Diferenças entre edições de "Halloween (filme de 1978)"

m
manut. refs.
m (Foram revertidas as edições de 131.0.31.92 (usando Huggle) (3.4.10))
Etiquetas: Huggle Reversão
m (manut. refs.)
 
{{Info/Filme
|nome = Halloween
|imagem = Halloween cover.jpg
|país = [[Estados Unidos]]
|ano = 1978
|título-PRT = Halloween - O Regresso do Mal
|direção = [[John Carpenter]]
|produção = [[Debra Hill]]
|roteiro = {{Plainlist|
* John Carpenter
* Debra Hill
}}
|elenco = {{Plainlist|
* [[Donald Pleasence]]
|orçamento = US$ 300,000–325,000<ref name="NYT Debra">{{citar jornal|url=https://www.nytimes.com/2005/03/08/movies/debra-hill-54-film-producer-who-helped-create-halloween-dies.html |título=Debra Hill, 54, Film Producer Who Helped Create 'Halloween,' Dies |agência=Associated Press |autorlink=Associated Press |website=[[The New York Times]] |data= 8-3-2005 |acessodata= 2-2-2015}}</ref><ref name="Numbers">{{citar web |url=https://www.the-numbers.com/movie/Halloween-(1978)#tab=summary |título=Halloween (1978) - Financial Information |website=[[The Numbers (website)|The Numbers]] |acessodata= 22-3-2012}}</ref><ref name="Mojo">{{citar web |título=Halloween (1978) |url=https://boxofficemojo.com/movies/?id=halloween.htm |website=[[Box Office Mojo]] |acessodata= 25-7-2011}}</ref>
|receita = US$ 60–70 milhões<ref name="NYT Debra"/><ref name="Numbers"/>
|seguido_por = ''[[Halloween II]]''<br /> (1981)
|imdb_id = 0077651
}}
* P.J. Soles como Lynda Van Der Klok
* Nancy Loomis como Annie Brackett
* Charles Cyphers como Sheriff Leigh Brackett
* [[Kyle Richards]] como Lindsey Wallace
* Brian Andrews como Tommy Doyle
== Produção ==
=== Concepção ===
Depois de assistir ao filme de Carpenter, ''[[Assault on Precinct 13]]'' (1976) no Festival de Milão, o produtor de cinema independente Irwin Yablans e o financista Moustapha Akkad procuraram Carpenter para dirigir um filme para eles sobre um assassino psicótico que perseguia babás.<ref name="behind">{{citar web|título=Behind the Scenes|website=HalloweenMovies.com|url=http://www.halloweenmovies.com/filmarchive/h1bts.htm|archiveurlarquivourl=https://web.archive.org/web/20061220013740/http://halloweenmovies.com/filmarchive/h1bts.htm|arquivodata= 20-12-2006|acessodata= 28-8-2018|publicado=Trancas International Films, Inc.|ano=2001}}</ref>{{sfn|Smith|2003|loc=event occurs at 6:40}} Em uma entrevista à revista ''[[Fangoria]]'', Yablans declarou: "Eu estava pensando no que faria sentido no gênero ''horror'', e o que eu queria fazer era criar um filme que tivesse o mesmo impacto que ''[[The Exorcist]]''."<ref name=behind/> Carpenter concordou em dirigir o filme, dependendo de ele ter total controle criativo,{{sfn|Smith|2003}} e recebeu 10 mil dólares por seu trabalho, que incluía escrever, dirigir e pontuar o filme.{{sfn|Smith|2003}} Ele e sua então namorada [[Debra Hill]] começaram a escrever uma história originalmente intitulado de ''The Babysitter Murders''.{{sfn|Muir|2012|p=13}} Yablans sugeriu subsequentemente localizar o filme na noite de [[dia das bruxas]] e o nomeou de ''Halloween'' preferivelmente, a que Carpenter concordou e desenvolveu a história.