Colónia de Adem: diferenças entre revisões

1 255 bytes adicionados ,  21 de abril de 2021
sem resumo de edição
m (Renato de carvalho ferreira moveu Colónia de Áden para Colónia de Adem)
{{Estado extinto
| nome_oficial = مستعمرة عدن
| nome_completo = Colónia de ÁdenAdem
| nome_comum = ÁdenAdem
| continente = Ásia
| estatuto = Colónia [[Reino Unido|Britânica]]
| mapa = Yemen-Adan.png
| legenda_mapa=
| capital= ÁdenAdem
| idioma= [[Língua árabe|Árabe]]
| idioma_não_oficial=
}}
 
A '''Colónia de ÁdenAdem''',<ref>{{citar livro|ultimo=Gonçalves|primeiro=Rebelo|titulo=[[Tratado de Ortografia da Língua Portuguesa]]|local=Coimbra|editora=Atlântida - Livraria Editora|ano=1947|página=143}}</ref><ref>{{citar livro |ultimo=Machado |primeiro=José Pedro |autorlink=José Pedro Machado |ano=1993 |anooriginal=1984 |titulo=[[Dicionário Onomástico Etimológico da Língua Portuguesa]]. |volume=I |edicao=2.ª |local=2.ª ed. Lisboa |editora=Horizonte / Confluência |pagina=49 |isbn=972-24-0842-9 }}</ref><ref group=nota>No [[DOELP]], [[José Pedro Machado]] afirma: "'''deEsta é a escrita correcta do nome da célebre cidade da Península Arábica. Do ár[abe] Adem'''adan'', com acento tónico na sílaba inicial.''"</ref> ({{IPA-pt|ˈadɐ̃j}} ou {{IPA|[[Wikipédia:AFI para português e galego|[ˈadẽj]]]}}), '''Áden''',<ref>{{citar web|URL = http://www.estadao.com.br/manualredacao/certo/a|título = Manual de Redação de O Estado de S. Paulo}}</ref> ({{IPA-pt|ˈadɛn}}) ou '''Adém'''<ref>{{Citar livro | titulo=Topónimos e Gentílicos | ultimo=Fernandes | primeiro=Ivo Xavier | editora=Editora Educação Nacional, Lda. |volume=I | local=Porto | ano=1941 }}</ref> (em{{IPA-pt|aˈdɐ̃j}} ou {{IPA|[[Wikipédia:AFI para português e galego|aˈdẽj]]}}) — [[Língua árabe|Árabeárabe]]: عدن ; {{IPA2|/ˈʕɑdæn/}}) ({{langx|ar|مستعمرة عدن||''Mustaʿmarat ʿAdan''}}) foi uma Colónia da Coroa [[Reino Unido|Britânica]] entre [[1937]] e [[1963]] que consistia na cidade [[Porto (transporte)|portuária]] de [[ÁdenAdem]] e suas imediações. Antes de 1937, o território de 121 [[km²]] era governado pela Presidência de Bombaim da [[Índia britânica|Índia Britânica]], conhecido como o '''Assentamento de ÁdenAdem'''.
 
A [[18 de Janeiro]] de [[1963]], tornou-se no "Estado do ÁdenAdem" ([[Língua Árabe|Árabe]]: ولاية عدن ''Wilāyat ʿAdan'') na nova [[Federação da Arábia do Sul]]. A Federação, por sua vez, tornou-se a [[Iémen do Sul|República Popular Democrática do Iémen]] a [[30 de Novembro]] de [[1967]]. O interior da Colónia de ÁdenAdem era conhecido como [[Protectorado de ÁdenAdem]].
 
==Referências==