Espiritismo: diferenças entre revisões

47 bytes removidos ,  1 de novembro de 2021
m
manut refs
m (manut refs)
As primeiras manifestações de mesas girantes observadas por Kardec aconteceram por meio de mesas se levantando e batendo, com um dos pés, um número determinado de pancadas e respondendo, desse modo, ''sim'' ou ''não'', segundo fora convencionado, a uma questão proposta.<ref>{{citar web|url=http://www.cvdee.org.br/doutrina.asp|título=CVDEE - Centro Virtual de Divulgação e Estudo do Espiritismo|autor =|data=|website=www.cvdee.org.br|acessodata=2 de outubro de 2019}}</ref><ref>CUCHET, William , Vozes do túmulo. Gira, espiritismo e da sociedade no século XIX, ed. du Seuil, 2012, 458 p.</ref>
 
Apesar da crença que supostos ''espíritos'' ou ''gênios'' movimentavam as mesas, [[experimentos científicos]] de [[Michael Faraday]] publicados em 1853 mostraram que os movimentos eram causados pelo [[efeito ideomotor]] e descartaram as explicações [[paranormais]] para o fenômeno das mesas girantes.<ref name="Faraday">{{citar periódico|ultimo = Faraday|primeiro = Michael|titulo = Experimental Investigation of Table-Moving|jornal = Journal of the Franklin Institute|doi = 10.1016/S0016-0032(38)92173-8|url = http://web.archive.org/web/20150924152733/http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0016003238921738|acessadoem acessodata= 06/-08/-2014|data = 1853|volume = 56|numero = 5|paginas = 328-33|notas = Finally, I beg to direct attention to the discourse delivered by Dr. Carpenter at the Royal Institution on the 12th of March, 1852, entitled 'On the influence of Suggestion in modifying and directing Muscular Movement, independently of Volition':-which, especially in the latter part, should be considered in reference to table moving by all who are interested in the subject.}}</ref> O efeito ideomotor também causa os movimentos observados no chamado [[tabuleiro ouija]] e na "brincadeira do copo",<ref>{{Citar livro|título = Copos Que Andam|url = https://books.google.com.br/books?id=E-Av6IePIzkC|editora = Petit Editora e Distribuidor|isbn = 9788572530187|nome = VERA LUCIA MARINZECK DE|sobrenome = CARVALHO|nome2 = ANTONIO CARLOS|sobrenome2 = (ESPIRITO)|local=São Paulo|páginas=12-20}}</ref> nos quais os participantes movimentam marcadores involuntariamente sobre letras e números e também atribuem os movimentos a supostos ''espíritos'' ou ''gênios''.<ref name="Britannica">{{citar web |url=https://en.wikisource.org/wiki/1911_Encyclop%C3%A6dia_Britannica/Table-turning |título=Table-turning |editor=Encyclopædia Britannica |data=1911 |citação="some simple apparatus which conclusively demonstrated that the movements were due to unconscious muscular action" |acessodata=10 de fevereiro de 2015}}</ref>
 
Kardec, analisando esses fenômenos, concluiu que não havia nada de convincente neste método para os céticos, porque se podia acreditar num efeito da eletricidade, cujas propriedades eram pouco conhecidas pela ciência de então. Foram então utilizados métodos para se obter respostas mais desenvolvidas por meio das letras do alfabeto: a mesa batendo um número de vezes corresponderia ao número de ordem de cada letra, chegando, assim, a formular palavras e frases respondendo às perguntas propostas.<ref>BOUCHET, Christian, o Espiritismo, BA-BA coleção, Pardes, Puiseaux, 2004, página 107.</ref> Kardec concluiu que a precisão das respostas e sua correlação com a pergunta não poderiam ser atribuídas ao acaso.<ref name=abib/> Ele também questionou a possibilidade de uma hipótese muscular (como o efeito ideomotor) ser causa de todos os alegados movimentos e mensagens das mesas girantes ou de outras produções mecânicas.{{Sfn|Kardec|1861b|p=48}}{{Sfn|Kardec|1857|p=28}}<ref name=":0">Pimental, Marcelo Gulão. (Fevereiro de 2014). ''[https://repositorio.ufjf.br/jspui/bitstream/ufjf/513/1/marcelogulaopimentel.pdf O Método de Allan Kardec para Investigação dos Fenômenos Mediúnicos (1854-1869)]''. Juiz de Fora-MG: Universidade Federal de Juiz de Fora, Dissertação de Mestrado ao Programa de Pós-Graduação em Saúde.</ref> O ser misterioso que assim respondia, quando interrogado sobre sua natureza, declarou que era um ''espírito'' ou ''gênio'', deu o seu nome e forneceu diversas informações a seu respeito. Posteriormente o fenômeno diminuiu de popularidade e chegou a tornar-se [[Anedota|anedótico]].<ref>{{citar web|URL=http://www.guia.heu.nom.br/mesas_girantes.htm|título=As Mesas Girantes na França|autor=Guia HEU|data=|publicado=guiaheu.com|acessodata=2015/06/02}}</ref>
A [[Classificação internacional de doenças]] (CID) em sua décima atualização, a CID-10, prevê, em seu item F.44.3 os chamados "Estados de transe e de possessão", definidos como: "Transtornos caracterizados por uma perda transitória da consciência de sua própria identidade, associada a uma conservação perfeita da consciência do meio ambiente." Contudo, explicitamente descreve em alínea seguinte: "Devem aqui ser incluídos somente os estados de transe involuntários e não desejados, excluídos aqueles de situações admitidas no contexto cultural ou religioso do sujeito".<ref>{{citar web|url=http://apps.who.int/classifications/icd10/browse/2010/en#/F40-F48|título=ICD-10 Version:2010|autor =|data=|website=apps.who.int|acessodata=2 de outubro de 2019}}</ref>
 
