Diferenças entre edições de "Pelouro"

1 363 bytes adicionados ,  18 janeiro
m
sem resumo de edição
m (ajustes usando script)
m
{{Sem-fontes|data=julho de 2017}}
{{Ver desambig|prefixo=Se procura| o sistema de votação|Eleição por pelouros}}
'''Pelouro''' é a denominação dada a cada um dos ramos da [[administração]] [[municipal]] de [[Portugal]]. É, regulado napela Lei n.º 169/99 <ref>{{Citar web |url=https://dre.pt/pesquisa/-/search/569886/details/maximized |titulo=Lei 169/99, 1999-09-18 |acessodata=2021-01-18 |website=Diário da República Eletrónico |lingua=pt}}</ref>.
 
Em [[Moçambique]], o conselho municipal é o órgão executivo do [[município]], o seu governo, com funções semelhantes às das [[Câmara municipal (Portugal)|câmaras municipais]] [[Portugal|portuguesas]]. É composto por um presidente e por um número variável de [[Vereador|vereadores]], aos quais podem ser atribuídos [[pelouro]], regulado pela Lei nº 02/97<ref>{{Citar web |url=https://web.archive.org/web/20110723003015/http://www.portaldogoverno.gov.mz/Legisla/legisSectores/adminEst/lei_autarquias%20locais.pdf |titulo=Wayback Machine |data=2011-07-23 |acessodata=2021-01-18 |website=web.archive.org}}</ref>.
 
No [[Brasil]], a [[Prefeitura (Brasil)|prefeitura municipal]] é comandada por um [[prefeito]] e dividida em secretarias municipais de governo, semelhante a '''pelouros''', como [[educação]], [[saúde]] ou [[meio ambiente]]. As secretarias municipais de governo podem ser chefiadas pelos próprios [[Vereador|vereadores]] ou por cidadãos de conhecimento público e notório para o exercício daquela pasta, sendo um cargo de livre nomeação e livre exoneração por discricionariedade do [[Prefeito|chefe do poder executivo municipal]].
 
 
{{esboço-administração}}
438

edições