Diferenças entre edições de "Blue Öyster Cult"

1 byte removido ,  00h44min de 24 de dezembro de 2020
m
→‎História: Correção tipográfica
m (→‎História: Correção tipográfica)
Em 1988 foi lançado "[[Imaginos]]", álbum conceitual e extremamente bem produzido, considerado um ponto alto da banda pelos fãs embora não tenha conseguido nenhum sucesso comercial. Na realidade "Imaginos" deveria ter sido um trabalho solo do baterista Albert Bouchard, tendo sido lançado sobre o nome do Blue Oyster Cult por força de contrato com a gravadora.
 
Em 1992 a banda participou da trilha sonora do filme de ficção científica "Bad ChanellsChanels". As turnês cada vez mais extensas (embora para platéias menores que nos anos 80) levou a banda a diminuir sensivelmente a sua produção de estúdio, tendo sido lançados nos últimos anos apenas compilações, regravações de músicas anteriores e sobras de estúdio. Escrevendo para o ''[[Yahoo!]]'', [[Regis Tadeu]] publicou uma crítica positiva para a banda em 2012, chamando de "Um dos mais lendários nomes americanos do ''hard rock'' dos anos 70."<ref>{{citar web |url= https://br.vida-estilo.yahoo.com/blogs/mira-regis/regis-tadeu-comenta-agenda-show-fevereiro-190103274.html |título= Regis Tadeu comenta a agenda de shows de fevereiro |acessodata= 7 de fevereiro de 2017 |autor= Regis Tadeu |data= 1 de fevereiro de 2012 |obra= Yahoo! |publicado= }}</ref>
 
Buck Dharma declarou em fevereiro de 2019 que a banda poderia gravar um novo album.<ref>{{citar web|url=https://www.themidlandsrocks.com/blue-oyster-cults-buck-dharma-interview-ahead-of-uk-tour/|título=Blue Oyster Cult’s Buck Dharma interview ahead of UK tour |website=Themidlandsrocks.com|acessodata=17 de outubro de 2019}}</ref> Em 10 de julho de 2019, foi anunciado que a banda assinou com a Frontiers Music, e vai de fato lançar um novo álbum em 2020.
12

edições