Nesse sentido é feita a distinção entre o estado de transe normal - a exemplo a [[hipnose]], não mais considerado doença - e o [[Psicose|transtorno dissociativo psicótico]], uma patologia [[psiquiatria|psiquiátrica]]. Exclui-se desse item também, entre outros, a [[esquizofrenia]]. Evidencia-se também na CID que os estados de transes tidos por espiritualistas como oriundos de [[possessão espiritual|"possessões espirituais"]] - comuns em ambientes religiosos - não são acobertados pelo item F.44.3 citado, e não são considerados patológicos; e apesar da CID reconhecer tais estados de transe ao excluí-los explicitamente, também não aponta "espíritos" como causa de transe algum, mesmo que alguns adeptos espiritualistas insistam em dizer o contrário.<ref name="tempo">{{citar web|URL=https://www.otempo.com.br/opiniao/jose-reis-chaves/a-organizacao-mundial-de-saude-e-sua-coragem-de-dizer-a-verdade-1.719|título=A Organização Mundial de Saúde e sua coragem de dizer a verdade|autor=José Reis Chaves|data=14/1/-01-2013|publicado=O Tempo|acessodata=2 de outubro de 2019}}</ref>
 
A expressão "possessão" figura no referido item da CID com acepção que remete aos estados de agitação demasiada, de agressividade ou mesmo de fúria; e mediante tal acepção a leitura do item associado em íntegra implica, nitidamente, o não reconhecimento da tal causa "espiritual" (vide alínea). Argumento em favor da asserção inicial deriva também do fato de que o reconhecimento de tal causa pela Organização Mundial de Saúde implicaria a inserção compulsória dessa na CID bem como a necessidade de tratamento ou acompanhamento específicos visto serem tais estados de "possessão" prontamente reconhecidos, antes de mais nada pelos próprios espiritualistas, como situações muitas vezes prejudiciais à saúde do "possuído" e que requerem por tal tratamento ou mesmo acompanhamento "espiritual" imediato, tratamentos esses certamente fornecidos - segundo suas crenças - pelos referidos grupos ou autoridades religiosas capacitadas junto aos seus templos ou ambientes de reuniões; contudo não definidos, estabelecidos, tampouco cogitados pela Organização Mundial de Saúde.<ref name="tempo" /><ref>{{citar web|título=Desobsessão - Francisco Cândido Xavier e Waldo Vieira - Federação Espírita Brasileira - Departamento Editorial - Rua Souza Valente, 17 CEP: 20941-040 - Rio - RJ - Brasil|autor =|data=|páginas=2, 9-11}}</ref><ref>{{citar web|url=http://www.who.int/classifications/ichi/en/|título=International Classification of Health Interventions (ICHI)|autor =|data=|website=Organização Mundial da Saúde|acessodata=2 de outubro de 2019}}</ref>
[[Imagem:Festival Allan Kardec 2010 Sao Paulo 1.jpg|thumb|esquerda|Festival Allan Kardec em [[São Paulo]].]]
 
