Diferenças entre edições de "Antiga teoria quântica"

1 byte removido ,  10h08min de 3 de dezembro de 2020
→‎História: Estilística: evitar repetição de palavras.
(Incluída referência)
(→‎História: Estilística: evitar repetição de palavras.)
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
 
Kramers deu a fórmula para calcular a probabilidade de transição entre estados quânticos em termos de componentes de Fourier de movimento, ideias que foram estendidas em colaboração com [[Werner Heisenberg]] para uma descrição semiclássica em forma de matriz das probabilidades de transição atômicas. Heisenberg reformulou toda a teoria quântica em termos de uma versão dessas matrizes de transição, criando a [[mecânica matricial]].
 
Em 1924, [[Louis de Broglie]] introduziu a teoria ondulatória da matéria, que foi estendida para uma equação semiclássica para ondas de matéria por Einstein pouco tempo depois. Em 1926 [[Erwin Schrödinger]] encontrou uma função de onda completamente quântica, que reproduzia com sucessoacerto todos os sucessos da antiga teoria quântica sem ambiguidades e inconsistências. A mecânica ondulatória de Schorödinger se desenvolveu separadamente da mecânica das matrizes até que Schrödinger e outros provaram que os dois métodos previam as mesmas consequências experimentais. [[Paul Dirac]] provou em 1926 que ambos os métodos podem ser obtidos de um método mais geral chamado [[teoria da transformação]].
 
A mecânica das matrizes e a mecânica ondulatória puseram um fim à era da antiga teoria quântica.
20

edições