Estêvão de Taraunita

Estêvão de Taraunita (em armênio: Ստեփանոս Տարոնեցի; transl.: Stépanos Taronetsi), ou o Cantor e o Contador de Histórias (em armênio/arménio: Ասողիկ; transl.: Asogik; as vezes transliterado Asolik) foi um historiador armênio do final do século X e começo do XI. Foi o autor de uma história universal.

Estêvão de Taraunita
Nascimento século X
Taraunita
Morte século XI
Etnia Armênio
Ocupação Bispo e historiador
Religião Cristianismo

Vida e obraEditar

Estêvão é, como o próprio nome sugere, originário de Taraunita, um cantão da província histórica armênia de Turuberânia e viveu nos século X-XI. Educado em Ani, a capital bagrátida, se tornou um renomado autor; de acordo com Gregório Magistro, teve uma vida longa.[1]

Considerado uma fonte fiável,[2] Estêvão é conhecido principalmente por sua história universal, encomendada pelo católico de todos os armênios Sérgio I de Sevan. Sua obra divide-se em três livros: o primeiro começa com a criação e se estende até o final do século III; o segundo abrange do reinado de Tirídates III (r. 286–330) e termina com o acesso ao reinado de Asócio I em 884;[3] o terceiro continua até 1004, durante o reinado de Cacício I (r. 989–1020). Este último livro, incluindo os 75 últimos anos constitui uma contribuição original de Estêvão,[4] e um "documento único" do século X armênio e bizantino.[5]

Referências

  1. Hacikyan 2002, p. 316.
  2. Durand 2007, p. 133.
  3. Dédéyan 2007, p. 243.
  4. Hacikyan 2002, p. 317.
  5. Dédéyan 2007, p. 265.

BibliografiaEditar