De 1857, ano do lançamento do ''[[O Livro dos Espíritos]]'', a 1869, ano do falecimento de Kardec, o espiritismo conseguiu 7 milhões de adeptos.<ref>{{citar web |url=http://www.istoe.com.br/reportagens/332712_O+PAPA+DOS+ESPIRITAS |titulo=O papa dos espíritas |editor=IstoÉ |data=1 de novembro de 2013 |acessodata=2 de outubro de 2019}}</ref> Segundo dados do ano 2005, o espiritismo possui cerca de 15 milhões de adeptos ao redor do mundo,<ref>[http://www.adherents.com/Religions_By_Adherents.html Ranking na Adherents.com] Acessado em 4 de janeiro de 2011</ref> e segundo dados do ano 2010, o [[Brasil]] - país com mais adeptos<ref>[http://www.mundoespirita.com.br/index.php?act=conteudo&conteudo=339 O Brasil é a capital mundial do Espiritismo]</ref> - conta com cerca de 3,8 milhões de espíritas.<ref name="censo1">{{citar web |url=http://www.ibge.gov.br/home/presidencia/noticias/noticia_visualiza.php?id_noticia=2170&id_pagina=1 |título=Censo 2010: número de católicos cai e aumenta o de evangélicos, espíritas e sem religião |acessodata=15-12-2012 |autor=IBGE |coautores= |data=29 de junho de 2012 |formato=web |obra= |publicado=Sala de Imprensa › Censo Demográfico 2010 - Características gerais da população, religião... (Comunicação Social) |citação=Entre os espíritas, que passaram de 1,3% da população (2,3 milhões) em 2000 para 2,0% em 2010 (3,8 milhões)... }}</ref><ref name="censo2">{{citar web |url=http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2012-06-29/ibge-com-maior-rendimento-e-instrucao-espiritas-crescem-65-no-pais-em-10-anos.html |título=IBGE: com maior rendimento e instrução, espíritas crescem 65% no País em 10 anos |acessodata=15 de dezembro de 2012 |autor=iG São Paulo |data=29 de junho de 2012 |publicado=Último Segundo |citação=(...)os adeptos do espiritismo possuem as maiores proporções de pessoas com nível superior completo (31,5%) e taxa de alfabetização (98,6%), além das menores percentagens de indivíduos sem instrução (1,8%) e com ensino fundamental incompleto (15,0%). O espiritismo também foi uma das religiões que apresentaram crescimento (65%) desde o Censo realizado em 2000: passaram de 1,3% da população (2,3 milhões) em 2000 para 2% em 2010 (3,8 milhões).(...)Também na posição mais alta quando se analisa rendimento, 19,7% dos espíritas se declararam no grupo das pessoas com rendimento acima de 5 salários mínimos.}}</ref> O [[Conselho Espírita Internacional]] (CEI) tem 36 países membros, sendo eles: [[Alemanha]], [[Angola]], [[Argentina]], [[Austrália]], [[Áustria]], [[Bélgica]], [[Bolívia]], [[Brasil]], [[Canadá]], [[Chile]], [[Colômbia]], [[Cuba]], [[El Salvador]], [[Espanha]], [[Estados Unidos]], [[França]], [[Guatemala]], [[Países Baixos]], [[Honduras]], [[Itália]], [[Japão]], [[Luxemburgo]],<ref>{{citar web|url=http://www.groupespiriteallankardeclux.com/|título=Groupe Spirite Allan Kardec de Luxembourg|autor =|data=|website=www.groupespiriteallankardeclux.com|acessodata=2 de outubro de 2019}}</ref> [[México]], [[Moçambique]],<ref>—''União Espírita de Moçambique''— —[http://www.sistemas.febnet.org.br/reformadoronline/pagina/?id=382 Reformador— Federação Espírita Brasileira: O Espiritismo em Moçambique]:. A União Espírita de Moçambique (UNEMO), recentemente unida ao Conselho Espírita Internacional, promoveu reuniões e palestras em Maputo, nos dias 24 a 26 de agosto de 2013, com atuação de Antonio Cesar Perri de Carvalho e João Pinto Rabelo, respectivamente presidente e diretor da [[Federação Espírita Brasileira]].</ref> [[Noruega]], [[Nova Zelândia]], [[Panamá]], [[Paraguai]], [[Peru]], [[Portugal]], [[Reino Unido]], [[Suécia]], [[Suíça]], [[Uruguai]] e [[Venezuela]].<ref>[http://cei.spirite.org/pt/about/member-countries-of-the-isc/ Países-Membros do] [[Conselho Espírita Internacional]]. Acessado em 3 de fevereiro de 2013</ref> Outra organização espírita internacional, a [[Confederação Espírita Pan-Americana|Confederação Espírita Pan-americana]], reúne instituições espíritas e delegados de 13 países como Argentina, Brasil, Colômbia, Cuba, Espanha, Estados Unidos, França, Guatemala, Honduras, México, [[Porto Rico]], [[República Dominicana]] e Venezuela.<ref>{{Citar web|título = Instituições Adessas|URL = http://www.cepainfo.org/index.php?option=com_content&view=article&id=64&Itemid=13&lang=pt|obra = www.cepainfo.org|acessadoem = 2015-11-12}}</ref><ref>{{Citar web|título = Instituições Afiliadas|URL = http://www.cepainfo.org/index.php?option=com_content&view=article&id=71&Itemid=14&lang=pt|obra = www.cepainfo.org|acessadoem = 2015-11-12}}</ref><ref>{{Citar web|título = Delegados Especiais|URL = http://www.cepainfo.org/index.php?option=com_content&view=article&id=310&Itemid=15&lang=pt|obra = www.cepainfo.org|acessadoem = 2015-11-12}}</ref>
 
