Diferenças entre edições de "Warner Bros."

m
sem resumo de edição
m
Outro empregado que causou problemas na Warner era o produtor [[Bryan Foy]].<ref name="thomas116">{{citar livro|último =Thomas|primeiro =Bob|título=Clown Prince of Hollywood: The Antic Life and Times of Jack L. Warner|publicado=McGraw-Hill|ano=1990|páginas=116|isbn=0-070-64259-1}}</ref> Em 1936, Wallis contratou Foy como produtor de filmes de baixo orçamento do estúdio, sendo apelidado de "the keeper of the B's".<ref name = "thomas115"/> Foy era capaz de fazer lucro com filmes B mais que qualquer pessoa na época.<ref name="thomas115" /> Durante a estadia de Foy no estúdio, todavia, a Warner o demitiu em sete vezes diferentes.<ref name="thomas116" /> Durante [[1936]], o filme ''[[The Story of Louis Pasteur]]'' foi bem lucrativo nas bilheterias<ref name="thomas114">{{citar livro|último =Thomas|primeiro =Bob|título=Clown Prince of Hollywood: The Antic Life and Times of Jack L. Warner|publicado=McGraw-Hill|ano=1990|páginas=114|isbn=0-070-64259-1}}</ref> e [[Paul Muni]], a estrela do filme, ganhou o Oscar de melhor ator em março de 1937.<ref name="thomas114" /> O filme de 1937 ''[[The Life of Emile Zola]]'', deu ao estúdio o primeiro premio de melhor filme.<ref name="thomas114" />
 
Em 1937, o estúdio contratou o locutor de radio [[Ronald Reagan]].<ref name="thomas117">{{citar livro|último =Thomas|primeiro =Bob|título=Clown Prince of Hollywood: The Antic Life and Times of Jack L. Warner|publicado=McGraw-Hill|ano=1990|páginas=117|isbn=0-070-64259-1}}</ref> Embora Reagan fosse um ator pequeno de filmes B,<ref name="thomas117" /> a Warner Bros. ficou impressionada com sua atuação na reta final de ''[[Knute Rockne, All American]]'',<ref name="thomas117" /> e aceitou que ele fizesse para com Errol Flynn no filme ''[[Santa Fe Trail (filme)|Santa Fe Trail]]'' (1940). Reagan então voltou para os filmes Bs.<ref name="thomas117" /> Apos sua performance no filme ''[[Kings Row]]'' (1942), Warner decidiu fazer dele uma estrela e assinou um novo contrato, triplicando o seu salário.<ref name="thomas117118">{{citar livro|último =Thomas|primeiro =Bob|título=Clown Prince of Hollywood: The Antic Life and Times of Jack L. Warner|publicado=McGraw-Hill|ano=1990|páginas=117 118|isbn=0-070-64259-1}}</ref> Em 1936, a filha de Harry Warner, Doris, leu uma cópia do livro de Margaret Mitchell ''[[Gone with the Wind]]'' e estava interessada em fazer uma adaptação cinematográfica.<ref name=sperling220>{{citar livro|último =Warner-Sperling|primeiro =Cass |coautor=Millner, Cork; Warner, Jack; Warner, Jack Jr.|título=Hollywood Be Thy Name: The Warner Brothers Story|publicado=University Press of Kentucky|páginas=235|isbn=0-813-10958-2|ano=1999}}</ref> Doris então ofereceu a Mitchell US$ 50 mil pelos direitos do livro.<ref name=sperling220 /> Jack, todavia, se recusou em permitir que o negocio fosse fechado, percebendo que seria um produção cara.<ref name=sperling220 /> Outro ator do estúdio que se provou uma dor de cabeça para Jack Warner era [[George Raft]].<ref name="thomas123125">{{citar livro|último =Thomas|primeiro =Bob|título=Clown Prince of Hollywood: The Antic Life and Times of Jack L. Warner|publicado=McGraw-Hill|ano=1990|páginas=123 125|isbn=0-070-64259-1}}</ref> Warner havia assinado com Raft em 1939, esperando que ele pudesse atuar em filmes de gangster quando Robinson ou Cagney estivesse impedidos.<ref name="thomas123125"/> Raft tinha um relacionamento conturbado com Bogart e se recusava a fazer qualquer filme com ele.<ref name="thomas124">{{citar livro|último =Thomas|primeiro =Bob|título=Clown Prince of Hollywood: The Antic Life and Times of Jack L. Warner|publicado=McGraw-Hill|ano=1990|páginas=124|isbn=0-070-64259-1}}</ref> No final, Jack Warner aceitou em liberar Raft de seu contrato.<ref name="thomas125">{{citar livro|último =Thomas|primeiro =Bob|título=Clown Prince of Hollywood: The Antic Life and Times of Jack L. Warner|publicado=McGraw-Hill|ano=1990|páginas=125|isbn=0-070-64259-1}}</ref> Seguindo a saída de Raft, o estúdio deu a Bogart o papel de Roy Earl no filme ''[[High Sierra]]''(1941),<ref name="thomas125" /> que ajudou o ator a se tornar uma das estrelas do estúdio;<ref name="thomas125126">{{citar livro|último =Thomas|primeiro =Bob|título=Clown Prince of Hollywood: The Antic Life and Times of Jack L. Warner|publicado=McGraw-Hill|ano=1990|páginas=125 126|isbn=0-070-64259-1}}</ref> logo após ''High Sierra'', Bogart também ganhou um papel no filme de [[John Huston]], [[The Maltese Falcon]] (1941); remake de um fracasso do estúdio de dez anos.<ref name="thomas126127">{{citar livro|último =Thomas|primeiro =Bob|título=Clown Prince of Hollywood: The Antic Life and Times of Jack L. Warner|publicado=McGraw-Hill|ano=1990|páginas=126 127|isbn=0-070-64259-1}}</ref>
 
=== 1930: Nascem os desenhos da Warner ===
16 728

edições