Diferenças entre edições de "Crioulo da Guiné-Bissau"

15 bytes adicionados ,  19h13min de 7 de dezembro de 2007
sem resumo de edição
Em [[1899]] Casamança foi cedida aos Franceses e em meados do [[século XX]] sua língua já se espalhara nessa região senegalesa. Com a independência do Senegal, os falantes do crioulo passaram a ser vistos como “amigos dos franceses” e discriminados pelos mais numerosos falantes de [[Língua wolof|wolof]], ao norte. Com isso Casamança buscou desde [[1982]] separar-se do Senegal.
 
AgoraCasamança, porém, ainda é parte do Senegal e, mesmo havendo ainda divergências, a situação vemmelhorou melhorando,para comos ofalantes aprendizadodeste doidioma PortuguêsCrioulo sede popularizandoorigem no Senegal{{sem fontes}}portuguesa, como um vínculo com o passado da região.
 
Cerca de 47 mil (1998) pessoas no Senegal têm o crioulo como primeiro idioma em Ziguinchor e em outras cidades de Casamança, bem como em [[Gâmbia]].
6 224

edições