{{sfn|Muir|2012|p=13}}{{sfn|Smith|2003}}<ref name="scifi1">{{citar web|url=https://web.archive.org/web/20060210135124/http://www.scifi.com/sfw/issue339/interview.html |título=Syfy – Watch Full Episodes &#124; Imagine Greater |publicado=Scifi.com |acessodata= 7-3-2015}}</ref> Carpenter disse do conceito básico: "Noite de dia das bruxas. Nunca foi o tema de um filme. A minha ideia era fazer um bom e velho filme de casa assombrada."<ref name="theofficialjohncarpenter.com">{{citar web |url=http://www.theofficialjohncarpenter.com/pages/press/rollingstone790628.html |título=John Carpenter: Press: Rolling Stone: 6-28-79 |publicado=Theofficialjohncarpenter.com |data= 28-6-1979 |acessodata= 7-3-2015 |arquivourl=https://web.archive.org/web/20150228140340/http://www.theofficialjohncarpenter.com/pages/press/rollingstone790628.html |arquivodata= 28-2-2015 |df=mdy-all }}</ref>
 
=== Roteiro ===
|alt =
|artista = [[John Carpenter]]
|lançado = outubro de 1978
|gravado = 1978
|estúdio = Sound Arts Studio, Los Angeles, Califórnia
* [[trilha sonora]]
}}
|duração = {{Duração|m=33|s=43}} <small>(lançamento de 1983)</small><br />{{Duração|m=51|s=51}} </small>(lançamento de 1998)</small><br />{{Duração|m=45|s=58}} </small>(lançamento de 2018)</small>
|idioma = [[Língua inglesa|inglês]]
|formato = {{flatlist|
* [[Disco de vinil|vinil]]
}}
|gravadora = [[Columbia Records|Columbia]] <small>(lançamento de 1979)</small><br/>[[Varèse Sarabande]] </small>(lançamento de 1983 e 1998)</small><br/>Mondo Records </small>(lançamento de 2018)</small>
|produtor =
|último álbum =
No lançamento inicial, ''Halloween'' teve um bom desempenho com pouca publicidade, mas muitos críticos pareciam desinteressados ou desdenhosos do filme. [[Pauline Kael]] escreveu uma crítica contundente no ''[[The New Yorker]]'' sugerindo que "Carpenter não parece ter tido nenhuma vida fora dos filmes: pode-se traçar quase todas as ideias do cinema de diretores como Hitchcock e [[Brian De Palma]] para as produções de [[Val Lewton]]" e afirmando que "talvez quando um filme de terror é despido de tudo, menos de assombrações toscas — quando não se envergonha de reviver o mais robusto do gênero" (o lunático que escapou) — satisfaz parte dos espectadores de uma forma mais básica e infantil do que os filmes de terror atuais".<ref>{{citar jornal|jornal=The New Yorker|título=Halloween|autor=Kael, Pauline|ano=1979|autorlink=Pauline Kael|p=128|issn=0028-792X}}</ref>
 
[[Ficheiro:Roger Ebert cropped.jpg|thumb|upright|right|Roger Ebert, um crítico frequente de filmes ''slasher'',<ref>{{citar web|website=Bloody Disgusting|título=Ebert at the Horror Movies: The Late Critic's Thoughts On Horror Classics|acessodata= 28-8-2018|data= 27-2-2018|autor=Paul, Zachary|arquivourl=https://web.archive.org/web/20180620175715/https://bloody-disgusting.com/editorials/3485219/roger-ebert-at-the-horror-movies/|arquivodata= 20-6-2018|url=https://bloody-disgusting.com/editorials/3485219/roger-ebert-at-the-horror-movies/}}</ref> elogiou o ''Halloween'' em seu lançamento.]]
