Abrir menu principal

Alterações

219 bytes adicionados ,  02h16min de 31 de maio de 2007
Então, o famoso kamikaze, um tufão maciço, assaltou as costas de [[Kyūshū]] por dois dias em linha reta, e destruiu muito da frota Mongol. Entretanto, muitos estudiosos acreditam agora que a destruição da frota foi extremamente facilitada por dois fatores adicionais: a maioria das forças de invasão foi composta de botes fluviais chineses e navios leves e frágeis. Tais navios (ao contrário dos navios de oceano, que têm uma quilha curvada para impedir que vire na correnteza) não podem enfrentar o oceano aberto. Além disso, os navios de oceano verdadeiros na frota de Kublai tinham sido construídos pelos engenheiros chineses, que tinham introduzido deliberadamente falhas fatais em muitos dos navios.
 
Em [[1286]] Kublai Khan fez planos para um terceiro ataque, porém a falta de recursos para tal empreitada tornou tal invasão inviável, além de problemas na fronteira sul com o [[Vietnã]]. Desta forma os Mongóis desistiram de vez em tentar tomar o controle do arquipélago japonês, que ganhou notoriedade por ser, junto com o únicoVietnã, [[império]]um dos únicos impérios do extremoExtremo orienteOriente a resistir ao avanço mongol.
 
=={{Ver também}}==
*[[Invasão mongol da Europa]]
2 306

edições