Estádio Municipal Glicério Marques

Glicerão
Estádio Municipal Glicério de Souza Marques
Nomes
Nome Estádio Municipal Glicério de Souza Marques
Apelido Glicerão
Antigos nomes Estádio Municipal de Macapá
Características
Local Macapá, AP
Gramado Grama natural (110 x 75 m)
Capacidade 5 630 lugares[1]
Construção
Data 1950
Inauguração
Data 15 de janeiro de 1950
Partida inaugural Seleção do Amapá 0-1 Seleção do Pará
Primeiro gol Norman (Seleção do Pará)
Outras informações
Proprietário Prefeitura Municipal de Macapá

O Estádio Municipal Glicério de Souza Marques, também conhecido como Glicerão, é um estádio de futebol da cidade de Macapá, estado do Amapá, pertence à prefeitura municipal.

Chamado inicialmente de Estádio Municipal de Macapá, o estádio sofreu uma alteração no nome para homenagear o primeiro presidente da Federação de Desportos do Amapá, Glicério de Souza Marques.

HistóriaEditar

Mais antigo que o Maracanã, foi inaugurado em 15 de janeiro de 1950 com o jogo entres as seleções estaduais do Amapá e do Pará. Já recebeu jogos da Copa da Amazônia, Copa do Brasil de Futebol e Campeonato Brasileiro de Futebol - Série D.[2][3]

Em 1975, após uma grande reforma, ganhou iluminação, depois de 25 anos somente com jogos no período diurno.[4]

Em 2014, após a final do final do segundo turno do Campeonato Amapaense, entre Santos AP e São Paulo-AP, o estádio foi interditado.[5] No aniversário de 70 anos, foi anunciado verbas para a remodelação e reforma do estádio, com a assinatura do termo de compromisso na presença do senador Davi Alcolumbre, presidente do senado, garantindo a viabilização de R$ 12 milhões para as obras.[6][7]

Referências

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre estádios de futebol do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.