=== Brasil ===
Teve através de [[Bezerra de Menezes]]{{Sfn|Arribas|2008|p=104}} e [[Chico Xavier]]<ref>Langellier JP. [http://www.lemonde.fr/idees/article/2010/05/12/un-homme-insignifiant_1350399_3232.html ''Un homme insignifiant'']. Le Monde, 12/05/2010.</ref> a oportunidade de se popularizar pelo país, espalhando seus [[ensinamento]]s por grande parte do território brasileiro. O Brasil é o que reúne o maior número de espíritas em todo o mundo.<ref>{{citar web|URL=http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2012-06-29/ibge-com-maior-rendimento-e-instrucao-espiritas-crescem-65-no-pais-em-10-anos.html|título=IBGE: com maior rendimento e instrução, espíritas crescem 65% no País em 10 anos|autor=iG|data= 29 de junho de 2012|acessodata=2 de abril de 2015}}</ref> A [[Federação Espírita Brasileira]] – entidade de âmbito [[Nacionalidade|nacional]] do movimento espírita – congrega aproximadamente dez mil [[instituição|instituições]] espíritas,<ref>{{citar web|URL=https://web.archive.org/web/20150205040239/http://www2.al.rs.gov.br/noticias/ExibeNoticia/tabid/5374/IdMateria/172656/language/pt-BR/Default.aspx|título=Paulo Borges faz homenagem aos 150 anos da Doutrina Espírita no RS|autor=Paulo Borges - Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul|data=|publicado=19/04/2007|acessodata=2 de abril de 2015}}</ref> espalhadas por todas as regiões do país. Há várias associações espíritas brasileiras de profissionais específicos, como a [[Associação Médico-Espírita do Brasil|Associação Médico Espírita do Brasil]], [[Associação Brasileira de Psicólogos Espíritas]], [[Associação Brasileira de Magistrados Espíritas]], [[Associação Brasileira de Artistas Espíritas]], [[Cruzada dos Militares Espíritas]], etc.<ref name=abib/>
 
De acordo com o [[Censo brasileiro de 2010]], o Brasil possuía cerca de 3,8 milhões de espíritas.<ref>[http://www.ibge.gov.br/home/presidencia/noticias/noticia_visualiza.php?id_noticia=2170&id_pagina=1 ''IBGE.gov.br'']</ref> As capitais estaduais com maior percentagem de espíritas são [[Florianópolis]] (7,3%), [[Porto Alegre]] (7,1%), [[Rio de Janeiro]] (5,9%), [[São Paulo]] (4,7%), [[Goiânia]] (4,3%), [[Belo Horizonte]] (4,0%), [[Campo Grande (Mato Grosso do Sul)|Campo Grande]] (3,6%), [[Recife]] (3,6%), [[Brasília]] (3,5%) e [[Cuiabá]] (3,5%).<ref>{{citar web |url=http://www.censo2010.ibge.gov.br/amostra/ |título=censo2010 |acessodata=15-12-2012 |autor=IBGE |coautores= |ano=2010 |formato= |obra= |publicado= |citação= |notas=(clicar nas respectivas tabelas para visualizar os números) }}</ref> O [[IBGE]] trata os termos ''kardecismo'' e ''espiritismo'' como [[homônimos|equivalentes]] em sua classificação [[censo|censitária]].<ref>A classificação das religiões usadas pelo IBGE está disponível através do caminho Censo_Demografico_2000/Anexos/CD_1, neste [http://www.ibge.gov.br/servidor_arquivos_est/ link] {{Wayback|url=http://www.ibge.gov.br/servidor_arquivos_est/ |date=20100406010917 }}</ref>
 
Terceiro maior [[Grupo (sociologia)|grupo]] [[religião|religioso]] brasileiro, os espíritas são, também, o [[Segmentação de mercado|segmento]] [[sociedade|social]] que têm maior [[renda]] e [[escolaridade]], segundo os dados do mesmo [[Censo]]. Os [[espírita]]s têm sua imagem fortemente associada à prática da [[caridade]]. Eles mantêm em todos os [[estados brasileiros]] [[asilo]]s, [[orfanato]]s, [[escola]]s para pessoas carentes, creches e outras instituições de assistência e promoção social.<ref name=abib/> [[Allan Kardec]] é uma personalidade bastante [[celebridade|conhecida]] e respeitada no Brasil].<ref>[http://www2.camara.leg.br/camaranoticias/noticias/NAO-INFORMADO/57131-CAMARA-HOMENAGEIA-200-ANOS-DO-NASCIMENTO-DE-KARDEC.html ''Câmara homenageia 200 anos do nascimento de Kardec'']; 28/10/2004. Agência Câmara Notícias. Página visita em 7 de abril de 2014.</ref> É o autor francês mais lido no país, seus livros já venderam mais de 25 milhões de exemplares em todo o [[território brasileiro]]. Se forem contabilizados os demais [[Literatura espírita|livros espíritas]], todos decorrentes das obras de [[Allan Kardec|Kardec]], o [[mercado]] [[editora|editorial]] brasileiro espírita ultrapassa 4 mil títulos já editados e mais de 100 milhões de exemplares vendidos.<ref>{{citar web |url=http://www.febeditora.com.br/blog/sobre-autores/allan-kardec |título=Allan Kardec |acessodata=20 de julho de 2013 |autor=Missão da Federação Espírita Brasileira (FEB) |coautores= |data= |formato= |publicado= |citação= }}</ref> A temática espírita constitui o mercado editorial literário de maior sucesso no Brasil, sendo que os livros espíritas lideram o [[ranking]] dos mais vendidos nas principais livrarias do país.<ref name=abib/><ref>[http://www.istoe.com.br/reportagens/17034_LEITORES+DE+FE Revista Época, "''Leitores de Fé''", 26/06/2009]</ref> Segundo o censo de 2010, o espiritismo cresceu do ano de 2000 até 2010, com um expressivo aumento de mais de 60% de seguidores, passando de 2,3 milhões para 3,8 milhões de seguidores,<ref name="censo1"/> tendo a maioria destes, idades entre 50 e 59 anos (3,1%), e na comparação com as demais posições em relação à religião, tendo o maior número de pessoas com taxa de alfabetização (98,6%), [[ensino superior]] completo (31,5%) e rendimento acima de 5 [[Salário mínimo#Brasil|salários mínimos]] (19,7%), além da menor percentagem de indivíduos sem instrução (1,8%) e com ensino fundamental incompleto (15,0%).<ref name="censo2"/>
 
