Diferenças entre edições de "Predefinição Discussão:Eventos atuais"

Correção
(Correção)
 
Foi acrescentada uma nota relativa à aprovação do Aducanumab, um medicamento aprovado ontem pela FDA para o tratamento da doença de Alzheimer. Em primeiro, é sempre positivo ver esta página diversificada com temas com impacto noutras áreas, em vez dos habituais desastres e tragédias. <u>No entanto</u>, vamos com calma em relação ao real impacto deste medicamento. A aprovação da FDA está a gerar uma enorme controvérsia por ter sido feita com base em estudos com conclusões contraditórias em relação à eficácia do medicamento, com riscos que podem superar benefícios mínimos em alguns pacientes. Aliás, a Comissão Consultiva da própria FDA tinha recomendado no fim do ano passado que ''não'' fosse aprovado, a par de vários especialistas e investigadores que trabalharam nos ensaios. Esta aprovação está a ser atribuída à pressão dos lobbies de grupos de doentes e está condicionada à realização de mais estudos. [https://www.nytimes.com/2021/06/07/health/aduhelm-fda-alzheimers-drug.html Resumo da história]. Em suma, para já isto não é material para a PP. [[Usuário:JMagalhães|JMagalhães]] ([[Usuário Discussão:JMagalhães|discussão]]) 09h30min de 8 de junho de 2021 (UTC)
:{{ping|JMagalhães}} apesar de haver controvérsia a respeito do fármaco ([https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/33135381/ como este]), e, ainda por estar em estudos, ''mesmo assim'' não seria viável sua inclusão na PP justamente por se tratar de uma <u>posição oficial da FDA</u> — apesar da relação risco-benefício? Digo, até porque toda medicação gera reações adversaadversas, havendo variações de sinais e sintomas mais manifestos num do que outros (um exemplo, seriam os efeitos indesejados em massa pela [[AstraZeneca]]). Até que sejam descobertos mais benefícios em relação aos efeitos indesejados, a notícia estaria ultrapassada, não? [[Usuário:Gabriel bier|Gabriel bier]] <sup>[[Usuário Discussão:Gabriel bier|fala aew]]</sup> 14h46min de 8 de junho de 2021 (UTC)