Diferenças entre edições de "José Agostinho"

3 bytes adicionados ,  22h56min de 4 de setembro de 2007
m
'''José Agostinho''' ([[Angra do Heroísmo]], [[1 de Março]] de [[1888]] – [[Angra do Heroísmo]], [[17 de Agosto]] de [[1978]]), mais conhecido por '''tenente-coronel José Agostinho''', foi um militar de carreira que se distinguiu como meteorologista e naturalista de renome internacional. Publicou algumas centenas de artigos sobre [[meteorologia]], [[sismologia]] e [[biologia]] em matérias referentes aos [[Açores]], para além de ter realizado mais de uma centena e meia de palestras radiofónicas sobre as mesmas matérias.
==Biografia==
José Agostinho nasceu na freguesia de [[São Pedro (Angra do Heroísmo)|São Pedro]] da cidade de [[Angra do Heroísmo]], filho de Manuel Agostinho, alferes reformado de artilharia, oriundo de [[Castelo Branco]], e de Maria da Conceição Ferreira, oriunda da [[ilha do Pico]]. Fez os seus estudos preparatórios no [[Liceu de Angra do Heroísmo]], terminado-os em Lisboa. Destinado a seguir a carreira militar, ingressou na [[Escola Politécnica]] em [[1904]], tendo terminado o respectivo curso em [[1908]]. Frequentou depois a [[Escola do Exército]], de onde se graduou ingressando na arma de Artilharia.
 
Na sua carreira militar integrou o [[Corpo Expedicionário Português]] enviado para França durante a [[Grande Guerra]], tendo ali comandando uma bataria de artilharia. Pelo seu desempenho na frente de batalha foi condecorado com a Cruz de Guerra de 1.ª Classe e com o grau de cavaleiro da [[Ordem da Torre e Espada]].
Com a extinção, em Outubro de [[1946]] do Serviço Meteorológico dos Açores por integração no Serviço Meteorológico Nacional, passou a meteorologista-chefe daquela instituição, chefiando a delegação dos Açores, aposentando-se, por atingir o limite de idade, a [[1 de Maio]] de [[1958]]. Era então tenente-coronel de Artilharia.
 
Para além da sua actividade como meteorologista profissional e como naturalista, exerceu uma extensa actividade de divulgação científica, tendo realizado centenas de palestras, incluindo uma longa série que foi radiodifundida pelo [[Rádio ClubClube de Angra]], o que fez dele uma das personalidades açorianas mais conhecidas das décadas de 1950 e 1960.
 
Era membro de múltiplas sociedades científicas internacionais e sócio correspondente do [[Instituto de Coimbra]] e da [[Sociedade Broteriana]].