Espiritismo: diferenças entre revisões

Mais info sobre a proibição de Moisés
m
(Mais info sobre a proibição de Moisés)
* Uso de terminologia e conceitos próprios, como, por exemplo, [[perispírito]], [[mediunidade]], [[Centro Espírita]];<ref>{{citar livro|autor=ZIMMERMANN, Zalmino|título=''Teoria da mediunidade''|editora=Allan Kardec|ano=2011|páginas=7-8}}</ref>
* Total ausência de [[exorcismo]]s, fórmulas, palavras sacramentais, [[horóscopo]]s, [[cartomancia]], pirâmides, cristais, [[amuleto]]s, [[talismã]]s, culto ou [[Sacrifício|oferenda]] a imagens ou altares, danças, [[Procissão|procissões]] ou atos semelhantes, [[Vestes litúrgicas|paramentos]], [[andor]]es, bebidas alcoólicas ou alucinógenas, [[incenso]] e fumo, práticas exteriores ou quaisquer sinais materiais;{{Sfn|Kardec|1865|pp=105-120}}
* Ausência de rituais institucionalizados, a exemplo de batismo,<ref>{{citar livro|autor=XAVIERFrancisco Cândido – pelo espírito Emmanuel|título=EMMANUEL - 5º livro de Francisco Cândido Xavier|editora=Federação Espírita Brasileira - 22ª edição|ano=1938|páginas=13-16, 177}}</ref> culto ou cerimônia para oficializar casamento;<ref>{{citar livroSfn|Xavier|autor=XAVIERFrancisco Cândido – pelo espírito Emmanuel|título=O Consolador|editora=Federação Espírita Brasileira – 23a. edição|ano=1940|páginaspp=103-106|id=}}</ref>
* Incentivo ao respeito para com todas as religiões e opiniões.{{Sfn|Kardec|1857|p=386}}
* Ter uma fé raciocinada, rejeitando a fé cega que não utiliza o raciocínio lógico em suas crenças.{{Sfn|Kardec|1864|p=15}}
As religiões de matriz judaico-cristã entendem que, com a Lei dada a [[Moisés]] no [[Antigo Testamento]], Deus teria interditado à antiga Israel as comunicações com o mundo dos espíritos e o uso de poderes "sobrenaturais" por eles concedidos. "… não haverá no meio de ti ninguém que faça passar pelo fogo seu filho ou sua filha, que interrogue os oráculos, pratique adivinhação, magia, encantamentos, enfeitiçamentos, recorra à adivinhação ou consulte os mortos ([[necromancia]])".<ref>{{citar bíblia|Deuteronômio|18|10|14}}</ref> Afirmam ainda que essa proibição teria sido confirmada no [[Novo Testamento]], pelas referências contidas nos [[Evangelhos]] e no livro de [[Atos dos Apóstolos]] aos "espíritos impuros". A citação do apóstolo Paulo, afirma que quem pratica "''feitiçaria"'' (ou bruxaria, pois o termo grego usado é ''farmakía'') ''… não herdará o Reino de Deus"''.<ref>{{citar bíblia|Gálatas|5|20}}</ref>
 
A postura da Doutrina Espírita propõe que se avaliem os textos bíblicos, quando verdadeiramente originais, de forma crítica, levando em conta o seu patamar simbólico, em função dos recursos vocabulares e figuras de linguagem disponíveis à época e nas posteriores traduções.<ref>{{citar web |url=https://espirito.org.br/artigos/espiritismo-biblia/ |editor=Portal do Espírito |titulo=O Espiritismo na Bíblia |autor=Fátima Farias |data=20 de março de 2015 |acessodata=4 de outubro de 2019}}</ref> Além disso, propõe que se deve levar em conta o contexto espiritual do povo da época. De acordo com [[Emmanuel (espírito)]], em uma psicografia de Xavier, o intercâmbio com os desencarnados, na época de Moisés, se faria "com um material excessivamente grosseiro e inferior", logo não comportava adequadamente a comunicação mediúnica.{{Sfn|Xavier|Emmanuel|1940|loc=Pergunta 274.}}
 
== Organizações ==
1 256

edições