O ''[[Los Angeles Times]]'' considerou o filme um "''thriller'' bem feito, mas vazio e mórbido",<ref>{{citar jornal|trabalho=Los Angeles Times|título=Calendar: Movies: Halloween|data= 5-11-1978|url=https://www.newspapers.com/clip/23557468/the_los_angeles_times/|p=44|via=Newspapers.com}} {{open access}}</ref> enquanto Bill von Maurer do ''The Miami Times'' sentia que era "surpreendentemente bom", observando: "Tomado em seu próprio nível, ''Halloween'' é um filme assustador – se você tem a idade certa e o humor certo."<ref>{{citar jornal|trabalho=The Miami Times|url=https://www.newspapers.com/clip/23557605/the_miami_news/|autor=Von Maurer, Bill|data= 21-11-1978|via=Newspapers.com|título='Halloween' packs a few shivers in with cliches|p=6B|local=Miami, Flórida}} {{open access}}</ref> Susan Stark, do ''[[Detroit Free Press]]'', classificou ''Halloween'' como um [[Filme cult|filme ''cult'']] na época de seu lançamento, descrevendo-o como "temperamental ao extremo" e elogiando sua direção e música.<ref name="stark">{{citar jornal|autor=Stark, Susan|p=2B|data= 1-12-1978|título='Halloween': A cult film is born|url=https://www.newspapers.com/clip/23558025/detroit_free_press/|trabalho=Detroit Free Press|local=Detroit, Michigan|via=Newspapers.com}} {{open access}}</ref> Gene Siskel, do ''[[Chicago Tribune]]'', deu ao filme três estrelas e meia de quatro e o chamou de "um ''thriller'' lindamente feito" que "funciona porque o diretor Carpenter sabe como impactar enquanto nos faz sorrir. A tensão é considerável. Mais de uma vez durante o filme eu olhei em volta só para ter certeza de que ninguém estranho estava sentado atrás de mim."<ref>Siskel, Gene (22 de novembro de 1978). "'Halloween': Some tricks, a lot of treats". ''Chicago Tribune''. Seção 3, p. 7.</ref> Gary Arnold, do ''[[The Washington Post]]'', foi negativo, escrevendo "Como há pouco desenvolvimento de personagens ou tramas para passar o tempo entre sequências de perseguição, a pessoa tende a desejar que o assassino continue com isso. Presumivelmente, Carpenter imagina que ele está construindo antecipações espontâneas, mas suas técnicas são tão transparentes e laboriosas que o resultado é atenuação ao invés de tensão".<ref>{{citar jornal|autor=Arnold, Gary|data= 24-11-1978)|url=https://www.washingtonpost.com/archive/lifestyle/1978/11/24/halloween-a-trickle-of-treats/2e2bd834-3a45-4780-93a1-96cfefeb56a9/|título='Halloween': A Trickle of Treats|jornal=The Washington Post|via=Washingtonpost.com}} {{open access}}</ref> Lou Cedrone do ''[[The Baltimore Sun|The Baltimore Evening Sun]]'' referiu-se a ele como "tediosamente familiar" e cujo único elemento notável é "Jamie Lee Curtis, cuja atuação como a quarta vítima pretendida, está bem acima do resto do filme."<ref>{{citar jornal|trabalho=The Baltimore Evening Sun|local=Baltimore, Maryland|p=B5|url=https://www.newspapers.com/clip/23558350/the_evening_sun/|autor=Cedrone, Lou|título=One Is For Squirrels, The Other Is For Birds|data= 28-11-1978|via=Newspapers.com}} {{open access}}</ref> Tom Allen do ''[[The Village Voice]]'', elogiou o filme em sua crítica de novembro de 1978, observando-o como sociologicamente irrelevante, mas cedeu sua técnica semelhante a Hitchcock como eficaz e "a maneira mais honesta de fazer um bom filme ''schlock''". Allen apontou as semelhanças estilísticas como ''Psycho'' e [[A Noite dos Mortos-Vivos (1968)|''Night of the Living Dead'']] (1968) de [[George A. Romero]].<ref name=TomAllenOriginal /> John Simon do ''National Review'' descreveu ''Halloween'' como um [[Filme trash|filme ''trash'']].<ref>{{citar livro |título=Reverse Angle: A Decade of American Film|primeiro=Simon|último=John |publicado=Crown Publishers Inc. |ano=1982 |pagepágina=14}}</ref>
 
