Áugure: diferenças entre revisões

6 bytes removidos ,  14 de fevereiro de 2008
sem resumo de edição
Ficou muito conhecida a anedota de [[Publio Claudio Pulcro]], descontente com os presságios, mandou jogar ao mar os frangos sagrados, dizendo: "Não querem comer? Pois então, lhe dêem de beber."
 
[[Cícero]] não compreendia que dois áugures pudessem olhar um para o outro sem rir, e [[Aníbal]] zombava do rei da [[Reino da Prússia|Prúsias]], que preferia consultar as entranhas de uma vaca a ouvir o parecer dos seus hábeis generais.
 
== {{Ver também}} ==
==Referências==
* Deixem Que Elas Mesmas Falem de Elben M. Lenz Cesar, citados na página 2.
* Dicionário prático ilustrado Lello de 1964 de José Lello e Edgar Lello editado por LELLO & IRMÂOS, citado na página 1421.
* O folclore de João Ribeiro de 1969, com 224 páginas, citados na página 151.
* História da República Romana de Joaquim Pedro Oliveira Martins de 1952, citados na página 93.
3 587

edições