=== Cuba ===
 
=== México ===
Nas décadas de 1850–60 o espiritismo chega ao [[México]], atraindo a elite intelectual em meio às suas propostas de [[modernismo]], da reforma [[Anticlericalismo|anticlerical]] e [[Liberalismo|liberal]] de [[livre pensamento]]. O general [[Refugio Indalecio González]] traduziu obras de Kardec, publicando no México em espanhol ''O'' ''Evangelho Segundo o Espiritismo'' em 1872 e, sob direção da Sociedad Espírita Central de la República Mexicana, circulou revistas espíritas.<ref name=":03">{{Citar livro|url=http://worldcat.org/oclc/1007384654|título=Metaphysical Odyssey into the Mexican Revolution: Francisco I. Madero and His Secret Book, Spiritist Manual|ultimo=Mayo|primeiro=C. M.|editora=Dancing Chiva|ano=2014|local=|página=|páginas=|oclc=1007384654}}</ref> Dentre outros, destaca-se também a divulgação inicial pelo [[Socialismo utópico|socialista utópico]] [[Nicolás Pizarro Suárez.|Nicolás Pizarro Suárez]].<ref>{{Citar livro|url=https://books.google.com.br/books?id=qSz9cKtiDF4C&pg=PA93|título=Las otras ideas: estudio sobre el primer socialismo en México, 1850-1935|ultimo=Illades|primeiro=Carlos|data=2008|editora=Ediciones Era|lingua=es}}</ref> Em 1875, a atenção ao espiritismo tornou-se acalorada na [[Cidade do México]], quando, numa reação [[Positivismo|positivista]] após publicações na imprensa, foi realizado um debate entre estudantes materialistas e espiritualistas no Liceo Hidalgo e Teatro del Conservatorio, considerado por Zenia Yébenes Escardó a "a primeira polêmica filosófica que, como tal, foi considerada no México".<ref name=":03" /><ref>{{citar periódico|ultimo=Batista|primeiro=Luiz Felipe Santos|data=janeiro-abriljaneiro–abril de 2017|titulo=O debate científico em torno do espiritismo mexicano na segunda metade do século XIX. O exemplo do Liceo Hidalgo|url=https://periodicos.ufmg.br/index.php/temporalidades/article/download/5745/pdf/|jornal=Temporalidades – Revista de História|edicao=23|volume=1|numero=23|issn=1984-6150|acessodata=}}</ref> Além de sua presença acadêmica, foi formado um espiritismo popular, incorporando práticas indígenas e cultos locais, com um imaginário folclórico fortemente presente na figura de [[Teresa Urrea]], uma [[Cura espiritual|curandeira espiritual]] que foi apoiada pelo espírita [[Lauro Aguirre]].<ref name=":03" /><ref name=":1">{{Citar livro|url=https://books.google.com.br/books?hl=pt-BR&id=iwlZAAAAMAAJ|título=El ocaso de los espíritus: el espiritismo en México en el siglo XIX|ultimo=Levya|primeiro=José Mariano|data=2005|editora=Cal y Arena|ano=|local=|página=|páginas=|lingua=es}}</ref> A feminista [[Laureana Wright]], escritora já conhecida, converteu-se ao espiritismo em 1889 para promover o debate do pensamento e a igualdade das mulheres, conforme exemplos de emancipação feminina que ela observava em outros países, e passou a realizar sessões em que compareciam diversos figurões públicos, tornando-se posteriormente presidente da Sociedad Espírita Central.<ref>{{citar livro|url=http://www.historicas.unam.mx/publicaciones/publicadigital/libros/407/407_04_12_LaurenaWright.pdf|título=Disidencia y disidentes en la historia de México|ultimo=Vargas|primeiro=Lucrecia Infante|editora=Universidad Nacional Autónoma de México. Instituto de Investigaciones Históricas|ano=2003|editor-sobrenome=Gutiérrez|editor-nome=Felipe Castro|local=México|página=|páginas=|capitulo=De Espíritus, Mujeres y Igualdad: Laureana Wright y el Espiritismo Kardeciano en el México Finisecular. Vargas, Lucrecia Infante.|isbn=970-32-1263-80|editor-sobrenome2=Terrazas|editor-nome2=Marcela}}</ref> Grupos espíritas surgiram em várias localidades e, após um breve declínio ao final do século XIX, intensificam-se no início do século XX os olhares sobre o espiritismo na imprensa após [[Francisco Madero]], que realizou sua divulgação através de obras que ele distribuía, congressos organizados e, inspirado por cartas que ele alegadamente psicografou, lançou um livro que promoveu a [[Revolução Mexicana]], tornando-se presidente do México por pouco tempo até ser assassinado.<ref name=":03" /><ref name=":1" />
 
