Abrir menu principal

Estação Ecológica da Serra das Araras

Estação Ecológica da Serra das Araras
Categoria Ia da IUCN (Reserva Natural Estrita)
Rolinha-do-planalto, espécie rara abrigada pela estação
Localização Mato Grosso, Brasil Brasil
Dados
Área 29 638 ha[1]
Criação 31 de maio de 1982[2]
Gestão ICMBio[3]
Coordenadas 15° 39' S 57° 1' O
Estação Ecológica da Serra das Araras está localizado em: Brasil
Estação Ecológica da Serra das Araras

A Estação Ecológica da Serra das Araras é uma unidade de conservação brasileira de proteção integral à natureza localizada nos municípios de Cáceres e Porto Estrela, no estado de Mato Grosso.[1] Serra das Araras foi criada com o objetivo específico de

HistóriaEditar

Serra das Araras foi criada através do Decreto Nº 87.222, de 31 de maio de 1982, em duas áreas contíguas num total de 28 700 ha nos municípios mato grossenses de Barra do Bugres e Cáceres. O Decreto Nº 87.222 criou outras três estações ecológicas: Guaraqueçaba, Seridó e Caracaraí.[2] O nome da serra surgiu do nome de um charqueador de carne chamado Araras que havia em uma fazenda da região.[carece de fontes?]

Caracterização da áreaEditar

A Estação Ecológica da Serra das Araras está completamente inserida no bioma do Cerrado, tendo sido criada visando a preservação de seus ecossistemas bem como possibilitar a realização de pesquisas científicas e trabalhos de educação ambiental.”[2][3]

ClimaEditar

É do tipo tropical quente semi-úmido, com 4 a 5 meses de seca. A temperatura anual média é em torno de 24 ºC e a pluviosidade de 1.400 a 1.500 mm/anuais.

RelevoEditar

O relevo caracteriza-se pela predominância de vastas superfícies de aplainamentos, modeladas em estrutura geológica diferenciada cristalina e sedimentar, altitudes médias de 400 a 1.000 m e são muito características as Serras e Chapadões na região.

Fauna e FloraEditar

A estimativa percentual de cada tipo de vegetação em relação a área da unidade resume-se em, 50% de Cerrado, 40% de Matas, 5% de Capoeiras, 4% de Campos e cerca de 1% de Várzeas e Veredas.

A fauna da região é bastante numerosa, sendo representada pelo porco-do-mato, onça-pintada, cotia, tatu, capivara, cachorro-do-mato etc. A avifauna é muito rica e destacamos a presença de araras azuis, pardais, siriemas e a raríssima rolinha-do-planalto-central, entre outras.

Serra das Araras serve de refúgio para a Rolinha-do-planalto (Columbina cyanopis), uma espécie rara, endêmica do Brasil e que, segundo a União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN), encontra-se em Perigo Crítico de Extinção.[4] Há muito poucos registros de ocorrências desta ave em outras regiões do Brasil. A destruição massiva do Cerrado Brasileiro, através da formação de pastagens para pecuária, agricultura e queimadas anuais, são as causas mais importantes para a destruição do habitat da Rolinha-do-planalto e a principal ameaça à existência desta espécie rara.[5] Não se sabe quais são os motivos para a raridade histórica desta espécie, visto que, até recentemente, havia largas áreas de habitats potencialmente apropriados para esta ave.

AmeaçasEditar

O principal problema que a estação tem enfrentado são os incêndios presentes durante épocas secas, provocados pela queima do cerrado e pastagens nas áreas adjacentes.

Referências

  1. a b Estação Ecológica da Serra das Araras. Cadastro Nacional de Unidades de Conservação do Ministério do Meio Ambiente. Página visitada em 05 de abril de 2012.
  2. a b c d «DECRETO Nº 87.222, DE 31 DE MAIO DE 1982». Presidência da República - Casa Civil- Subchefia para Assuntos Jurídicos. 31 de maio de 1982. Consultado em 29 de janeiro de 2012 
  3. a b «Esec Serra das Araras». Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade. Consultado em 4 de abril de 2012 
  4. «BirdLife International (2012) Species factsheet: IUCN Red List for Columbina cyanopis» (em inglês). BirdLife International. 6 de abril de 2012. Consultado em 6 de abril de 2012 
  5. «Blue-eyed Ground-dove Columbina cyanopis». BirdLife International (2012) Species factsheet (em inglês). BirdLife International. Consultado em 4 de abril de 2012 
  Este artigo sobre Unidades de Conservação da Natureza é um esboço relacionado ao Projeto Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.