url=http://globoesporte.globo.com/futebol/times/corinthians/noticia/2014/10/corinthians-encerra-retirada-de-arquibancadas-provisorias-na-arena.html |título=Corinthians encerra retirada de arquibancadas provisórias na Arena |acessodata=8 de janeiro de 2015 |data=30 de outubro de 2014 |publicado=Globoesporte.com}}</ref>
[[Imagem:Final Paulistão 2017.jpg|thumb|Primeiro título conquistado pelo Corinthians na arena, na final do [[Campeonato Paulista de Futebol de 2017|Paulistão 2017]], contra a Ponte Preta]]
[[Ficheiro:Setor Norte Área das Organizadas.jpg|thumb|Setor Norte destinado a área das torcidas organizadas do [[Sport Club Corinthians Paulista|Corinthians]]]]
O novo estádio do Corinthians começou a ser construído sem um nome de batismo oficial, apenas com o nome provisório de ''Arena Corinthians'' ou ''Arena Itaquera''.<ref name="FSP/OMBUDSMAN-23-OUT-2011">{{Citar web|url=http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ombudsma/om2310201101.htm|data=23 de outubro de 2011|acessodata=21 de maio de 2014|publicado=Folha de S.Paulo|autor=Suzana Singer|título=Ombudsman: Fúria corintiana}}</ref> Sem um nome definitivo, muitos meios de comunicação brasileiros passaram a se referir ao campo por apelidos como ''Fielzão''<ref name="CostCutting"/><ref name="AnibalR7"/><ref name="fieldsize"/> e, principalmente, ''Itaquerão''.<ref name="FSP/OMBUDSMAN-23-OUT-2011"/><ref name="FSP/OMBUDSMAN-18-MAI-2014">{{Citar web|url=http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ombudsman/166517-a-revolta-do-batismo.shtml|data=18 de maio de 2014|acessodata=21 de maio de 2014|publicado=Folha de S.Paulo|autor=Vera Guimarães Martins|título=Ombudsman: A revolta do batismo}}</ref><ref name="UOL/SEGALLA-30-SET-2013">{{Citar web|url=http://viniciussegalla.blogosfera.uol.com.br/2013/09/30/itaquerao-arena-corinthians-ou-qual-nome/ |título=Itaquerão, Arena Corinthians ou qual nome? |publicado=UOL |data=30 de setembro de 2013 |autor=Vinícius Segalla |acessodata=21 de maio de 2014}}</ref> A justificativaimprensa seria dejustifica que é uma tradição no país chamar os estádios brasileiros pelo nome do bairro - por exemplo, os estádios do [[Estádio do Pacaembu|Pacaembu]], [[Estádio do Morumbi|Morumbi]], [[Estádio do Maracanã|Maracanã]], [[Estádio do Canindé|Canindé]]<ref name="FSP/OMBUDSMAN-18-MAI-2014"/><ref name="UOL/SEGALLA-30-SET-2013"/> - ou por aumentativo, cuja alcunha tem grande apelo popular com o acréscimo do''"ão"'' no final - entre os quais, [[Estádio do Engenhão|Engenhão]], [[Estádio do Mineirão|Mineirão]]{{nota de rodapé|O costume de chamar os estádios brasileiros pelo aumentativo é atribuído aos tempos da [[Ditadura Militar do Brasil|Ditadura Militar]], tendo começado a partir da inauguração do Mineirão, em Belo Horizonte.<ref name="FSP/OMBUDSMAN-18-MAI-2014"/><ref name="ESPN/MCP-18-MAI-2014"/>{{Citar web|url=http://espn.uol.com.br/post/411418_nome-itaquerao-nao-atrapalha-prejudica-a-incapacidade-do-corinthians-que-nao-consegue-vender-o-naming-rights |título=Palmeiras vende "naming rights". Corinthians não consegue e acusa imprensa porque povo consagra "Itaquerão" |publicado=ESPN |data=18 de maio de 2014 |autor=Mauro Cezar Pereira |acessodata=21 de maio de 2014}}</ref>}}, [[Estádio Governador Plácido Castelo|Castelão]], [[Mangueirão]], [[Barradão]] e [[Estádio do Vivaldão|Vivaldão]].<ref name="FSP/OMBUDSMAN-18-MAI-2014"/><ref name="ESPN/MCP-18-MAI-2014"/>
 
Tendo a intenção de negociar os [[naming rights]] do novo estádio, a diretoria do [[Corinthians]] fez pedidos para que a imprensa não utilizasse os nomes ''Fielzão'' e o mais popular e comumente ''Itaquerão'', alegando que esse uso atrapalharia as negociações com empresas ou grupos interessados em batizar a arena corintiana.<ref name="FSP/OMBUDSMAN-23-OUT-2011"/><ref name="FSP/OMBUDSMAN-18-MAI-2014"/><ref name="UOL/SEGALLA-30-SET-2013"/><ref name="ESPN/MCP-18-MAI-2014"/> O clube chegou mesmo a pedir a troca de placas de sinalização instaladas por [[São Paulo (cidade)|São Paulo]] com o nome ''Estádio Itaquera''.<ref>{{Citar web|url=http://esportes.terra.com.br/futebol/placas-comecam-a-ser-alteradas-com-o-nome-arena-corinthians,3a715b74c8cf5410VgnCLD200000b0bf46d0RCRD.html |título=Placas começam a ser alteradas com o nome Arena Corinthians |publicado=Terra |data=14 de maio de 2014 |acessodata=21 de maio de 2014}}</ref> No entanto, diversos meios de comunicação têm chamado o estádio como Itaquerão, causando reclamações entre dirigentes e parcela de torcedores corintianos.{{nota de rodapé|O dirigente corintiano Luis Paulo Rosenberg protestou contra a Folha de S.Paulo pelo uso do nome "Itaquerão": "Acho imperdoável chamar de Itaquerão. O clube já escreveu à Folha pedindo para parar com isso, e nada mudou."<ref name="FSP/OMBUDSMAN-18-MAI-2014"/> Alguns torcedores do clube também mandaram mensagens com reclamações.<ref name="FSP/OMBUDSMAN-23-OUT-2011"/>}}