== Impacto cultural ==
A telenovela brasileira ''[[Somos Todos Irmãos (Rede Tupi)|Somos Todos Irmãos]]'' (1966), foi produzida pela extinta [[Rede Tupi|TV Tupi]] e é inspirada no [[romance]] espírita ''A Vingança do Judeu'' psicografado pela médium [[Rússia|russa]] [[Vera Kryzhanovskaia]].<ref>[http://www.portugues.edicei.ch/downloads/a_vinganca_do_judeu.pdf ''A Vingança do Judeu''] (pdf) - Ed. Federação Espírita Brasileira</ref> A telenovela ''[[A Viagem (1975)|A Viagem]]'' (1975), produzida pela TV Tupi, foi inspirada nos romances espíritas ''[[Nosso Lar]]'' e ''[[E a Vida Continua...]]'' psicografados por Chico Xavier desenvolvendo uma trama complexa abordando os conceitos de [[mediunidade]], [[morte]], [[Obsessão (espiritismo)|obsessão espiritual]], [[reencarnação]] e outros. A [[Rede Globo]] concebeu um [[A Viagem (1994)|remake]] dela em 1994.<ref name=rito>RITO, Eloísa Sena. [http://www.intercom.org.br/sis/regional/resumos/R19-1224-1.pdf ''Representação do Céu e do Inferno no último capítulo da Novela A Viagem'']. ([[Universidade Bandeirante de São Paulo|UNIBAN]], 2010)</ref> A telenovela ''[[O Profeta (1977)|O Profeta]]'' (1977), produzida pela extinta TV Tupi e também com um [[O Profeta (2006)|remake]] concebido em 2006 pela Rede Globo, mostra o personagem principal como um médium capaz inclusive de predizer o futuro.<ref name=ribeiro>RIBEIRO, Raphael Alberto. [http://snh2007.anpuh.org/resources/content/anais/Raphael%20Alberto%20Ribeiro.pdf ''ALMAS ENCLAUSURADAS: práticas de intervenção médica, representações culturais e cotidiano no Sanatório Espírita de Uberlândia (1932-1970)''], pg. 3. ([[Associação Nacional de História]], 2007)</ref>
 
Mais recentemente, as produções ''[[Alma Gêmea]]'',<ref name=ribeiro/> ''[[Escrito nas Estrelas (telenovela)|Escrito nas Estrelas]]'',<ref name=nascimento>NASCIMENTO, Robéria Nádia Araújo. [http://www.intercom.org.br/papers/nacionais/2013/resumos/R8-1238-1.pdf ''O “além” na Ficção Televisiva: a Midiatização Religiosa na Teledramaturgia da Rede Globo'']. ([[Universidade Federal da Paraíba|UFPB]], 2013)</ref> ''[[Amor Eterno Amor]]'',<ref>CASTRO, Natalia. [http://oglobo.globo.com/cultura/revista-da-tv/amor-eterno-amor-aposta-no-espiritismo-nos-lacos-eternos-4223282 ''‘Amor eterno amor’ aposta no espiritismo e nos laços eternos''.] In oglobo.globo.com, 05/03/2012. Visto em 26/11/2013.</ref> ''[[Além do Tempo]]''<ref name="segundafase1">{{citar web|url=http://diariogaucho.clicrbs.com.br/rs/entretenimento/noticia/2015/09/vitoria-sera-mae-de-emilia-na-segunda-fase-de-alem-do-tempo-4858614.html|título=Vitória será mãe de Emília na segunda fase de Além do Tempo|autor=Pradella, Michele Vaz|data=29 de setembro de 2015|publicado=Diário Gaúcho|obra=clicRBS|acessodata=4 de novembro de 2015}}</ref><ref name="segundafase2">{{citar web|url=http://www.purepeople.com.br/noticia/veja-o-antes-e-depois-e-os-novos-personagens-da-segunda-fase-de-alem-do-tempo_a80101/1|título=Veja o antes e depois e os novos personagens da segunda fase de 'Além do Tempo'|autor=|data=9 de outubro de 2015|publicado=Pure People|obra=|acessodata=4 de novembro de 2015}}</ref> e ''[[Espelho da Vida]]'' também contaram histórias relacionadas ao espiritismo.<ref>{{citar web|url=https://oglobo.globo.com/cultura/revista-da-tv/espelho-da-vida-nova-novela-das-18h-tem-tematica-espirita-cenas-em-mariana-22887178|título=‘Espelho da vida’: nova novela das 18h tem temática espírita e cenas em Mariana|autor=Zean Bravo|data=15 de julho de 2018|publicado=O Globo|acessodata=3 de outubro de 2018}}</ref>
|autor=Pradella, Michele Vaz|data=29 de setembro de 2015|publicado=Diário Gaúcho|obra=clicRBS|acessodata=4 de novembro de 2015}}</ref><ref name="segundafase2">{{citar web|url=http://www.purepeople.com.br/noticia/veja-o-antes-e-depois-e-os-novos-personagens-da-segunda-fase-de-alem-do-tempo_a80101/1|título=Veja o antes e depois e os novos personagens da segunda fase de 'Além do Tempo'|autor=|data=9 de outubro de 2015|publicado=Pure People|obra=|acessodata=4 de novembro de 2015}}</ref> e ''[[Espelho da Vida]]'' também contaram histórias relacionadas ao espiritismo.<ref>{{citar web|url=https://oglobo.globo.com/cultura/revista-da-tv/espelho-da-vida-nova-novela-das-18h-tem-tematica-espirita-cenas-em-mariana-22887178|título=‘Espelho da vida’: nova novela das 18h tem temática espírita e cenas em Mariana|autor=Zean Bravo|data=15 de julho de 2018|publicado=O Globo|acessodata=3 de outubro de 2018}}</ref>
 