No mês seguinte, o crítico [[Andrew Sarris]] da ''Voice'' escreveu um longa de acompanhamento sobre filmes ''cult'', citando a avaliação de Allen sobre ''Halloween'' e escrevendo na frase principal que o filme "oferece justo para se tornar a descoberta do ''cult'' de 1978".<ref>{{citar jornal|url=https://news.google.com/newspapers?id=xVQQAAAAIBAJ&sjid=SowDAAAAIBAJ&pg=6585,9033523|autor=Sarris, Andrew|título=Those Wild and Crazy Cult Movies|trabalho=The Village Voice|data= 18-12-1978|p=60|via=Google News}} {{open access}}</ref> Roger Ebert elogiou o filme de maneira semelhante em sua crítica de 1979 no ''[[Chicago Sun-Times]]'', referindo-se a ele como "uma experiência visceral – não estamos a ver o filme, estamos a fazer com que nos aconteça. É assustador. Talvez você não goste de filmes que são realmente assustadores: Então não veja esse filme".<ref name=Ebertreview/> Ebert também o selecionou como um de seus 10 melhores filmes de 1978.<ref name="RogerEbert.com">{{citar web|url=http://rogerebert.suntimes.com/apps/pbcs.dll/article?AID=/20041215/COMMENTARY/41215001/1023 |arquivourl=https://web.archive.org/web/20051113143205/http://rogerebert.suntimes.com/apps/pbcs.dll/article?AID=%2F20041215%2FCOMMENTARY%2F41215001%2F1023 |arquivodata= 13-12-2005 |título=Roger Ebert's 10 Best Lists: 1967–present |website=RogerEbert.com |acessodata= 21-5-2010 }}</ref>
Críticos outrora desdenhosos ficaram impressionados com a escolha de Carpenter de ângulos de câmera e música simples, e surpresos com a falta de sangue e violência gráfica.<ref name="Berardinellireview" />
 
No [[Rotten Tomatoes]], o filme tem uma taxa de aprovação de 96% baseada em 68 críticas, com uma média de 8.69/10. O consenso crítico do site diz: "Assustador, suspensivo e visceralmente emocionante, ''Halloween'' estabeleceu o padrão para filmes de terror modernos".<ref name="Rotten Tomatoes">{{citar web|url=https://www.rottentomatoes.com/m/1009113_halloween/|título=Halloween (1978)|website=Rotten Tomatoes|publicado=[[Fandango (empresa)|Fandango]]|acessodata= 29-10-2019}}</ref> No [[Metacritic]], o filme tem uma pontuação média ponderada de 81 em 100 com base em 12 críticos, indicando "aclamação universal".<ref>{{citar web | url= http://www.metacritic.com/movie/halloween-1978 |título= Halloween 1978 |publicado= Metacritic |acessodata= 30 de outubro de 2014}}</ref> Muitos compararam o filme com o trabalho de Alfred Hitchcock, embora o ''[[TV Guide]]'' chame as comparações feitas com ''Psycho'' de "tolas e sem lógica"<ref>{{citar web|url=http://www.tvguide.com/movies/halloween/review/125497|título=''Halloween'' (review)|website=TV Guide|acessodata= 6-9-2018|authorautor =Funcionários do ''TV Guide''}}</ref> e alguns críticos no final dos anos 80 e no começo dos anos 90 culparam o filme por gerar o subgênero ''slasher'', que eles sentiram ter rapidamente mergulhado em sadismo e misoginia.{{sfn|Rogers|2002|pages=117–118}}{{sfn|Martin|Porter|1986|p=60}} Estudiosos como Adam Rockoff contestam as descrições recorrentes de ''Halloween'' como abertamente violentas ou sangrentas, comentando que o filme é de fato "um dos filmes de terror mais contidos", mostrando muito pouca violência.{{sfn|Rockoff|2011|p=57}} Quase uma década após sua estreia, Mick Martin e Marsha Porter criticaram o jeito da fotografia do filme em primeira pessoa que os críticos anteriores elogiaram e, mais tarde, os diretores de ''slasher'' usaram para seus próprios filmes [por exemplo, em [[Sexta-Feira 13 (1980)|''Friday the 13th'']] de 1980]. Alegando que incentivou a identificação do público com o assassino, Martin e Porter apontaram para o modo como "a câmera se aproxima da vítima que grita, implora e 'olha' para a faca que a mergulha em seu peito. Sendo isso 'doentio'."{{sfn|Martin|Porter|1986|p=60}}
 
