Diferenças entre edições de "Vertedouro"

310 bytes removidos ,  20h29min de 25 de novembro de 2007
m
Revertidas edições por 189.25.113.181, para a última versão por João Sousa
m (Revertidas edições por 189.25.113.181, para a última versão por João Sousa)
O maior vertedouro do mundo é o da [[Usina Hidrelétrica de Tucuruí]], no rio [[Tocantins]], no Brasil, com uma capacidade de projeto calculada para a [[enchente]] decamilenar ([[Período de retorno]] igual a dez mil anos) de 110.000 m³/s.
 
Como a queda da água pode ser muito alta (cerca de centenas de metros), além de sua [[vazão]] também poder ser elevada, nos pés de um vertedouro, podem existir estruturas que ajudem a dissipar a [[energia cinética]] da água, a fim de não causar danos a base da barragem. No caso da barragem de Tucuruí, por exemplo, foi executada uma pré-escavação à jusante do vertedouro com 40 metros de profundidade que funciona como bacia de dissipação da energia do jato de água, tendo como Supervisores e Responsáveis Técnicos os engenheiros André Balança e Jorge Rios. Estudos cuidadosos de estabilidade da obra, da formação do jato, das comportas , da operação do vertedouro e muitos outros foram realizados em [[modelo]]s reduzidos no Rio de Janeiro, no Laboratório de Hidráulica [[Saturnino de Brito]].
 
==Ver também==
 
==Ligações Externas==
 
*[http://uniagua.org.br - Universidade da Água]
 
[[Categoria:Engenharia hidráulica]]
[[Categoria:Barragens]]]
[[Categoria:Engenharia]]
[[Categoria:Geografia]]
[[Categoria:Ecologia]]
[[Categoria:Ambiente]]
[[Categoria:Energia]]
[[Categoria:Barragens]]
[[Categoria:Hidráulica]]
[[Categoria:Hidrologia]]
 
 
85 272

edições