=== Filmes ===
[[Imagem:Waldo vieira.jpg|thumb|[[Waldo Vieira]] (1932–2015) foi fundador da conscienciologia]]
 
Após o fim da parceria com o médium Chico Xavier em 1968, o médium [[Waldo Vieira]] inicia pesquisa própria sobre o fenômeno denominado "[[projeção da consciência]]" (no espiritismo referido como "desdobramento espiritual"). Consequentemente, em 1987 sistematiza o movimento de cunho paracientífico chamado ''[[Conscienciologia]]''.<ref name="mundoespirita">{{citar web |url=http://www.mundoespirita.com.br/antigo/jornal/jornal98/fev10-1.htm |ligação inativa=yes |título="Literatura Espírita XLV" (Obras de Waldo Vieira) |acessodata=25-01-2013 |autor=Y. Shimizu |ano=1998 |mesdata=Fevereiro de 1998 |formato=htm |obra=Jornal "Mundo Espírita" |publicado=FEP |páginas= |arquivourl=http://archive.is/GDX4c |arquivodata=07-10-2013 |citação= |notas=página revisada 10/01/2010 }}</ref><ref>{{citar web |url=http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-77012002000200003&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt |título=Religião, ciência ou auto-ajuda? trajetos do Espiritismo no Brasil |acessodata=18-11-2013 |autor=Sandra Jacqueline Stoll |ano=2002 |publicado=Rev. Antropol. v.45 n.2 São Paulo, {{DOI|10.1590/S0034-77012002000200003}}, {{ISSN|0034-7701}} |páginas= }}</ref>
 
=== Renovação Cristã ===
Surgida no Brasil, também como uma dissidência do movimento espírita, desde setembro de 2002. Sem deixar de seguir a Doutrina Espírita, afirma fazê-lo com maior seriedade do que o movimento brasileiro em si, argumento usado para o afastamento.<ref>{{citar web|URL=http://www.dhi.uem.br/gtreligiao/rbhr/a_renovacao_crista_e_a_complexidade_do_campo_brasileiro.pdf|título=A renovação cristã e a complexidade do campo religioso brasileiro no último quartel do século xx|autor=Revista Brasileira de História das Religiões – Pedro Paulo Amorim|data=2009|publicado=Revista Brasileira de História das Religiões|acessodata=2 de maio de 2015}}</ref>
|autor=Revista Brasileira de História das Religiões – Pedro Paulo Amorim|data=2009|publicado=Revista Brasileira de História das Religiões|acessodata=2 de maio de 2015}}</ref>
 