Anos após seu lançamento, ''Halloween'' goza de uma reputação como um clássico<ref name="Rotten Tomatoes" /> e é considerado por muitos como um dos melhores filmes de 1978.<ref name="RogerEbert.com"/><ref>{{citar web |url=http://alumnus.caltech.edu/~ejohnson/critics/siskel.html |título=Gene Siskel's 10 Best Lists: 1969–1998 |website=[[California Institute of Technology]] |data=1998 |acessodata= 29-8-2018 |arquivourl=https://web.archive.org/web/20110717152442/http://alumnus.caltech.edu/~ejohnson/critics/siskel.html |arquivodata= 17-7-2011 }}</ref><ref>{{citar web|url=http://www.filmsite.org/1978.html|publicado=[[AMC (canal de televisão)|AMC]] |título=The Greatest Films of 1978|arquivourl=https://web.archive.org/web/20051210070316/http://www.filmsite.org/1978.html|arquivodata= 10-12-2005|website=AMC Filmsite |acessodata= 5-9-2018}}</ref><ref>{{citar web |url=http://www.film.com/features/story/10-best-movies-of-1978/14955431 |título=The 10 Best Movies of 1978 |publicado=Film.com |acessodata= 13-4-2010 |arquivourl=https://web.archive.org/web/20100701173433/http://www.film.com/features/story/10-best-movies-of-1978/14955431 |arquivodata= 1-7-2010}}</ref><ref>{{citar web|url=http://www.films101.com/y1978r.htm |título= The Best Movies of 1978 by Rank |website=Films101.com |acessodata= 13-4-2010}}</ref>
== Bibliografia ==
{{ref begin|30em}}
* {{citecitar booklivro|lastúltimo =Allerman|firstprimeiro =Richard|yearano=2013|titletítulo=Hollywood: The Movie Lover's Guide: The Ultimate Insider Tour of Movie L.A|publisherpublicado=Crown/Archetype|locationlocal=Nova Iorque|ref=harv|isbn=978-0-804-13777-5}}
* {{cite bookcitar livro|lastúltimo =Badley |firstprimeiro =Linda |titletítulo=Film, Horror, and the Body Fantastic |locationlocal=Westport, Connecticut, Estados Unidos |publisherpublicado=Greenwood Press |yearano=1995 |isbn=978-0-313-27523-4}}
* {{cite journalcitar periódico|lastúltimo =Baird |firstprimeiro =Robert |titletítulo=The Startle Effect: Implications for Spectator Cognition and Media Theory |journalperiódico=Film Quarterly|issuenúmero=53 |volume=3 |datedata=primavera de 2000 |pagespáginas=12–24}}
*{{citecitar journalperiódico|lastúltimo =Briefel|firstprimeiro =Aviva|datedata=primavera de 2005|titletítulo=Monster Pains: Masochism, Menstruation, and Identification in the Horror Film|journalperiódico=Film Quarterly|volume=58|issuenúmero=3|ref=harv|pagespáginas=16–27|doi=10.1525/fq.2005.58.3.16}}
* {{cite bookcitar livro|last1último1 =Burnand |first1primeiro1 =David|last2último2 =Mena|first2primeiro2 =Miguel|yearano=2004|pagespáginas=49–65 |chaptercapítulo=Fast and Cheap? The Film Music of John Carpenter|titletítulo=The Cinema of John Carpenter: The Technique of Terror |editor-lastsobrenome =Conrich |editor-firstnome =Ian |editor2editor-lastsobrenome2 =Woods |editor2editor-firstnome2 =David|publisherpublicado=Wallflower Press |locationlocal=Londres|ref=harv|isbn=978-1-904-76414-4}}
* {{cite journalcitar periódico|lastúltimo =Noël |firstprimeiro =Carroll |titletítulo=The Nature of Horror |journalperiódico=Journal of Aesthetics and Art Criticism |issuenúmero=46 |volume=1 |datedata=outono de 1987 |pagespáginas=51–59}}
