Diferenças entre edições de "Angurboda"

sem resumo de edição
(Muita informação contraditória.)
'''Angurboda''' ou, em português, '''Angerboda''' ('''Angrboða''' em nórdico arcaico) é uma [[Jotun]] (Gigante) e a primeira esposa de [[Loki]]. Na mitologia nórdica, Angrboda (Angurboda, Angerboda, significado "Aquela que traz a tristeza") é uma giganta, amante do deus Loki e cultuada como a deusa do medo, devido aos seus monstruosos filhos. Ela era forte, poderosa e determinada, conhecida como "A Guardiã de Járnvid (Floresta de Ferro)". [https://mitologia.hi7.co/angrboda-57ac365fa2a14.html]
 
==Família de Angrboda==
 
A união de Angrboda e Loki produziu três filhos:
Jormungand, a Grande Serpente que envolve Midgard;
 
Fenrir, o temível lobo destruidor, algoz de Odin no RagnarokRagnarök.
 
Em algumas fontes existe o relato de que Angrboda seria mãe também dos lobos Skoll e Hati, filhos de Fenrir, e, portanto, frutos de uma relação incestuosa. Em outras versões, a mãe de Skoll e Hati seria uma loba sem nome de Járnvid. Segundo o mito, Angrboda é morta por Odin, que temia a sua capacidade de gerar terríveis monstros. Em uma versão do mito, Angrboda é queimada, restando somente o seu coração. Loki então resolve comer o coração de sua amante, e após isso, ele engravida, gerando posteriormente Hel, Jormungand e Fenri Fenrir [https://blog.vkngjewelry.com/en/angrboda/amp/].
 
==Bibliografia==
4 329

edições