== Controvérsias ==
 
=== Qualificação como ciência ===
[[Alexander Moreira de Almeida]]<ref>[[#tesealmeida|Almeida, 2004]]</ref> ainda tenta essa legitimação,{{Sfn|Almeida|2005|pp=570-95}} chegando a denominar a abordagem de Kardec como "revolucionária".<ref>{{Citar web|título = Spiritism: The Work of Allan Kardec and Its Implications for Spiritual Transformation|URL = http://www.metanexus.net/essay/spiritism-work-allan-kardec-and-its-implications-spiritual-transformation|obra = [http://www.metanexus.net/about-metanexus-institute Metanexus Institute]|acessadoem = 6 de setembro de 2015|autor = Alexander Moreira-Almeida|data = 2 de setembro de 2008|wayb = 20141129163539|língua= inglês|citação = In his revolutionary approach to spirituality}}</ref> No entanto, o [[consenso científico]] atual considera a [[parapsicologia]] uma [[pseudociência]],<ref>[https://stanford.library.sydney.edu.au/archives/fall2014/entries/pseudo-science/#DocCom Stanford Encyclopedia of Philosophy, 2014]</ref> desconsiderando os supostos [[paranormalidade|fenômenos paranormais]] que fundamentam o espiritismo, como [[mediunidade]], [[reencarnação]], [[obsessão (espiritismo)|obsessão]], [[mesas girantes]], [[sessão espírita]], [[psicografia]], [[psicopictografia]], [[tiptologia]], dentre outros. Os críticos das pseudociências chegam a definir a parapsicologia como "perversão", pois os parapsicólogos alegam que a ciência não pode ser a única privilegiada que está fora das explicações que eles defendem.{{Sfn|Pigliucci|2013|pp=145-163}} O magnetismo animal (mesmerismo) também está presente nos ensinos espíritas e há constantes referências a conceitos mesméricos como, por exemplo, fluidos magnéticos.<ref>{{citar livro|título=A Gênese|ultimo=Kardec|primeiro=Allan|editora=Feb|ano=1991|local=Rio de Janeiro|página=|páginas=261-262}}</ref><ref>{{Citar web |url=https://ipeak.net/site/estudo_janela_conteudo.php?origem=694&idioma=1&f=0 |titulo=Revista Espírita 1858 » Outubro » Emprego oficial do magnetismo animal |acessodata=2020-11-12 |website=ipeak.net}}</ref> Segundo essa hipótese, algumas pessoas poderiam operar curas por meio de "fluídos". Porém, a hipótese do [[Magnetismo animal]] atualmente é considerada pseudocientífica, pois desde a segunda metade do século XVIII, os cientistas sabem que as supostas curas eram apenas psicossomáticas, por meio de hipnose, sem qualquer a atuação dos "fluídos" ou magnetismo animal.<ref>{{Citar periódico |titulo=Mesmer minus magic: Hypnosis and modern medicine |url=https://doi.org/10.1080/00207140208410113 |jornal=International Journal of Clinical and Experimental Hypnosis |data=2002-10-01 |issn=0020-7144 |paginas=397–406 |pmid=12362955 |numero=4 |acessodata=2020-11-12 |doi=10.1080/00207140208410113 |primeiro=David |ultimo=Spiegel}}</ref><ref>{{Citar web |url=https://www.encyclopedia.com/medicine/psychology/psychology-and-psychiatry/hypnotism#3045000547 |titulo=Hypnotism {{!}} Encyclopedia.com |acessodata=2021-08-01 |website=www.encyclopedia.com}}</ref><ref>{{Citar web |url=https://www.britannica.com/science/hypnosis |titulo=hypnosis {{!}} Definition, History, Techniques, & Facts |acessodata=2020-11-12 |website=EncyclopediaEncyclopædia Britannica |lingua=en}}</ref>
 
Segundo [[Joseph McCabe]], citando as alegações de [[Arthur Conan Doyle]] sobre a confirmação por [[cientista]]s dos supostos fenômenos espirituais durante 30 anos, os médiuns enganaram os pesquisadores. Ele considera que tais enganos resultaram na linguagem arrogante da literatura espiritualista.<ref name=mccabe1>{{citar periódico|último=McCabe|primeiro=Joseph|título=Scientific Men and Spiritualism: A Skeptic's Analysis|jornal=The Living Age|data=12 de junho de 1920|páginas=652-657|url=http://www.unz.org/Pub/LivingAge-1920jun12-00652|acessodata=14 de abril de 2015}}</ref>
 
=== Declarações racistas de Allan Kardec ===
Allan Kardec já fez declarações controversas, [[Etnocentrismo|etnocêntricas]] e [[Racismo|racistas]] em várias de suas obras ainda no século XIX contra [[Povo chinês|chineses]] e [[africano]]s,{{Sfn|Kardec|1857|pp=188-190}}{{Sfn|Kardec|1859|p=131}}{{Sfn|Kardec|1868|p=195}} sendo amplamente criticado no meio católico mais tradicionalista por conta disso.<ref>{{citar web |url=http://www.montfort.org.br/bra/veritas/religiao/kardec/ |titulo=Allan Kardec, um racista brutal e grosseiro |editor=montfort.org |autor=Orlando Fedeli |acessodata=2 de outubro de 2019}}</ref> Kardec, como um [[Erudição|erudito]] de sua época, acreditava na suposta [[superioridade racial]] dos [[brancos]] europeus e na inferioridade de outros grupos étnico-raciais, tendo como base a [[frenologia]], fundada pelo médico alemão [[Franz Joseph Gall]] (1758-1828) e atualmente considerada uma [[pseudociência]]. Kardec foi, inclusive, membro da Sociedade de Frenologia de Paris.<ref name=":0" /><ref>{{Citar livro|url=https://books.google.com.br/books?id=VS09AAAAYAAJ&pg=PA221|título=The Phrenological Journal, and Magazine of Moral Science|ultimo=|primeiro=|data=1844|editora=MacLachlan, Stewart, and Company|ano=|local=|página=211|páginas=|lingua=en|acessodata=}}</ref>
 
{{quote|Assim, como organização física, os negros serão sempre os mesmos; como Espíritos, trata-se, sem dúvida, de uma raça