Violeta Chamorro: diferenças entre revisões

843 bytes adicionados ,  3 de junho de 2021
sem resumo de edição
Violeta Chamorro é viúva de um jornalista assassinado pela polícia de Somoza. Ela deixara o movimento socialista para integrar a oposição, sendo indicada candidata da União Nacional de Oposição, [[Coligação política|coalizão]] de 14 [[Partido político|partidos]] que abrigava de [[Conservadorismo|conservadores]] a [[Comunismo|comunistas]].
 
Quando Chamorro subiu ao poder, a frágil economia nicaraguense parecia condenada a uma eterna crise, alimentada pelo [[Embargo|embargo comercial]] decretado em 1985 pelo [[Presidente dos Estados Unidos|presidente dos EUA]], [[Ronald Reagan]]. Em 1989, a inflação chegara a 1.700% e o [[desemprego]] atingira 35% da [[população economicamente ativa]]. O nível de produção nos [[Setor primário|setores primário]] e [[Setor secundário|secundário]], em 1990, não ultrapassava a marca da década de 50. Somente com a posse de Chamorro os Estados Unidos tirariam a Nicarágua do embargo econômico.<ref>{{Citar web|titulo=Violeta Chamorro governa a Nicarágua|url=https://acervo.oglobo.globo.com/fatos-historicos/violeta-chamorro-governa-nicaragua-10163347|lingua=pt-br|primeiro=Acervo-Jornal O.|ultimo=Globo}}</ref>{{referências}}
 
Os anos de Violeta Chamorro no poder iniciaram um período de declínio económico e social significativo para a Nicarágua. De 1990 a 2001, o país caiu de 60º para 116º lugar no mundo em termos de [[Desenvolvimento Humano|desenvolvimento humano]], e tornou-se o país mais pobre das Américas depois do [[Haiti]], de acordo com o [[PNUD]]. A despesa pública per capita em saúde caiu de $35 em 1989 para $14 em 1995. A assistência médica no parto e o diagnóstico de cancros femininos foram reduzidos. Os centros de desenvolvimento infantil criados na década de 1980 - que cobriam 75.000 crianças - foram abolidos. A [[esperança de vida]] caiu de 66 anos em 1989 para 60 anos em 1996, devido ao aumento de doenças infecciosas e desnutrição. A [[mortalidade infantil]] aumentou de 58 por 1.000 em 1990 para 72 por 1.000 em 1995. {{referências}}
 
{{Começa caixa}}
2

edições