Diferenças entre edições de "In the Zone"

Etiqueta: Revertida
Etiqueta: Revertida
 
=== The Onyx Hotel Tour ===
{{AP|The Onyx Hotel Tour}}
Uma turnê em função de promover o álbum foi anunciada em dezembro de 2003.<ref>{{citar web|língua2=en|url=http://www.mtv.com/news/articles/1480899/20031202/spears_britney.jhtml|título=Britney Spears Lines Up Tour For In The Zone|data=2 de dezembro de 2003|acessodata=17 de agosto de 2013|autor=Vineyard, Jennifer|publicado=MTV. MTV Networks}}</ref> Originalmente seu nome seria In the Zone Tour, porém Spears foi processada por violação de [[marca registrada]] e proibida de usar a frase "''in the zone''".<ref>{{citar web|língua2=en|url=http://books.google.com/books?id=mxAEAAAAMBAJ&pg=PA8&dq=britney+onyx&lr=&as_brr=1&as_pt=MAGAZINES&cd=4#v=onepage&q=britney%20onyx&f=false|título=News Line: The Week in Brief |data=24 de abril de 2004|acessodata=17 de agosto de 2013|autor=Chang, Samantha|obra=Billboard|publicado=Prometheus Global Media}}</ref> A artista sentiu-se inspirada em criar um concerto com uma temática de hotel, do qual mais tarde mesclou com o conceito de uma pedra [[ônix]], assim nomeando-o como The Onyx Hotel Tour. O palco, influenciado pelos [[Teatro da Broadway|musicais da Broadway]], foi menos elaborado do que os de suas digressões anteriores.<ref>{{citar web|língua2=en|url=http://www.mtv.com/news/articles/1485366/20040226/spears_britney.jhtml|título=Britney Spears Releasing Diddy-Produced Song On DVD|data=26 de fevereiro de 2004|acessodata=17 de agosto de 2013|autor=Vineyard, Jennifer|publicado=MTV. MTV Networks}}</ref> O repertório era composto principalmente por canções de ''In the Zone'' bem como algumas de suas antigas músicas reformuladas com diferentes elementos de ''jazz'', ''blues'' e percussão latina. Os eventos foram promovidos pela Clear Channel Entertainment, que visava atrair um público mais velho do que os de seus ''shows'' prévios enquanto a patrocinadora MTV promoveu altamente a excursão em programas televisivos e em sua página oficial.<ref>{{citar web|língua2=en|url=http://books.google.com/books?id=XREEAAAAMBAJ&pg=PA24|título=CCE Steers Spears' Tour Towards Changing Audience|data=7 de fevereiro de 2004|acessodata=17 de agosto de 2013|autor=Ault, Susanne|obra=Billboard|publicado=Prometheus Global Media}}</ref> Os concertos foram divididos em sete segmentos: [[Check-in|''Check-In'']], [[Lounge music|''Mystic Lounge'']], ''Mystic Garden'', ''The Onyx Zone'', [[Circuito fechado de televisão|''Security Cameras'']], [[clubber|''Club'']] e o [[Bis (concerto)|bis]]. A introdução, ''Check-In'', caracterizava-se por rotinas de dança e adiantava a temática de hotel. ''Mystic Lounge'' prestava uma homenagem ao [[Cabaret (musical)|''Cabaret'']] e outros musicais, enquanto remixava alguns dos primeiros êxitos de Spears. O terceiro ato, ''Mystic Garden'', apresentava um cenário inspirado em elementos da selva. ''The Onyx Zone'', retratava apenas uma performance de "Shadow", cuja era acompanhada por acrobatas. ''Security Cameras'' era a parte mais controversa do espetáculo, onde Spears e seus dançarinos emulavam diferentes [[Comportamento sexual humano|práticas sexuais]]. O segmento posterior, ''Club'' contava com uma interpretação de "(I Got That) Boom Boom" com influências urbanas em sua estética. O bis consistia em um mau funcionamento do sistema de interlúdio e Britney executava "Me Against the Music" enquanto vestia um conjunto vermelho. A turnê recebeu avaliações mistas dos avaliadores, dos quais prezaram por ser um ''show''
agradável ao passo que criticaram-o por parecer "mais [como] um espetáculo do que um concerto real".<ref>{{citar web|língua2=en|url=http://seattletimes.nwsource.com/html/entertainment/2001878223_britney13.html|título=Concert Review: Britney's all flash, no substance|data=13 de março de 2004|acessodata=17 de agosto de 2013|autor=Sitt, Pamela|obra=[[The Seattle Times]]|publicado=The Seattle Times Company|arquivourl=https://web.archive.org/web/20110720015547/http://seattletimes.nwsource.com/html/entertainment/2001878223_britney13.html|arquivodata=23 de Outubro de 2012 |ligação inativa=sim}}</ref> The Onyx Hotel Tour foi bem-sucedida comercialmente, arrecadando US$ 34 milhões.<ref>{{citar web|língua2=en|url=http://www.foxnews.com/story/0,2933,195283,00.html|título=Britney Spears' Biography|data=31 de julho de 2008|acessodata=17 de agosto de 2013|publicado=Fox News. News Corporation|arquivourl=https://www.webcitation.org/69UgwZq4N?url=http://www.foxnews.com/story/0,2933,195283,00.html|arquivodata=2012-07-28|urlmorta=yes}}</ref> Em março de 2004, Spears sofreu uma lesão no joelho no palco o que a forçou a adiar duas apresentações.<ref>{{citar web|língua2=en|url=http://www.people.com/people/article/0,,628011,00.html|título=Britney to Check Back In to Onyx Hotel|data=22 de março de 2004|acessodata=17 de agosto de 2013|autor=Silverman, Stephen M.|obra=People|publicado=Time Warner|arquivourl=https://web.archive.org/web/20110720015547/http://www.people.com/people/article/0,,628011,00.html|arquivodata=23 de Outubro de 2012 |ligação inativa=sim}}</ref> Em junho seguinte, a cantora caiu e machucou o seu joelho novamente durante a gravação do vídeo musical de "Outrageous". Ela foi submetida à uma cirurgia e o restante da turnê foi cancelada.<ref name=peopleknee>{{citar web|língua2=en|url=http://www.people.com/people/article/0,,652994,00.html|título=Britney Cancels Tour Due to Bad Knee|data=16 de junho de 2004|acessodata=17 de agosto de 2013|autor=Silverman, Stephen M.|obra=[[People]]|publicado=Time Warner}}</ref>
2 313

edições