Estádio Olímpico de Atenas

Estádio em Atenas, Grécia

O Estádio Olímpico de Atenas (em grego: Ολυμπιακό Στάδιο), também conhecido como Estádio Spiridon "Spiros" Louis, em homenagem a Spiridon Louis, 1º vencedor da Maratona em Jogos Olímpicos, em 1896, é um estádio localizado em Atenas, Grécia.[1]

Estádio Olímpico de Atenas
Estádio Spiridon "Spiros" Louis

Nome Estádio Olímpico de Atenas
Características
Local Maroussi, Atenas, Grécia
Gramado Grama natural (105 x 68 m)
Capacidade 71.030 espectadores
Construção
Data 1979
Custo € 265 milhões (remodelamento para 2004)
Inauguração
Data 3 de setembro de 1982 (40 anos)
Outras informações
Remodelado 2000-2004
Competições Atletismo
Futebol
Proprietário Governo da Grécia
Administrador OAKA
Arquiteto Santiago Calatrava (remodelamento)
Mandante Panathinaikos
AEK Atenas

Foi sede dos Jogos Olímpicos de Verão de 2004 e é sede dos times de futebol Panathinaikos e AEK Atenas, enquanto o estádio do último está em reforma.

HistóriaEditar

Localizado na área de Marousi, em Atenas, o estádio foi originalmente projetado em 1980 e construído em 1980-1982. Foi concluído a tempo de sediar o Campeonato Europeu de Atletismo de 1982. Foi inaugurado pelo então presidente da Grécia, Konstantinos Karamanlis, em 8 de setembro de 1982. Um ano depois, em 1983, o OAKA Stadium sediou a final da Copa Européia de 1983. Em 1987, o estádio sediou a final da Copa dos Vencedores das Copas de 1986-87. O estádio olímpico é um estádio de categoria quatro da UEFA e é o maior estádio de Grécia. Em 1994, o OAKA Stadium sediou sua segunda final da Liga dos Campeões da UEFA em 1994. Também sediou vários eventos dos Jogos do Mediterrâneo de 1991 e do Campeonato Mundial de Atletismo de 1997, com o objetivo de provar que era capaz de sediar grandes eventos esportivos após o fracasso de Atenas em vencer os Jogos Olímpicos de Verão de 1996, mas sediar com sucesso o Jogos Olímpicos de Verão de 2004.[2]

O estádio foi completamente renovado para os Jogos, incluindo um controverso teto projetado pelo arquiteto Santiago Calatrava. O estádio foi entregue no prazo e reinaugurado em 30 de Julho de 2004.[3]

Recebeu três finais da Liga dos Campeões da UEFA: 1983 (Hamburger SV 1-0 Juventus), 1994 (AC Milan 4-0 FC Barcelona) e a 23 de Maio de 2007 (AC Milan 2-1 Liverpool FC).

ReferênciasEditar

  1. «Estádio Olímpico de Atenas» (em inglês). Local no MusicBrainz. Consultado em 1 de junho de 2020 
  2. patsa. «Main Olympic Stadium | OAKA» (em inglês). Consultado em 2 de dezembro de 2021 
  3. «Olympic-Size Solution Raises Athens Stadium Roof». web.archive.org. 3 de maio de 2012. Consultado em 2 de dezembro de 2021 

Ligações externasEditar