*{{citecitar journalperiódico|lastúltimo =Clover|firstprimeiro =Carol|journalperiódico=Representations|issuenúmero=20|datedata=outono de 1987|titletítulo=Her Body, Himself: Gender in the Slasher Film|ref=harv|pagespáginas=87–228|jstor=2928507}}
* {{cite bookcitar livro|lastúltimo =Clover |firstprimeiro =Carol |titletítulo=Men, Women, and Chainsaws: Gender in the Modern Horror Film |locationlocal=Princeton, Nova Jérsei |publisherpublicado=[[Princeton University Press]] |yearano=1993|ref=harv}}
* {{cite bookcitar livro|lastúltimo =Conrich |firstprimeiro =Ian |chaptercapítulo=Killing Time and Time Again: The Popular Appeal of Carpenters Horror's and the Impact of the Thing and Halloween |titletítulo=The Cinema of John Carpenter: The Technique of Terror |editor-lastsobrenome =Conrich |editor-firstnome =Ian |editor2editor-lastsobrenome2 =Woods |editor2editor-firstnome2 =David |pagespáginas=91–106 |publisherpublicado=Wallflower Press |locationlocal=Londres|yearano=2004|ref=harv|isbn=978-1-904-76414-4}}
* {{cite bookcitar livro|lastúltimo =Cumbow |firstprimeiro =Robert C. |titletítulo=Order in the Universe: The Films of John Carpenter |editionedição=2nd |publisherpublicado=Scarecrow Press |yearano=2000 |isbn=978-0-8108-3719-5}}
*{{citecitar booklivro|lastúltimo =Diffrient|firstprimeiro =David Scott|yearano=2004|chaptercapítulo=A Film is Being Beaten: Notes on the Shock Cut and the Material Violence of Horror|editor=Hantke, Steffen|titletítulo=Horror Film: Creating and Marketing Fear|locationlocal=Jackson, Mississippi|publisherpublicado=University Press of Mississippi|isbn=978-1-57806-692-6|ref=harv}}
*{{citecitar journalperiódico|lastúltimo =Gill|firstprimeiro =Pat|titletítulo=The Monstrous Years: Teens, Slasher Films, and the Family|journalperiódico=Journal of Film and Video|volume=54|issuenúmero=4|pagespáginas=16–30|datedata=inverno de 2002|ref=harv|jstor=20688391}}
* {{cite journalcitar periódico|lastúltimo =Johnson |firstprimeiro =Kenneth |titletítulo=The Point of View of the Wandering Camera |journalperiódico=Cinema Journal |issuenúmero=32, inverno de 1993 |volume=2 |pagespáginas=49–56}}
*{{citecitar booklivro|lastúltimo =Jones|firstprimeiro =Alan|yearano=2005|titletítulo=The Rough Guide to Horror Movies|locationlocal=Nova Iorque|publisherpublicado=Rough Guides|isbn=978-1-84353-521-8|ref=harv}}
*{{citecitar booklivro|lastúltimo =Karney|firstprimeiro =Robin|yearano=2000|titletítulo=Cinema: Year by Year, 1894-2000|publisherpublicado=[[Dorling Kindersley|DK Pub.]]|locationlocal=Londres|ref=harv|isbn=978-0-789-46118-6|editionedição=3rd|url=https://archive.org/details/cinemayearbyyear0000unse}}
* {{cite bookcitar livro|lastúltimo =King |firstprimeiro =Stephen |titletítulo=Danse Macabre |url=https://archive.org/details/stephenkingsdans00step |locationlocal=Nova Iorque |publisherpublicado=Berkley Books |yearano=1981 |isbn=978-0-425-10433-0}}
*{{citecitar booklivro|lastúltimo =Larson|firstprimeiro =Randall D.|yearano=1985|titletítulo=Musique Fantastique: A Survey of Film Music in the Fantastic Cinema|locationlocal=Lanham, Maryland|publisherpublicado=Scarecrow Press|ref=harv|isbn=978-0-810-81728-9}}
*{{citecitar booklivro|last1último1 =Le Blanc|first1primeiro1 =Michelle|last2último2 =Odell|first2primeiro2 =Colin|yearano=2001|titletítulo=John Carpenter|publisherpublicado=Pocket Essentials|locationlocal=New York|ref=harv|isbn=978-1-903-04737-8}}
