Abrir menu principal
Estácio Gonçalves Souto Maior
Nascimento 30 de julho de 1913
Bom Jardim
Morte 12 de outubro de 1974 (61 anos)
Brasília
Cidadania Brasil
Ocupação político

Estácio Gonçalves Souto Maior (Bom Jardim, Pernambuco, 30 de julho de 1913Brasília, Distrito Federal, 12 de outubro de 1974) foi um médico e político brasileiro.[1]

Filho de Pedro Gonçalves Souto Maior e Josepha de Sousa Leal.

Médico formado em 1935 pela Faculdade de Medicina de Pernambuco, ingressou na vida politica filiando-se ao Partido Trabalhista Brasileiro. Elegeu-se deputado federal por seu estado no pleito de outubro de 1954 e reelegeu-se quatro anos depois. Após a renúncia do presidente Jânio Quadros, votou contra a Emenda Constitucional nº 4, que implantou o sistema parlamentarista de governo, sob o qual foi nomeado ministro da Saúde, de 25 de agosto de 1961 a 19 de junho de 1962 do governo de João Goulart. Retornou depois à Câmara.

Com a extinção dos partidos políticos em decorrência da edição do Ato Institucional Número Dois e a posterior instauração do bipartidarismo, filiou-se à Aliança Renovadora Nacional (Arena), partido de sustentação da ditadura militar instalado no país em 1 de abril de 1964.

Pai do tricampeão mundial de Fórmula 1 Nelson Piquet.

Referências


Precedido por
Edward Catete Pinheiro
Ministro da Saúde do Brasil
1961 — 1962
Sucedido por
Manuel Cordeiro Vilaça


  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.