Terapia de vidas passadas: diferenças entre revisões

m
sem resumo de edição
Etiquetas: Editor Visual Remoção considerável de conteúdo
m
 
== Histórico ==
O nome Terapia de Vidas Passadas (Past Life Therapy) foi cunhado pelo Doutor em Psicologia [[Morris Netherton]], em 1967, quando desenvolveu um método próprio de [[hipnose]], que designou como Hipnose Ativa. O fundamento dessa abordagem extrai da hipnose regressiva o seu fundamento: em estado alterado de [[consciência]], o cliente regressaria a um passado além do limiar da vida atual, onde se encontra um reservatório mnemônico cuja instância é o que o pesquisador Hemandra Banerjee denominou de "memória extra-cerebral". Segundo a hipótese da Terapia de Vidas Passadas, ao atingir o núcleo do trauma, seu [[inconsciente]] libera o material psíquico retido através do que [[Sigmund Freud|Freud]] chamou de "[[catarse]]". Com a catarse, a energia psíquica é liberada e o sujeito sentiria um alívio significativo em seus sintomas. Esse alívio psíquico seria a causa das curas físicas e psicológicas registradas pelos terapeutas de regressão. Além de [[Morris Netherton]], são considerados os precursores dessa corrente terapêutica Hans Tendam, Roger Woolger e Edith Fiore. Até hoje, esses autores são considerados referências na área e leitura obrigatória nos cursos de formação.
 
A [[terapia]] pode ser feita pela ajuda da [[hipnose]], mas alguns ensinamentos não necessitam deste método. A hipnose possibilita ao experienciador adentrar em estados mais profundos de consciência ou o transe regressivo propriamente dito, onde desencadeia o fenômeno da retrogocnição ou lembrança de vidas passadas. Outros métodos podem ser usados, como por exemplo, a autopesquisa contínua de alguma dificuldade pessoal. O autopesquisador adentra profundamente dentro de si, pesquisando-se até que em dado momento regride sozinho, lembra de flash ou de situação continua em sonhos PES (percepção extrassensorial). Se lembrando de experiências no [[passado]] ou [[trauma]]s, uma pessoa pode identificar a origem de seu problema e curá-lo. Um dos mais famosos [[escritor]]es [[Estados Unidos da América|americanos]] sobre o assunto é [[Brian L. Weiss]], graduado pela [[Columbia University]] e [[Yale Medical School]] e titular da cadeira de psiquiatria no [[Mount Sinai Medical Center]] de [[Miami]],<ref name="skepdic" /> com várias obras traduzidas para o [[Língua portuguesa|português]].<blockquote>Ela pode ser útil de várias formas, no tratamento de: [[Fobia|fobias]] e medos irracionais, problemas psicossomáticos, disfunções de alimentação, problemas familiares, distúrbios sexuais, problemas de casamento e de relacionamento. Ela trata padrões negativos de ser e de agir, encontrando os motivos para as dificuldades na vida atual e pondo em ação uma mudança positiva, modificando atitudes e formas de entender a existência. O motivo para procurar a terapia de vidas passadas, diferente do que pensam muitas pessoas, não é procurar mudar nada no passado, mas sim melhorar sua vida agora. Com muita frequência traumas e padrões negativos de comportamento do passado continuam a nos influenciar, sem que nos apercebamos, até hoje e isso pode se manifestar no presente como uma fobia, alergia, uma doença crônica ou uma deficiência física, um vício, um distúrbio mental, incapacidade de se relacionar, uma atração ou repulsa inexplicável em relação a alguém.<ref>{{citar web|url=http://www.vidaspassadas.net/|titulo=Site vidaspassadas.net|data=2010|acessodata=15/12/2016|ultimo=Souza|primeiro=Ney}}</ref></blockquote>
 
== Proponentes ==
58

edições