Diferenças entre edições de "Santuário dos grandes deuses de Samotrácia"

sem resumo de edição
m
{{apagar2|14 de Março}}
 
[[Image:Samothraki_location.jpg|200px|right|thumb|Localização da Samotrácia]]
'''Santuário dos grandes deuses de Samotrácia''' é um dos principais santuarios pan-helênicos, situado na ilha de Samotrácia, na costa da [[Trácia]]. Construido imediatamente a oeste das fortificações da cidade de Samotrácia, não dependia dela, como demostram o envio de embaixadores da cidade ao [[santuário]] por ocasião de festas. O santuário era celebre em todo o mundo grego pelo culto de mistérios que ali se praticava. Um culto ''chthoniem'' que não era menos renomado que o de Eleusis e do que o nome dos homens que foram ali iniciados: o historiador [[Heródoto]], um dos raros autores a ter dado informações sobre a natureza dos mistérios; o rei de [[Esparta]], [[Lisandro]], e numerosos atenienses-o culto é mencionado por [[Platão]] e [[Aristófanes]]. Um período de espetacular desenvolvimento ocorreu durante o período helenista, quando se tornou, no reinado de Felipe II, um tipo de santuário nacional da [[Macedônia]], onde sucessores de [[Alexandre o grande]] rivalizavam em munificiência. Era um importante lugar de culto ainda na época do [[Império Romano]], o próprio imperador [[Adriano]] o visitou e o escritor Varron descreveu uma parte dos mistérios, antes deles se desfazerem ao fim da antiguidade tardia.
Utilizador anónimo