Dados digitais: diferenças entre revisões

77 bytes adicionados ,  22 de agosto de 2004
sem resumo de edição
Desde que a [[humanidade]] desenvolveu o processo de [[contagem]], os [[dedo|dedos]] foram os [[instrumento|instrumentos]] mais simples e eficientes para contar pequenos valores. O [[sistema de numeração indo-arábico]], o mais usado atualmente, é um sistema de base dez, pois são dez os dedos das duas mãos da maioria dos seres humanos. Muitos outros [[sistemas de numeração]] usam a base decimal, pois serviam para [[símbolo|simbolizar]] a contagem com os dedos.
 
Normalmente com os dedos só é possível contar valores [[número inteiro|inteiros]]. Por causa dessa característica, a palavra ''digital'' também é usada para se referir a qualquer objeto que trabalha com valores [[Matemática discreta|discretos]]. Ou seja, entre dois valores considerados aceitáveis existe uma quantidade ''finita'' de valores aceitáveis.
 
Digital '''não''' é sinônimo de [[eletrônica|eletrônico]]: por exemplo, o [[computador eletrônico]] pode ser chamado de digital porque trabalha com o [[sistema binário]], que é simbolizado por uma sequência finita de zeros e uns, qualquer que seja o tipo de dados.
Sistema de [[numeração]] digital: sistema baseado em representação [[binária]] (apenas dois [[simbolos]];
[[Eletrônica]] digital: Ramo da [[eletrônica]] que trata de [[circuitos]] digitais, ou seja, que possuem internamente apenas dois estados mutuamente excludentes (por exemplo: ligado e desligado)
2 257

edições