Abrir menu principal

Estação Central de Bruxelas

Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde julho de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Fachada da Estação Central de Bruxelas

A Estação Central de Bruxelas, em francês Gare Centrale de Bruxelles, em neerlandês Centraal Station, é uma estação de estradas-de-ferro ou caminhos-de-ferro de Bruxelas. Esta é a mais movimentada estação de comboios na Bélgica, com cerca de 180 mil passageiros por dia, ou 55 milhões por ano, apesar de ter apenas seis linhas.

A Estação Central de Bruxelas é uma estação de estradas-de-ferro ou caminhos-de-ferro subterrânea situada na junção que conecta a Estação Norte (Gare du Nord) a Estação Sul (Gare du Midi). Todos os trens que usam a Junção Nord-Midi param aqui menos os Thalys e os ICE.

É também uma estação das linhas de metrô: as linhas 1 e 5 do Metropolitano de Bruxelas.[1]

Uma das linhas de trem da Estação

O seu arquiteto é Victor Horta no um estilo Art Déco.

HistóriaEditar

Referências

  1. «Metro / Tram / Train Map + PRM» (PDF). Bruxelas: STIB-MIVB. 2019. Consultado em 11 de julho de 2019. Cópia arquivada (PDF) em 11 de julho de 2019 

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

 
Ajude a melhorar este artigo sobre Transportes ilustrando-o com uma imagem. Consulte Política de imagens e Como usar imagens.
  Este artigo sobre uma estação, apeadeiro ou paragem ferroviária é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.