Diferenças entre edições de "Comitê Olímpico Nacional"

m
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
Os '''Comitês Olímpicos Nacionais''' ('''CON''') são as instituições máximas em nível nacional do [[Movimento Olímpico]] no mundo.<ref>{{citar web|url=https://web.archive.org/web/20130118055454/http://www.coe.org.ec/index.php/estructura-coe/antecedentes-coe/49-carta-olimpica.html|título=''Carta Olímpica'' - versión español. Capítulo 4: Los Comités Olímpicos Nacionales (CON)|língua=espanhol|data=30 de junho de 2012|publicado=Comitê Olímpico Equatoriano}}</ref> Sujeitos aos controles do [[Comitê Olímpico Internacional]], os CONs são responsáveis por organizar a participação de seu povo nos [[Jogos Olímpicos]]. Eles podem nomear cidades dentro de suas respectivas áreas como candidatas para futuros Jogos Olímpicos. Os CONs também promovem o desenvolvimento de atletas e o treinamento de técnicos e árbitros em nível nacional dentro de suas geografias.
 
== Membros dos CONsCON ==
Atualmente, há 206 CONs.<ref>[http://www.olympic.org/national-olympic-committees "National Olympic Committees"], Comitê Olímpico Internacional. Visitado em 7 de fevereiro de 2016.</ref> Isso incluem em 193 [[Estados-membros das Nações Unidas|membros da Organização das Nações Unidas]], um [[Observadores da Assembleia Geral das Nações Unidas|estado observador da ONU]] ([[Comité Olímpico da Palestina|Palestina]]), um estado não membro da ONU em [[associação livre]] com a Nova Zelândia ([[Comité Olímpico Nacional e Desportivo das Ilhas Cook|Ilhas Cook]]) e dois [[Lista de Estados com reconhecimento limitado|estados com reconhecimento limitado]] ([[Comitê Olímpico do Cossovo|Cossovo]] e [[Comité Olímpico de Taipé Chinês|Taiwan]]{{nota de rodapé|Designada por ''[[Taipé Chinês]]'' pelo COI.}}).
 
Há também nove [[território dependente|territórios dependentes]] com CONs reconhecidos: quatro [[territórios dos Estados Unidos]] ([[Comité Olímpico Nacional da Samoa Americana|Samoa Americana]], [[Comité Olímpico Nacional de Guam|Guam]], [[Comité Olímpico de Porto Rico|Porto Rico]] e o [[Comité Olímpico das Ilhas Virgens|Ilhas Virgens dos Estados Unidos]]), três [[Territórios Britânicos Ultramarinos Britânicos]] ([[Associação Olímpica de Bermudas|Bermudas]], o [[Comité Olímpico das Ilhas Virgens Britânicas|Ilhas Virgens Britânicas]] e o [[Comité Olímpico das Ilhas Cayman|Ilhas Cayman]]), um [[Países Baixos#Países constituintes|país constituinte]] do [[Reino dos Países Baixos]] ([[Comité Olímpico de Aruba|Aruba]]) e uma [[regiões administrativas especiais da China|região administrativa especial]] da [[China]] ([[Federação Desportiva e Comité Olímpico de Hong Kong|Hong Kong]]).
 
Antes de 1996, as regras para reconhecer territórios dependentes ou [[Nação constituinte|países constituintes]] como países separados dentro do COI não eram tão rígidas quanto aquelas dentro das [[Organização das Nações Unidas|Nações Unidas]], o que permitia que esses territórios tivessem equipes de campo separadas de seus Estado soberano. Após uma emenda à Carta Olímpica em 1996, o reconhecimento dos CONs só pode ser concedido após o reconhecimento como país independente pela comunidade internacional.<ref>{{citar web|url=https://publications.parliament.uk/pa/cm201012/cmselect/cmfaff/writev/overseas/ot22.htm |título=Overseas Territories (3rd February 2012) |publicado=Publications.parliament.uk |acessodata=2014-01-23}}</ref> Uma vez que a a regra não se aplica retroativamente, os territórios dependentes e os países constituintes que foram reconhecidos antes da alteração da regra podem continuar enviando equipes separadas para as Olimpíadas, enquanto as [[Ilhas Faroé]] e [[Macau]] enviará suas próprias equipes dos [[Jogos Paraolímpicos|Paraolímpicos]].
5 131

edições