*{{citecitar booklivro|lastúltimo =Leeder|firstprimeiro =Murray|yearano=2014|titletítulo=Halloween|publisherpublicado=Columbia University Press|locationlocal=New York|ref=harv|isbn=978-1-906-73386-5}}
*{{citecitar booklivro|last1último1 =Martin|first1primeiro1 =Mick|last2último2 =Porter|first2primeiro2 =Marsha|yearano=1986|titletítulo=Video Movie Guide 1987|publisherpublicado=Ballantine Books|locationlocal=New York|ref=harv|isbn=978-0-345-33872-3}}
*{{citecitar booklivro|lastúltimo =Muir|firstprimeiro =John Kenneth|yearano=1998|titletítulo=Wes Craven: The Art of Horror|locationlocal=Jefferson, North Carolina|publisherpublicado=McFarland|isbn=978-0-7864-1923-4|ref=harv}}
*{{citecitar booklivro|lastúltimo =Muir|firstprimeiro =John Kenneth|yearano=2011|titletítulo=Horror Films of the 1970s|publisherpublicado=McFarland|locationlocal=Jefferson, North Carolina|ref=harv|isbn=978-0-786-49156-8}}
* {{citecitar booklivro|lastúltimo =Muir|firstprimeiro =John Kenneth|yearano=2012|titletítulo=The Films of John Carpenter|publisherpublicado=McFarland|locationlocal=Jefferson, North Carolina|ref=harv|isbn=978-0-786-49348-7}}
*{{citecitar booklivro|lastúltimo =Perron|firstprimeiro =Bernard|yearano=2009|titletítulo=Horror Video Games: Essays on the Fusion of Fear and Play|publisherpublicado=McFarland|locationlocal=Jefferson, Carolina do Norte|ref=harv|isbn=978-0-786-45479-2}}
* {{cite bookcitar livro|lastúltimo =Prince |firstprimeiro =Stephen |titletítulo=The Horror Film |locationlocal=New Brunswick, Nova Jérsei, Estados Unidos |publisherpublicado=Rutgers University Press |yearano=2004 |isbn=978-0-8135-3363-6}}
*{{citecitar booklivro|lastúltimo =Rockoff|firstprimeiro =Adam|yearano=2011|titletítulo=Going to Pieces: The Rise and Fall of the Slasher Film|publisherpublicado=McFarland|locationlocal=Jefferson, Carolina do Norte|ref=harv|isbn= 978-0-786-46932-1}}
*{{citecitar booklivro|lastúltimo =Rogers|firstprimeiro =Nicholas|yearano=2002|titletítulo=Halloween: From Pagan Ritual to Party Night|locationlocal=Oxford|publisherpublicado=Oxford University Press|isbn=978-0-19-516896-9|ref=harv}}
* {{cite bookcitar livro|lastúltimo =Schneider |firstprimeiro =Steven Jay |titletítulo=Horror Film and Psychoanalysis: Freud's Worst Nightmare |locationlocal=Cambridge, Reino Unido |publisherpublicado=[[Cambridge University Press]] |yearano=2004 |isbn=978-0-521-82521-4}}
*{{cite av media|author=Smith, Steve |display-authors=etal|year=2003|title=Halloween: A Cut Above the Rest|medium=Documentary|publisher=Prometheus Entertainment|ref={{sfnref|Smith|2003}}}}
*{{citecitar booklivro|lastúltimo =Telotte|firstprimeiro =J.P.|yearano=1992|chaptercapítulo=Through a Pumpkin's Eye: The Reflexive Nature of Horror|editor=Waller, Gregory|titletítulo=American Horrors: Essays on the Modern American Horror Film|locationlocal=Urbana, Illinois|publisherpublicado=University of Illinois Press|isbn=978-0-252-01448-2|ref=harv}}
*{{citecitar booklivro|lastúltimo =Williams|firstprimeiro =Tony|chaptercapítulo=Trying to Survive on the Darker Side: 1980s Family Horror|editor=Grant, Barry K.|titletítulo=The Dread of Difference: Gender and the Horror Film|locationlocal=Austin, Texas|publisherpublicado=University of Texas Press|yearano=1996|isbn=978-0-292-72794-6}}
* {{cite bookcitar livro|lastúltimo =Williams |firstprimeiro =Tony |titletítulo=Hearths of Darkness: The Family in the American Horror Film |locationlocal=Rutherford, Nova Jérsei, Estados Unidos |publisherpublicado=Fairleigh Dickinson University Press |yearano=1996 |isbn=978-0-8386-3564-3}}
{{ref end}}