Piervy Kanal: diferenças entre revisões

2 406 bytes adicionados ,  17 de dezembro de 2020
sem resumo de edição
Etiquetas: Editor Visual Inserção de predefinição obsoleta
Etiquetas: Editor Visual: Trocado Inserção de predefinição obsoleta
| fundador =
| pertence a =
| proprietário = <small>(in 2020)</small><br />Agência Federal parade PropriedadeGestão Estatalde Propriedades Estaduais]] (38,.9%)<br /> Grupo de Mídia Nacional (2529%)<br />[[Roman Abramovich]]VTB (2420%)<brref>{{cite web|url= https:/>/www.kommersant.ru/doc/3906763|work=[[TASSКоммерсантъ]]|title= (agência"Abramovich dehas notíciassold russo)VTB share in the Channel One"||language=ru|date=7/03/2019}}</ref><br />[[TASS]] (9,.1%)<br />[[ Centro Técnico Ostankino]] (3.0%)<ref>{{cite web|url=http://www.interfax.ru/business/626622|title=National Media Group acquired 4% of the shares of Channel One from Roman Abramovich's company|language=ru|publisher=Интерфакс|date=26/08/2018}}</ref>
| presidente =
| cidade de concessão =
 
De 1995 a 2002 a emissora foi chamada de '''Televisão Pública Russa'''. (em russo: Общественное Российское Телевидение, transl ''Obschestvennoye Rossiyskoye Televideniye'').<ref>{{cite web|url=http://www.ortv.ru/ |title=Home Page ORT (English) |publisher=Web.archive.org |date=19 de abril de 1997 |accessdate=4 de maio de 2016 |archiveurl=https://web.archive.org/web/19970419163916/http://www.ortv.ru/ |archivedate=19 de abril de 1997 }}</ref>
== História ==
Assim que a [[União Soviética]] foi abolida, a [[Rússia|Federação Russa]] assumiu a maioria de suas estruturas e instituições. Um dos primeiros atos do novo governo de [[Boris Yeltsin]] foi a assinatura de um decreto presidencial em 27 de dezembro de 1991, estabelecendo a jurisdição russa sobre o sistema central de televisão. A 'All-Union State TV and Radio Company' Gosteleradio foi transformada na 'Companhia Estatal Russa de Rádio e TV Ostankino'.
Um decreto presidencial de 30 de novembro de 1994 transformou Ostankino em uma [[sociedade anônima fechada]], a Televisão Pública Russa (Obshchestvennoe Rossiyskoye Televideniye ou ORT). As ações foram distribuídas entre órgãos estaduais (51%) e acionistas privados, incluindo vários bancos (49%). A privatização parcial foi inspirada pela situação financeira intolerável de Ostankino devido aos enormes custos de transmissão e uma folha de pagamento inchada (equipe total de cerca de 10.000 no início de 1995).
Após a [[crise financeira russa de 1998 | colapso financeiro de 1998]], o canal obteve um empréstimo governamental de $ 100 milhões de vários bancos controlados pelo estado (Vneshekonombank). <ref>''Television in the Russian Federation: Organisational Structure, Program Production and Audience''</ref> Ainda em 1998, a sociedade anônima fechada foi transformada em sociedade anônima. No entanto, o controle dos votos no conselho de administração permaneceu nas mãos de estruturas ligadas ao então empresário Boris Berezovsky ligado ao Kremlin. Graças a esse estado de coisas, Berezovsky conseguiu preservar o controle sobre os fluxos de caixa do canal e também sobre sua linha editorial até 2002.
 
Manteve os tradicionais programas e programas do Primeiro Canal da [[Televisão Central Soviética|Televisão Soviética]], como ''[[Vremya]]'', ''KVN'', ''Chto? Gde? Kogda?'', ''V mire zhivotnykh'' e ''Clube de Viajantes''; os dois últimos programas não estão mais no ar neste canal.
== Séries ==
* [[A Próxima Vítima (telenovela)|A Próxima Vítima]]. Julho 1996 - 1997
* [[O Rei do Gado]]. 1997 - 1998
 
* [[Anjo mau]]- 1998