Pierre Buyoya: diferenças entre revisões

11 bytes adicionados ,  18 de dezembro de 2020
m
atualização de acordo com a própria fonte
m
m (atualização de acordo com a própria fonte)
|nascimento_local = Rutovu, [[Ruanda-Urundi]]
|morte_data = {{morte|17|12|2020|24|11|1949}}
|morte_local = [[BamakoParis]], [[MaliFrança]]
|ocupação = político
}}
'''Pierre Buyoya''' (Rutovu, [[24 de novembro]] de [[1949]] – [[BamakoParis]], [[17 de dezembro]] de [[2020]]) foi um político e militar que governou o [[Burundi]] por duas vezes: de 1987 a 1993 e de 1996 a 2005. Com os quinze anos juntos como Chefe de Estado, Buyoya é, até agora, o político que por mais tempo atuou como [[Presidente do Burundi|presidente do país]].
 
==Biografia==
Em 2012, foi nomeado Alto Representante da União Africana no [[Mali]] e no [[Sahel]] pelo presidente da Comissão da UA, Nkosazan Dlamini-Zuma, no contexto da resolução da [[Revolta no norte do Mali (2012–presente)|crise no norte do Mali]]<ref>{{citar web|url=http://www.slateafrique.com/97165/pierre-buyoya-nomme-haut-representant-de-lua-pour-le-mali-et-le-sahel|título=''Pierre Buyoya nommé Haut représentant de l'UA pour le Mali et le Sahel''}}.</ref><ref>{{citar web|url=http://www.inforpress.publ.cv/index.php?option=com_content&task=view&id=74808&Itemid=2|título=União Africana nomeia Pierre Buyoya para chefiar missão no Mali|data=|publicado=Inforpress|acessodata=}}</ref>
 
Budoya morreu no dia 17 de dezembro de 2020 em um hospital de [[BamakoParis]], aos 71 anos, de [[COVID-19]].<ref>{{citar revista|último=Gras|primeiro=Romain|data=18 de dezembro de 2020|título=Burundi : décès de Pierre Buyoya, le putschiste devenu démocrate|url=https://www.jeuneafrique.com/1092704/politique/burundi-lancien-president-pierre-buyoya-est-decede/|língua=fr|revista=Jeune Afrique|acessodata=18 de dezembro de 2020}}</ref>
 
{{referências}}
[[Categoria:Presidentes do Burundi]]
[[Categoria:Governantes que tomaram o poder por golpe de Estado]]
[[Categoria:Mortes por COVID-19 na França]]